domingo, março 23, 2008

Internet e Banda Desenhada - PORTUGAL - Blogs e Sites de BD - de A a Z




Ilustração de João Fazenda


Banda Desenhada na Internet (Portugal)
Blogues, sítios e portais portugueses de BD, de A a Z

Listagem iniciada em Março de 2008
Geraldes Lino

Sítios, blogues e portais portugueses onde se mostra Banda Desenhada ou dela se fala, proliferam na Internet, dando-se aqui um panorama dos que se formam à base de bandas desenhadas executadas directamente para o espaço internético, os que reproduzem imagens extraídas de obras de diferentes proveniências (fanzines, revistas, álbuns), assim como os que se completam com textos críticos ou informativos sobre BD, não ostracizando aqueles que, apenas residualmente, incluem a figuração narrativa - estes últimos numa listagem suplementar.

O primeiro e principal painel inclui mais de uma centena de espaços, criados por internautas bedéfilos, e em cada um há algo que vale a pena: vinhetas ou pranchas de bedês clássicas ou de cariz alternativo, pormenores inusitados, textos sugestivos, informações inesperadas, pistas de leitura, críticas lúcidas, notas divulgatórias actualizadas, e variados outros aspectos.

A listagem suplementar é constituída por espaços internéticos (sítios e blogues) com interesses diversificados mas onde se encontram improváveis textos e imagens aflorando a BD.

Claro que para formar opinião própria acerca de méritos, ou deméritos, dos sítios e blogues bedéfilos e dos outros, nada melhor do que visitá-los. 
Pela parte que me toca fui pesquisando e visitei os endereços que me recomendaram, mas tenho consciência da tarefa de Sísifo aquela a que me propus, pois vão surgindo novos espaços a cada dia que passa, o que significa que esta listagem está a ser continuamente modificada e constituirá tarefa sempre inconclusiva, embora constantemente actualizável. Fica aqui um primeiro impulso.

PARTE I  

A Filactera Alguns desenhos com histórias e o contrário 
http://www.paulopintoeescrevo.blogspot.com/ (Ermesinde)

Paulo Pinto e escrevo, diz ele. Mas, tanto quanto se vê, desenha as bandas desenhadas (passe a redundância) e escreve os respectivos argumentos, além de mostrar por vezes, em separado, os guiões, literariamente interessantes.
As bandas desenhadas, cujas pranchas anda a publicar virtualmente no seu blogue desde 28 Novembro 2005, são, na sua maioria, traçadas na chamada linha clara, num registo tendencialmente caricatural nas figuras das personagens, mas realista nas arquitecturas urbanas e nas atmosferas que envolvem os numerosos episódios.
Residente em Ermesinde, todavia nascido no Porto, são os cenários da sua cidade-natal que mais chamam a atenção do leitor/visionador, em visita necessariamente prolongada.
(ver em Filactera, A)

Almirante Fujimori
http://almirantefujimori.blogspot.com/ (Lisboa)

Jorge Coelho (JCoelho, como ele assina) está confirmado como sólido talento da BD portuguesa, embora neste seu blogue ele o pudesse mostrar mais (*). E não é por falta de coisas publicadas em fanzines (Eros, por exemplo) e revistas (Elegy Ibérica), o que lhe daria uma boa colheita para espalhar pelo blogue.
Em contrapartida e como vária gente da BD, JCoelho tem uma página no portal DeviantArt. E aí, aí sim, há pranchas de banda desenhada, muitas e boas, na rubrica JCoelho's Gallery, no item "Sequencial". Aconselho, sinceramente, a visita.
Entretanto, apareceu aqui no blogue nosso de cada dia, uma prancha assinada por JCoelho dedicada a Will Eisner e à sua notável criação, The Spirit. Grande homenagem a um grande mestre da Figuração Narrativa.
(*) Em datas mais recentes, JCoelho caprichou em desmentir esta minha afirmação, e de que maneira. Ainda bem.

Almíscaro
http://almiscaro.no.sapo.pt/ (Almada)

Uma espécie de arquivo das bandas desenhadas autoconclusivas, de prancha única, protagonizadas por "Almíscaro", surgidas em Março de 2006, e que vão já no sétimo episódio, intitulado "Supersticioso?", publicado no nº 13 da revista P'Almada, em Fevereiro 2008. O autor desta série assina Serrano (sei que se chama Sérgio Serrano), e a revista é editada pela Divisão de Juventude da C.M.Almada, quadrimestralmente. Mas parece que o Almíscaro tem razão em ser supersticioso: o nº 13 foi editado há já sete meses, em vez dos quatro habituais...
Claro que o que é verdade hoje, pode não o ser amanhã. Estamos agora em Novembro, foi editado outro número da revista P'Almada, e lá surgiu de novo o Almíscaro.
Entretanto, o seu autor e bloguista, abriu mais um espaço internético, desta vez intitulado "Pela bitola do Almíscaro", também acabado de incluir na presente listagem (Parte II, por tratar de outros assuntos, além de BD).

Álvaro
http://alvarocartoon.planetaclix.pt/ (Parede/S. Domingos de Rana)
http://alvarocartoon.blogspot.com/
http://revistamodafoca.blogspot.com/

O primeiro endereço é, por agora, o mais actualizado, mas há muita coisa boa, estamos a falar de banda desenhada, nos restantes. 
Perdeu-se um arquitecto, ganhou-se um singular autor de BD, sempre a arquitectar (lá está...) tramas tão retorcidas como as arquitecturas de Gaudí (ele tinha de ter alguma influência, o que contraria a ideia de se tratar de um dos mais originais banda-desenhistas da actual BD portuguesa...). 
Para além dessas minudências, Álvaro é igualmente cartunista e com a característica de ser bastante prolífico (tanto na BD como na blogosfera), além de super-rápido a realizar as suas bedês, por isso mesmo irrepreensível a cumprir prazos. Sei do que estou a falar...

Anatomias.com 
http://anatomias.mediasmile.net/ (Beja)

Anatomias (estudos para engraçadíssimas figuras), "cartoons" (verdadeiros cartunes, com o "gag" numa só imagem), e, claro, banda desenhada, área que interessa a este bloguista e a esta listagem. 
As primeiras palavras não são muito animadoras: "Nunca fiz muitas bandas desenhadas", escreve o bloguista. Contrariando a afirmação, há "janelas" para várias: "Vida e Obra do poeta olhanense D. João Lúcio" (cinco pranchas a cores), "O menino dos olhos grandes", duas participantes em concursos de BD organizados pela Junta de Freguesia de Olhão, de cujo júri fiz parte em três anos consecutivos. Pedro Veliça, natural de Beja, 1984, tem espírito nómada: já viveu em Lisboa (2001-2005), Londres (2005-2006), Berlim (2006), Birmingham (2008).
Entretanto, também já mudou de poiso na net. Quem quiser ver o que o biólogo/banda-desenhista/cartunista anda a fazer, tem de ir bater à porta do portal (passe o vago pleonasmo) DeviantArt, no endereço 
http://velica.deviantart.com/
onde está alojado desde Agosto 2007.

André Oliveira. Bandas Desenhadas, Coisas Escritas e outras bonecadas
http://andreoliveirabd.blogspot.com/ (Lisboa)

O argumentista tem tanto direito a ser considerado autor de BD como o desenhador. Aqui está um que o prova, ao mostrar várias bandas desenhadas feitas sob argumentos/guiões de sua autoria, coadjuvado nelas por alargado naipe de jovens desenhadores/as, legendadores e coloristas, que escolhe consoante o tema das bandas desenhadas.
Um privilegiado, é o que é, o meu amigo André (rima e é verdade).

An Epic Journey into a Silly Man's Heart
http://lifeoflacas.blogspot.com/ (Lisboa)

É bem visível: muito talento e muita preguiça. 
Ou seja: o que se vê do Rui "Lacas" é bom, mas muito pouco. 
E já vem desde 3 Julho 2006, quando o blogue ainda usava o título "The Life of Lacas", e quando começava, tão animado, com a apresentação do seu álbum "Merci Patron", acabado de ser editado em França (ainda estava longe a edição portuguesa de "Obrigado Patrão"). Que, entretanto, foi lançada, sem merecer do Lacas qualquer referência, nem sequer mostrar uma única prancha da obra, que bem merecia ser divulgada visualmente pelos cibernautas que não podem comprar tudo, ou, e isso é que é mau, menosprezam o que é de autores portugueses.

Anterozóide
http://antero.wordpress.com/ (Lisboa)

Neste blogue, o mês de Janeiro 08 foi especialmente favorável à BD, com episódios gozões e críticos, em especial no que se refere ao ensino. 
Ou não fosse o prof. Antero Valério o dono do blogue e, em simultâneo, autor das bandas desenhadas.

Aos Quadradinhos
http://aosquadradinhos.blogspot.com/ (Lisboa)

Trata-se de um enclave bedístico no blogue misto "Machina Speculatrix". Mas dada a sua total especificidade, tem todo o direito a um lugar aqui nos espaços internéticos especializados.
De facto, com notável início em 29 Set. 2008, surgem para visionamento belíssimas imagens da obra "Arrival", de Shaun Tan. A transição dá-se logo no dia seguinte para a capa e uma prancha de "Blankets", de Craig Thompson. Persepolis", de Marjane Satrapi, "Le Cri du Peuple", de Tardi (desenho) e Vautrin (argumento), "Le Secret de Coimbra", de Etienne Schréder, e, muito recentemente, uma correcta análise crítica de "A Metrópole Feérica", de Luís Henriques (desenho) e José Carlos Fernandes (argumento), obra acabada de sair, tudo assuntos que compõem este novo blogue, em demonstração cabal dos conhecimentos bedísticos, do bom gosto bedéfilo, e da atenção às novidades do mundo editorial da BD, tudo sob excelentes textos analíticos do respectivo bloguista. 
Porfírio Silva, já referenciado na "Parte II" desta listagem, como alguém que, interessado em vários assuntos, neles incluía a BD, decidiu-se criar um blogue só para o tema. Intitulou-o "Aos Quadradinhos" e concedeu-lhe autonomia, embora o mantenha ligado ao acima mencionado "Machina Speculatrix", mas já com frutos evidentes e positivos da emancipação.
Tenho pena de não me ter apercebido atempadamente do aparecimento do presente blogue, de forma a tê-lo colocado nesta listagem e ter sido publicado por J. Machado-Dias no seu BDJornal nº 24 de Outubro 2008

Aqui no Canto
http://aquinocanto.do.sapo.pt/ (Lisboa)
Conheci o João Rubim na qualidade de editor do homónimo fanzine e talentoso autor de alguma BD. No blogue não há muita, em estado puro, mas tem algo que vagueia entre a banda desenhada e o desenho animado, com excelente animação.


Área Negativa
http://areanegativa.blogspot.com/ (Setúbal)
Por acaso, três dessas áreas têm espaços muito positivos: BD, Comics e Reviews BD. "Celtic Warrior", autor das críticas que aparecem nestas rubricas, sabe do que fala e fá-lo em bom estilo, incidindo preferencialmente nas edições da Marvel, o mesmo será dizer, no universo dos Super-Heróis, e ilustrando as postagens com elevado bom gosto. Quando se percebe que alguém fala do que gosta, é à confiança que se lêem as críticas, porque o mínimo que pretende quem as escreve é esclarecer os que não conhecem o género, e converter os cépticos.
Alguém me disse que o "Celtic Warrior" tem apenas quinze anos. Ora como o blogue teve início em 17 de Agosto de 2005, isso significa que este bloguista tinha apenas doze anos quando iniciou o blogue! Dá-me vontade de lhe chamar, pela precocidade, "Mozart da blogosfera".

As Leituras do Pedro
(ver em "Leituras de Pedro, As")

Aventuras de Fernando Pessoa, Escritor Universal
http://lmigueldsm.blogspot.com/ (endereço ?)
Muito antes de se ter começado a comemorar, em 13 Junho 2008, a efeméride dos 120 anos após o nascimento de Fernando Pessoa, já tinha passado para este blogue, em Outubro 2007, a banda desenhada executada pela dupla Miguel Moreira, este a desenhar sob o seu próprio argumento, e Catarina Verdier, a colorir as pranchas, iniciativa dedicada ao poeta (a ideia germinara na mente de M.M. vários anos antes, nos finais de 1999, embora só a começasse a concretizar em princípios de 2002). Uma tarefa exigente, cujas numerosas imagens sequenciais entretanto realizadas merecem ser apreciadas. Por exemplo: para celebrar o dia 13 de Junho, seleccionaram um poema onde se lê: "Gostava de gostar de gostar", de Álvaro de Campos, heterónima figura que o autor decidiu apresentar na cama, nu, mas de chapéu, numa prancha cujos sucessivos "layouts" podemos apreciar. Estupenda ideia!

Barnaby's Art?
http://barnabyart.blogspot.com/ (Lisboa)
A começar pelo texto de apresentação, "My name is António Brandão, and I'm a 30 years old portuguese living in Lisbon (...)", todo o blogue é escrito em inglês, estratégia que começa a generalizar-se entre os autores-artistas de BD que se querem profissionalizar no estrangeiro (porque em Portugal não é possível, claro, tal como muitos ingleses vão trabalhar para os Estados Unidos...).
O "post" mais recente é de Aug. 23, 08, o primeiro data de Novembro 14, 07. Alguns dias depois do início, escreveu ele: "After making my decision on going full time comic book artist (...)". E, por algumas pranchas que mostra no seu próprio blogue, lápis e tinta feitos por ele, o colorido por Marc Lewis, constata-se que temos mais um novo artista português, com talento "mainstream", a trabalhar para o estrangeiro. O que se confirma pelo que se lê no "post" de Jan. 16, 08: "Just finished my first 22 page issue today!").
Seguindo o "link" que indica o portal "My Gallery at Comicspace", vai encontrar-se, além do retrato do autor, uma extensa "Barnaby's Comics Galleries". O que de igual modo acontece no outro "link", o "My Gallery at Deviantart", onde tem a galeria Tozé Barnabé, no endereço http://toze-barnabe.deviantart.com/

BDesenhada.com-A volta ao mundo da bd
http://www.bdesenhada.com/ (Porto)
Dos cinco responsáveis, apenas conheço pessoalmente o "enanenes", aliás, Nuno Pereira de Sousa, mas a equipa englobava, além dele, Durão, Ferrão, Marinho, Farinha e Sharkov, um colectivo que facilitaria o trabalho. Todavia, contrariando a premissa, o sítio parou em meados de 2007, vá-se lá saber porquê (no que concerne ao "enanenes", será que o médico abafou o bedéfilo?), o que não impede que continue a valer a pena ir lá consultar o imenso acervo de críticas e textos generalistas, onde Daniel Maia também participou a fazer um balanço do mercado da BD referente a 2006.

BD Lusa
http://bdlusa.cidadevirtual.pt/ (endereço?)
Um site que se apresenta como sendo "uma lista de discussão dedicada à Banda Desenhada europeia (...)". Tem apresentação muito fora do comum, embora com o desagradável aspecto controleiro que dá o acesso reservado (o portal "Central Comics" tem aqui um antipático confrade). Todavia, o que dá para visionar livremente em alguns dos seus itens - "Novidades", "Notícias" -, apesar de desactualizado, pode suscitar interesse na inscrição formal no "Espaço dos Subscritores".
De dois dos outros itens - "História da BD", "Autores & Heróis" -, o pouco que está visível demonstra assinalável critério: no primeiro, apresenta imagem da tapeçaria de Bayeux, antepassada da figuração narrativa; no segundo item inclui a rubrica "Quando os autores se tornam personagens" (muito semelhante à minha rubrica "O Autor como personagem da sua própria BD"), em que mostra Derib e um intérprete da série "Buddy Longway", claramente baseado visualmente no autor; por sua vez, Cosey serviu obviamente de modelo para o seu herói "Jonathan".
A terminar a parte consultável sem limitações despropositadas (a Internet foi criada livre e gratuita!), o sítio apresenta uma listagem de compra e venda de revistas de BD, ideia que também já tive, mas que nunca pus em prática, pelo facto de a considerar pouco consentânea com o espírito do meu blogue.

BD Nostalgia. Comics Database Portugal (Desactivado. Ver Parte III)

BD Portugal. Base de dados de BD. Comics Portugal. Comics Database
http://www.bdportugal.info/ (endereço físico?)
De carácter claramente mercantilista (compras, vendas, leilões), nem por isso deixa de aqui justificar admirativa referência, considerando a quantidade de informação que fornece acerca de revistas, álbuns, editoras, e datas de publicação de inúmeras colecções portuguesas antigas. Uma fonte de entusiasmante e interminável visita.

BD Tube
http://bd-tube.blogspot.com/ (Leiria)
Tal como VERBD foi uma "pedrada no charco" no panorama da Banda Desenhada em Portugal, este blogue constitui momento semelhante, pelo seu carácter inovador na área da BD. O seu criador, Gustavo Carreira (aliás, "Requiem") é também a cara, e a voz, do blogue, que ouvimos a criticar, cara a cara, as obras que recentemente leu e visionou.
Na primeira postagem visual (22 Nov.08) fez críticas a algumas obras, de autores portugueses, lançadas no Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora - FIBDA 2008, designadamente "A Metrópole Feérica", de Luís Henriques (desenho), José Carlos Fernandes (arg.), "Bang Bang", de Hugo Teixeira (atenção, "Requiem", Hugo Teixeira também já trabalhou a cor, e com muito bom gosto, numa bd de quatro pranchas, publicada no meu fanzine Tertúlia BDzine, editado em Junho, pelo 23º aniversário da Tertúlia BD de Lisboa), "Camões", de Jorge Miguel (e também aqui, um reparo: este autor já tinha sido publicado em Portugal, num suplemento editado pelo semanário "O Diabo"), "A Essência", uma longa metragem protagonizada pela personagem "Menino Triste", de João Mascarenhas, e a revista "Moda Foca", de AAVV (entre os quais Álvaro, Pedro Alves e Derradé, um trio de elevado sentido de humor e sátira).
As postagens, numeradas à americana (#1, #2, #3, #4, e #5) abarcam várias correntes estéticas e de diversas nacionalidades, embora, meritoriamente, as edições portuguesas já tenham merecido dois "posts".
Trabalho interessante, que vale a pena ouvir e visionar.

BD Voyeur
http://bdvoyeur.weblog.com.pt/ (Malveira da Serra/Cascais)
Os espreitas ou mirones, "voyeurs" tugas, têm no Jorge Machado-Dias experiente guia, capaz de se rodear dos mais imaginativos criadores de bandas desenhadas erótico-pornográficas, daqueles que sabem como proporcionar, aos leitores-visionadores de BD, sedutoras, excitantes e lascivas imagens, que ficam à disposição neste invulgar blogue.

Beco das Imagens. Banda Desenhada e Ilustração
http://becodasimagens.wordpress.com/ (Lisboa)
Sara Figueiredo Costa, em 20/6/2003, apresentava assim este blogue: "O Projecto. Aqui se desenha o início de uma aventura: registar num blog todas as informações que nos pareçam interessantes no mundo da Banda Desenhada e da Ilustração (...)".
E de facto, nele criticou, e bem, durante uns anos, obras de BD. Mas desde que, a certa altura, transferiu as suas críticas para suportes de papel (revistas Os Meus Livros, Ler, mais a revista-suplemento Actual do semanário Expresso), a banda desenhada quase desapareceu do blogue, substituída por textos sobre ilustração e respectivas imagens.
Longe ficaram, neste beco, os tempos áureos para a BD, embora haja ainda lampejos de vez em quando como, por exemplo, as chamadas de atenção, de quando em vez, para o categorizado The Comics Journal, e até já aconteceu a republicação de um texto surgido originalmente na citada revista Ler, como aconteceu com a (notável) crítica à obra Eternus 9, de Victor Mesquita, em postagem datada de Março 09.
Pouco tempo depois, em 27 Maio 2009, aparece um título-aviso "Mudança", a que se segue o comentário: "Há muito que isto estava a precisar de uma volta. Foi desta: seis anos depois mudámo-nos para um novo espaço (...)"
É desse novo espaço o endereço que consta no título, embora o anterior http://becodasimagens.blogspot.com/ ainda esteja visitável, com um acervo de seis anos de postagens que continua a merecer visita atenta e prolongada.
Com a mudança veio também um diferente grafismo no cabeçalho, bastante sugestivo. Sob o título "Beco das Imagens" aparecem agora dois subtítulos, "Página de Rosto" e "Galeria do Beco".
O primeiro está logo à superfície, e parece voltar a dar a primazia à BD (crítica a obras, notícias sobre eventos), enquanto que o segundo, ainda em início, se apresenta exactamente como galeria, tendo por artista inaugurante Maria João Worm, a descrever, na primeira pessoa, o seu percurso artístico, que se cruza com BD, Ilustração, linogravura, até escultura em papel.
Dois espaços e dois olhares diferentes, envoltos em escrita correcta, por vezes brilhante.

Bedeteca de Lisboa
http://www.bedeteca.com/ (Lisboa)
Sítio amplo, que abarca copiosa informação, relacionada com a actividade daquele equipamento cultural autárquico, em actualização praticamente diária pelo funcionário-especialista bedéfilo-autor de BD-fanzinista, Marcos Farrajota. Uma das razões que justifica visita demorada é a rubrica Dossiê, de periodicidade anual desde 2000, que contempla aspectos diversificados da banda desenhada. Festivais, edições, crítica, fanzines, movimentos (neste caso descrevendo o que houve de concursos, exposições, cursos, palestras, programas de rádio, de televisão, por vezes o panorama da internet bedéfila), todos esses itens são tratados no dossiê por diversos especialistas.

Bibliotecário Anarquista
http://bibliotecarioanarquista.blogspot.com/ (Lisboa)
Havia já um banqueiro anarquista, faltava ainda um bibliotecário na mesma onda. Adalberto Barreto tem curso de bibliotecário, não me consta que inclua cadeira anarca. Mas sei - e isso é que interessa para aqui - que se trata de indivíduo culto, além de atento e informado leitor de banda desenhada, aspectos legíveis e visíveis, respectivamente, nos comentários críticos e nas imagens com que os complementa neste blogue. Também com interesse, mas bastante diferente é o seu outro, de criação posterior, o "Espécie de Diplodocus".

Blog da Utopia
http://bandadesenhada.blogspot.com/ (endereço?)
Janeiro de 2008 é a data da postagem mais recente, assinada por Ferrão, um dos bloguistas mais férteis da equipa que forma (formava?) com Farinha, desde Sábado, Janeiro 15, 2005. Hipótese: a dupla ter-se-á cansado (definitivamente?) de escrever artigos acerca de obras e personagens da banda desenhada, americana e europeia, por vezes esporádicas análises sobre a realidade nacional. As sérias, bem escritas e justamente entusiásticas críticas a "O Mundo numa Colher (Beterraba)" e a "As pombinhas do Sr. Leitão", ambas de Miguel Rocha, ou a "O Dobro de Cinco", de Lourenço Mutarelli, respectivamente, são exemplares. Apesar de aparentemente descontinuado em definitivo, ainda vale muito a pena visitar este blogue.

Blogue Vasco Parracho
http://vascoparracho.blogspot.com/
O bloguista que dá nome ao blogue tem um projecto ambicioso, começado a mostrar neste espaço em 6 de Janeiro de 2008.
As quatro primeiras pranchas expostas no dia do arranque já estão coloridas, embora ainda não finalizadas totalmente, visto manterem os balões de fala em branco, à espera das respectivas legendas.
Ao longo do ano, o autor-bloguista foi mostrando mais pranchas, na sua totalidade ou apenas pormenores, onde demonstra ter uma enorme vontade de realizar obra de fôlego, esmerando-se nas cenas de combates e nos pormenorizados planos de conjunto.
Já em 2009, Vasco Parracho acrescentou mais duas pranchas, nas quais se nota evolução no tratamento da figura humana.
Um senão desagradável: nas legendas notam-se erros ortográficos injustificáveis ("notíçias", "Numançia", c de cedilha antes de i?), outros de incorrecta acentuação ("desceu á terra", "chegava á serra", acento agudo em vez de grave, sistematicamente), tanto mais injustificáveis quanto é certo que se trata de alguém que demonstra considerável cultura na área de História.

Blogzine da Chili Com Carne
http://chilicomcarne.blogspot.com/ (Lisboa)
Críticas a autores (Mike Diana, por exemplo), a obras (entre outras, Bebé 2000, de Caroline Sury), a fanzines (Milk+Wodka, Argh!, títulos importantes), a livros BD ("O Percutor Harmónico", de André Lemos), e muita divulgação das edições (BD e Ilustração) da homónima editora alternativa, onde pontifica o casal Marcos Farrajota e Joana Figueiredo, ambos faneditores e autores de BD.

Braga Desenhada
http://bragadesenhada.blogspot.com/ (Braga)
Apesar de criação recente - 16 Agosto 2008 -, este blogue demonstra boa amplitude de interesses da parte do bloguista que assina "Deli".
Tendo começado por afixar imagem da capa da obra "Maus" e do seu autor - invulgar foto de Art Spiegelman -, e imagem do romance gráfico "Persepolis" - também, neste caso, com personalizada foto de Marjane Satrapi -, "Deli", escapando à repetitividade que se nota por vezes na blogosfera bedéfila, tem seleccionado temas pouco visíveis noutros espaços, como sejam: "The Manga Bible", de Ajinbayo Akinsiku (Siku), ou "Magdy El Shafee from the Cairo" (obra em BD, claro, apreendida pela polícia egípcia).
Mas igualmente foca obras de maior visibilidade, caso de "As Paredes Têm Ouvidos" (neste caso através de colagem de texto de F. Cleto e Pina, aliás, Pedro Cleto, pulicado no Jornal de Notícias), e de "Palestine", de Joe Sacco, onde este afirma, com simplicidade, "Eu faço Banda Desenhada, não Romance Gráfico" (tradução de "I do comics, not graphic novels", que, no plural, "eu faço bandas desenhadas, não novelas gráficas", ficaria melhor, digo eu.
E ainda um comentário acerca da notável obra "Watchmen", na postagem de 20 Novembro 08 -, última observada aquando da visita efectuada em função deste verbete.

Cães Danadinhos
http://danados-bd.blogspot.com/ (endereço?)
O blogue existe, não se pode dizer o contrário. Mas, francamente, há algo confuso nisto: alguém desenha três tiras, em 3 de Maio 08, se calhar num impulso entusiástico, e começa a pôr avisos nos blogues dos outros (no meu, por exemplo), a chamar a atenção para o facto de ter criado um blogue, e ter lá bandas desenhadas dele próprio. Perfeitamente compreensível. Mas depois... kaput, nunca mais fez nada. Fica aqui o registo porque, apesar de tudo, repito, o blogue existe, e estão lá três tristes tiras (tristes por não terem mais companhia...). Então, Paulo Sequeira, esgotou-se o entusiasmo?

Central Comics
http://www.centralcomics.com/ (Porto)
Enorme e activo portal (só é pena que não se tenha acesso livre ao seu todo, é muito raro este tipo de limitação em blogues, nacionais ou estrangeiros).
Os troféus homónimos são prestigiados e prestigiantes, atendendo à participação, na selecção inicial, de Pedro Vieira Moura, crítico de prestígio (blogue "Ler BD"), Pedro Cleto (crítico "free lancer" de BD no Jornal de Notícias), Nuno Amado (bloguista do "Leituras de BD"), Daniel Maia (nome emergente como autor de BD), além de Hugo Jesus, responsável-mor pela planificação, selecção de imagens e escrita dos textos deste portal, também argumentista de BD, editor e livreiro.

Central Comics - Cadavre Exquis
http://cc-cadavreexquis.blogspot.com/ (Porto)
Pertence ao portal homónimo, mas é um blogue independente, até agora dedicado à realização de uma iniciativa associada ao seu próprio título, ou seja, um "cadavre exquis", significando neste caso uma banda desenhada por vários autores sem a ajuda de argumento (um bom exemplo é o meu fanzine "Cadavre Exquis aliás Cadáver Esquisito", cujo nº1, e único, editei em 2001). No presente desafio, a decorrer desde o princípio de Julho 08, com quatro pranchas finalizadas neste momento (*), já participaram os desenhadores Nuno Sarabando, Phermad, Johnny e Hugo Teixeira, uns sozinhos, outros com o apoio de argumentistas, nomeadamente Hugo Jesus e Requiem.
(*) Na minha mais recente visita, eram 44 as pranchas expostas, já dá para um álbum!

CNBDI-Centro Nacional de Banda Desenhada e Imagem-Amadora
http://www.amadorabd.com/ (Amadora)
Sob a sigla do CNBDI funciona um equipamento cultural, dependente da autarquia amadorense, onde nasce, todos os anos, o já conceituado Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora. Se outro mérito não tivesse, a sua existência justificar-se-ia pela organização daquele evento. Mas, para além disso, o CNBDI organiza diversificadas exposições no seu próprio espaço, com equilibrada cadência. Além de - caso único em Portugal - estar constantemente a enriquecer o seu acervo bedístico graças à aquisição (ou recepção de ofertas) de pranchas originais de diversos autores-artistas da banda desenhada nacional, designadamente Eduardo Teixeira Coelho, José Garcês, José Ruy, José Pires. Como órgão informativo público foi criado este útil espaço internético, que se debruça, atento, sobre novidades editoriais, eventos bedéfilos e exposições (não apenas no CNBDI mas sim onde quer que se efectuem). No que concerne ao seu próprio festival foi feito, logo no início, uma útil retrospectiva a historiá-lo desde 1990, quando se estreou sob o modesto título de I Salão de Banda Desenhada da Amadora.

Coiso e Tal, O
http://fanzinecoiso.blogspot.com/ (Lisboa)
O destino último deste webzine "O Coiso e Tal" será passar a ser feito em papel, pelo menos é a intenção de Rodrigo, um dos faneditores, e também autor (argumento e desenho) da tira inicial da banda desenhada com título igual ao do blogue, onde surge um tal Dr. Mouse, herói (anti, se calhar é mais apropriado) dos gags. A tira sairá à medida da disponibilidade do autor, como é costume na BD da blogosfera.
O texto, impagável, a demonstrar grande imaginação e bom sentido de humor, é escrito por Paulo Barbosa, a usar copiosamente a gíria (na componente do palavrão, presente logo no título "Momentos ó foda-se") para dar maior ênfase à incrível situação imaginada.
O duo promete.

Companhia do Zu, A
http://www.companhiadozu.interdinamica.pt/ (Lisboa)
Um dos escassos autores portugueses de banda desenhada infantil, e que se assume como tal, eis José Abrantes, criador do Zu e demais personagens (visíveis no site que tem por título o seu próprio nome) direccionadas para criar bem cedo o gosto pelas histórias narradas por imagens.

Crib Sheet, The
http://thecribsheet-isabelinho.blogspot.com/ (Estremoz)
Com todos os textos escritos em língua inglesa (além do título, ainda há o subtítulo "comics"), apesar de assinado pelo português Domingos Isabelinho, aí está um blogue singularíssimo, ou não fosse o seu responsável um insigne estudioso, crítico e divulgador (tenho razões pessoais para afirmar que ele não gosta deste último conceito, mas considero que quando alguém escreve acerca de BD, a dizer bem ou mal, está a divulgá-la).
E quanto a divulgação, sem dúvida que, com os textos em inglês, tudo quanto Isabelinho escrever será lido em qualquer parte do mundo, inclusive no Japão, onde haverá audiências interessadas a respeito dos seus bem fundamentados pontos de vista acerca da mangá, sobre a qual se debruçam dois "posts" (Dez. 15 e 12, 2008), com o útil suplemento de vários endereços que aconselha ao longo dos artigos.
Contrariamente a algumas opiniões que defendem o princípio de os textos nos blogues não deverem ser extensos, aí está mais um bloguista a praticar o contrário (o outro é o brilhante Pedro Vieira Moura, no seu excelente Ler BD), por vezes sob a conspícua égide de "The Comics Journal".
"Semi-aposentado crítico português de banda desenhada", assim se apresenta o bloguista. E acrescenta títulos de vários fanzines nos quais colaborou, portugueses e estrangeiros, cita o prefácio para um livro acerca de Guido Buzzelli, informa ter sido comissário de uma exposição em Lisboa dedicada àquele autor-artista da BD italiana (vou pensar em fazer texto idêntico em relação a mim próprio, estava um bocado acanhado em o fazer, mas dado o exemplo...).
Tem sido bastante profícua, de facto, a actividade anterior deste recém-chegado à blogosfera (em 25 de Setembro de 2008), que ali se apresenta com o esclarecedor artigo "My Comics Canon", onde faz extensa listagem das suas preferências no capítulo da Narração Figurativa, com a finalidade de refutar a opinião que a seu respeito se generalizou (ele assim o diz) de não ser um apreciador de BD por a considerar infantil (afirma ele que é o que dizem os seus detractores).
Pelo que me toca, eu, aqui bloguista-escrevinhador, posso afirmar que Isabelinho é um devoto da obra "disneyana" de Carl Barks, facto que é do meu conhecimento pela leitura dos artigos que sobre o "ghost" americano de Walt Disney ele escreveu, na década de 1980, no inigualável fanzine português "Nemo", editado por Manuel Caldas.

Da Minha Colecção
http://minhacoleccao.blogspot.com/ (Açores/Ilha Terceira)
O açoriano Alberto Soares, como qualquer coleccionador de BD não egoista, gosta de mostrar as suas peças preciosas (sim, quase tão valiosas, em alguns casos, como as pedras preciosas...). E a partir duma atarefada manhã do dia 20 Nov. 2005, até 16 Jul. 2007, muito boa BD se viu neste blogue, parte dela em pranchas originais, desde Arturo del Castillo a Frank Bellamy. Interrompido nessa data, eis que o bloguista volta à actividade, em Jul. 28, 2008. Seja bem reaparecido!

Daniel Maia
http://danielmaia-art.blogspot.com/ (Montijo)
O que está agora activo é o endereço acima indicado, e não o de baixo. Mas por enquanto deixo ficar o texto, para se ver a diferença. Ou seja: passou a haver menos BD.

Danielmaia.com
http://www.danielmaia.com/ (este endereço já não tem a ver com o Daniel Maia)
"Sequentials" é o item que atrai prioritariamente qualquer bedéfilo, que lhe dará a ver quatro pranchas, bem desenhadas, que servem de apresentação (após clicar na seta colocada à direita) a outras tantas sequências, cada uma delas composta por nove pranchas, nalguns casos mostradas em versões duplas de preto e branco e coloridas, onde se descobrem rostos esporadicamente mediáticos do espectáculo, do desporto e da política.
Também existe uma área de Ilustração, ao alcance de um clique no item "Illustrations". Imagem a imagem, desfilarão "Comics Illustrations", desenhos de personagens de BD, a preto e branco excepto uma a cores, num sistema de visionamento tecnicamente muito perfeito, com o aviso "click to enlarge" sempre a surgir ao longo da galeria de três grupos de oito, cinco e de novo oito composições.
Há, para além disso, quatro "links" internos (ali denominados "Zigurates"),de que apenas dois funcionam AG (All-Girlz, parado desde Dez.07) e H (Hydrafolia, relacionado com um Estúdio Hydra, datado igualmente de Dez.07).

De BD na mão dos Morcegos
http://bd-o-morcego-ilustrado.blogspot.com/ (endereço?)
Iniciado em Janeiro 08, este blogue apresenta-se como espaço colectivo dedicado à publicação virtual de uma banda desenhada criada pelo grupo que se autodenomina de "Ilustração Científica 2007/2008", o qual englobará 26 pessoas, "cada uma com intervenção de 1 página", como escreve Rucarras Schizzo, um dos artistas participantes. As pranchas desenhadas podem visionar-se a seguir ao título "A BD começou", e começou muito bem, em imagem da autoria de Pedro Salgado (nome notabilizado na ilustração científica), logo seguido de mais uma dezena de ilustradores e ilustradoras. Através de episódios curtos, observam-se os mais diversos habitantes dos Oceanos, desde os que apenas existem na fantasia (as sereias), até ao peixe-camaleão ou tubarão-anjo, que nos são dados a conhecer por imagens sequenciais de estilos bem diferenciados.

Descobrir Portugal em Língua Gestual Portuguesa (LGP) http://profsurdogoulao9.no.sapo.pt/ (endereço?)
O prof. Francisco Goulão, que se apresenta como sendo ele próprio surdo/deaf, criou este site para crianças surdas, todo feito à base de imagens desenhadas, por vezes com alguma sequencialidade, a representar vinhetas virtuais de banda desenhada, sendo os diálogos dados através da língua gestual. Participa-se assim numa viagem - mesmo quem não saiba descodificar os gestos, consegue acompanhá-la - que se inicia no Porto e vai passando por varias localidades, incluindo Lisboa (esta tem direito a prolongada visita, dada através de oitenta e nove vinhetas!). Os desenhos, a cores, da autoria do bloguista, são simples e, no que se refere à reprodução de monumentos e paisagens urbanas, bastante pormenorizadas e correctas.

Diário Rasgado
http://diariorasgado.blogspot.com/ (Porto)
Muitas tiras de BD e algumas pranchas da mesma arte mostram o despontar de um novo virtuoso da banda desenhada nacional, Marco Mendes, a viver e a dar aulas no Porto, às vezes também em Guimarães. Além destas actividades, ainda tem tempo para editar fanzines, onde se desdobra como editautor.

Dinis Vale
http://dinisvale.planetaclix.pt/ (endereço?)
Dezoito pranchas de banda desenhada e mais seis de ilustrações é o conteúdo deste promissor blogue, descontinuado desde Agosto de 2006. Seria útil saber-se o porquê do desaparecimento de Diniz Vale (quem é?) da blogosfera bedéfila, abandonando um trabalho para o qual mostrou talento. Merece referência também a colaboração, embora curta, de Lisa Nádia Vale (irmã?) que participou no site realizando uma prancha de BD (boa) e três de ilustrações para uma galeria individual. Desistiram ambos definitivamente?

Diogo RC Carvalho
www.comicspace.com/diogorccarvalho (Pardilhó/Estarreja)
Então não é que já lá está a bd "Cruzamento", editada no jornal Mundo Universitário, que eu também já reproduzi no meu blogue? Esta é a cores, o MU é todo feito em policromia, e ainda bem. Depois há, a preto e branco, as bedês "Final Decision", em três pranchas; "Bachelor Party", também com a mesma dose, mas esta ainda sem legendas; "Lovecraft based history" (concretamente, trata-se da bd "O Estranho Caso de Edgar Pickman", publicada no fanálbum "Murmúrios das Profundezas"), que tem oito pranchas, mas ali apenas três visíveis; "I'ts Friday" (mal escrito, deveria estar "It's Friday"), mostra duas pranchas, ao baixo, que atingirão um total de oito; "Nothing", 2 de 3 pranchas; "The Name", com legendas em inglês, uma prancha apenas. Mais uns sketches, e também uns estudos para personagens ("detective", "farejador", "inquisidor", entre outros).
Todavia, estranhamente, este "homem do Norte" (como se auto-classifica), não tem aqui uma única das 50 pranchas do seu álbum "Cabo Connection", publicado pela editora Dr. Makete, pertencente ao homem do Sul, e seu amigo, Phermad.

Divulgando Banda Desenhada
http://divulgandobd.blogspot.com/ (Lisboa)
O próprio título indica do que é que trata. Tudo o que tenha a ver com BD: exposições, concursos, imagens de coisas que este bloguista gosta muito, desde autógrafos desenhados, castelos a servirem de cenário de aventuras, partes de bandas desenhadas onde o próprio desenhador participa como personagem, e até entrevistas a autores portugueses (alguns dos mais importantes da revista de BD, a "Visão"). Em suma: desde Março de 2005 que me tornei um "blogaddict", o chamado "blogger", ou, aportuguesando, bloguista. Talvez por isso mesmo, três anos passados, tive a ideia de me lançar na tarefa movediça deste levantamento que pretende englobar todos os espaços internéticos portugueses relacionados com banda desenhada.

Do Fundo do Meu Blog
http://geraldeslino.interdinamica.pt/ (Lisboa)
Mais ou menos idem, idem, aspas, aspas, porque, tal como o anterior, também é meu, e serve de mostruário a uns tantos temas tratados no Divulgando Banda Desenhada, mas aqui com a visibilidade bem maior que lhe dá o portal Interdinamica.

Dr. Kartoon
http://www.drkartoon.com/blog (Coimbra)
Trata-se de blogue ligado umbilicalmente a uma livraria coimbrã de banda desenhada, bem conhecida dos bedéfilos de todo o país, aberta pela belga Fanny Denayer que após fazer em Portugal amigos bons e negócios maus, decidiu regressar ao seu país e trespassar a loja a um grupo de amigos (os "Andróides"), de que destaco os que também são meus, João Miguel Lameiras e João Ramalho Santos. Ambos profundos conhecedores de BD, há muito que escrevem sobre o tema em jornais - Lameiras no Diário As Beiras, aos sábados, Ramalho Santos no quinzenário JL-Jornal de letras Artes e Ideias -, e passaram também a escrever, e bem, neste blogue, desde 4 Julho 2007.
Desde o artigo acerca de "O Regresso de Hellboy" (Lameiras, logo em Jul. 07), passando por "Muchacho" e "Wolverine", num só "post" (Ramalho Santos também ainda nesse mês), até chegarmos a "Wanya regressa em Orongo" (Lameiras, Fev 2008), o blogue tem muito que se leia. Embora, ultimamente, se note que está muito espaçada a actividade crítico-literária dos dois amigos coimbrões - desde 24 de Julho que não há novidades. "Blogueou"?

Dupla Personalidade, A
http://aduplapersonalidade.blogspot.com/ (Caldas da Rainha)
Tiras de banda desenhada minimalista, realizadas por alguém que assina anaoj (anagrama de Joana, já agora o resto, Leite Silva), que se autoclassifica como parva mas acha que sabe desenhar. Bom, as figuras das personagens que actuam nas tiras não confirmam a afirmação da autora, tanto assim que ela completa cada uma delas com a frase "garatujada em...". Mas indiscutível é mesmo o seu sentido de humor - que fez com que este visionador desse sucessivas gargalhadas -, a sua originalidade, que se vê pela forma como acrescenta, por vezes, inesperadas pinceladas de cor nas figuras (aquele Hulk verde, em Maio 07, é um achado), e a capacidade de imaginar "gags" consecutivamente. No momento em que estou a apreciar o blogue, já tem publicadas 348 tiras!
Mexendo de novo no "Dupla Personalidade" em data posterior, aproveito para mencionar o facto de umas tantas tiras terem saltado do espaço virtual para um suporte físico de papel, concretamente para o corpo do fanzine Juvebedê (nº41-Out. 08) onde ocuparam três páginas mais a contracapa, tendo sido uma das tiras beneficiada pela utilização de uma pincelada de cor verde, a pintar a borracha com que a autora apaga a personagem. Não sendo ideia inédita (lembrei-me logo do "Boneco Rebelde"), não deixa de ser mais uma pequena nota de originalidade com a utilização funcional da cor.

Ekos World
http://soulfireworld.blogspot.com/ (endereço?)
Com coordenação e escrita de um tal "Crucios", que fala bastante das mangás de que gosta, de "cosplay", das suas boas compras de BD na Feira do Livro de Faro (temos algarvio na blogosfera?), de filmes baseados em super-heróis. Este bloguista do "Ekos World" aparenta ser bem adulto, porque no "post" de 24 Junho 08 ataca a censura que existia no antigamente, e ainda existe, digo eu, subreptícia, mas, claro, nada comparável com a inquisitorial virulência e o aspecto ditatorial de outrora. Seja como for, estamos todos frontalmente contra.
O que não justifica o seguinte: uma semana depois ("post" de 31 Jul. 08), sem aparente justificação contextualizante, apenas escrevendo "espero não ofender ninguém", mostra a foto algo inestética de uma mulher deitada, de vagina abundantemente peluda em primeiro plano, a entrar-nos pelos olhos dentro, sob o título "Why does the taliban hate America".
Eu também abomino a censura, acho que ficou bem claro pelo que disse antes. Mas, considerando que a internet é facilmente acessível a crianças, julgo que haverá muitas outras maneiras de mostrar corpos, até sexos, de forma menos agressiva. Como diria um certo diácono Remédios, "não habia nexexidade"...

Entropia
http://entropia.no.sapo.pt/ (Mafra/Carapinheira)
A categoria (ou etiqueta) Banda Desenhada deste blogue vai~se enchendo de breves biografias e pranchas dos autores que desfilam na galeria, desde alguns muito jovens e praticamente iniciantes, passando por Álvaro, já bem conhecido, culminando em Alan Voss, francês que colaborou na revista Métal Hurlant, actualmente a residir em Portugal.
A selecção é de Paulo Marques, ele próprio também autor, habitual participante na Tertúlia BD de Lisboa, onde vai conhecendo e captando para o seu sítio aqueles que mais aprecia.

Especialistas, Os
http://www.nitrodesign.com/especialistas (endereço?)
Alguma tecnologia, alguma confusão, muito humor, isto desde 3 Julho 1998, por conseguinte há quase 10 anos (com paragem entre Jul. 23, 2000 e Nov.3, 2007) que Pedro Couto e Santos e Nelson Martins realizam uma tira de BD, umas vezes é um que faz, outras vezes o outro, ou até a duas mãos, por exemplo para desejarem Feliz 1999. Começaram a tira a preto e branco, já passaram a cor, as personagens é que se mantêm: Glork e Gnarff, são bons e amigos, Gurk-o-nojo é quase isso mesmo, mas tem muita piada. Há versão em inglês, uma boa estratégia.

Espécie de Diplodocus
http://especiedediplodocus.blogspot.com/ (endereço?)
Todas as publicações que ostentam ISBN são classificáveis como monografias, explica Adalberto Barreto, que já escrevia sobre BD no "Bibliotecário Anarquista". Neste seu novo blogue, cujo título remete para uma das numerosas imprecações da irrepetível personagem Capitão Haddock, o bloguista dedica-se a registar, desde Abril 2008, tudo o que de BD vai sendo editado, linearmente, sem sombra de crítica. Base de trabalho útil para os seus pares bibliotecários, mas igualmente com interesse para qualquer bedéfilo.

Espírito Crítico
http://kingpinbooks.blogspot.com/ (Lisboa)
A palavra "log", que deu azo a aparecer "weblog" e, simplificadamente, de "blog", tem a ver, na sua origem, com um objecto chamado "diário de bordo", onde ficava registado o que ia acontecendo num barco. Neste blogue, Mário Freitas faz algo que vagamente se assemelha: vai contando, passo a passo, o que anda a fazer enquanto argumentista, arte-finalista, legendador e editor. E embora o endereço remeta para a sua livraria, apenas transversalmente a foque, ou seja, só quando se refere a edições suas as quais, obviamente, lá estarão à venda.
(Lá, quero dizer, na agora chamada "Kingpin Books", cujo novo nome também se reflecte no endereço do blogue, que era anteriormente kingpinofcomics, tal como a livraria).
Bom observador e com espírito crítico não truculento - ele nem parece português, contrariando a tendência portuga de focar apenas os aspectos negativos de tudo -, Mário Freitas elaborou recentemente um bem equilibrado balanço do Amadora BD/2009, sopesando os aspectos positivos e negativos com pragmatismo.

Estrompa.com
http://estrompa.com.sapo.pt/ (Lisboa)
Como já escrevi algures, há quem pense que Estrompa é pseudónimo ou alcunha, mas não, é mesmo o apelido dele, José João Amaral Estrompa, por extenso.
Este site, de excepcional apresentação gráfica e fácil utilização, foi aberto pela filha Cristina, que assim quis homenagear o pai e o herói por ele criado, o Tornado 1989, para o qual eu escrevi em 2003 um texto de apresentação, de que reproduzo um excerto:
"Sempre com a fusca calibre 69 pronta a entrar em acção, uma beata permanente ao canto da boca, chapéu, gravata amarela sobre camisa de seda azul (apesar de a série sempre ter sido publicada a preto e branco, sabemos que são essas as cores, graças às descrições do narrador), mais as suas luvas de genuína pele de porco - tão inseparáveis que nem nas cenas de sexo as tira! (...)"
Este cromo tornou-se conhecido nos fanzines, em especial no Shock, e é agora apresentado no espaço virtual, para mais vastas audiências. Embora com o aviso à entrada:
"O conteúdo deste site é para maiores de 18 anos".

Etherlair, The - Online Portfolio Gallery of Eliseu Gouveia
http://www.etherlair.com/ (Monte de Caparica/Almada)
Eliseu Gouveia, a.k.a. Zeu, é um dos novos autores portugueses a trabalhar para os States, designadamente para a Image Comics. E, como não podia deixar de ser, tem um espaço próprio na Net. Após entrar nele, e localizada a categoria "Gallery", visitem-se os vários itens: "Designs", "Pin-Ups", mas, especialmente os intitulados "Sequentials" e "Free Online Comics" porque, obviamente, são os que interessam ao povo da BD . Apesar disso, começando mesmo pelo item "Designs", vêem-se umas tantas vistosas imagens de heróis, super e outros, bons esboços a cores (Batman e Robin, The Infiniteens, Red Guy, Severine Stricht, esta acompanhada por engraçada sequência em dueto com Mumy Fiend, num registo humorístico menos frequente em Zeu). Há depois outros desenhos a p/b (Crucial Crisis Comix, por exemplo).
No item "Sequentials"está visível uma dúzia de pranchas de BD, oito a p/b, quatro a cores. No outro item que nos toca, o "Free Online Comics", há umas dezenas de pranchas, umas a p/b outras a cores, pertencentes às bedês "Immortal Tristara" e "Lady of the Horde", sob a indicação Story and Art Eliseu "Zeu" Gouveia. Em especial pelo material visionável nestas duas extensas sequências, justifica-se visita demorada ao sítio.

Fanzine. Banda Desenhada e Ilustração
http://www.fanzine.interdinamica.pt/ (Amadora)
Apesar do título que ostenta, o que é mostrado naquele espaço tem mais a ver com o subtítulo "Galerias Festivais Exposições Concursos", ou seja, foca todos esses temas, maioritariamente dedicados à BD alojados no ecléctico portal Interdinâmica, de João Monsanto. E quanto a fanzines? Apenas se menciona uma fanzineteca brasileira...

Fanzineland
http://fanzineland.blogspot.com/ (Beja)
Essencialmente dedicado às bandas desenhadas reproduzidas na publicação "Venham + 5", (fanzine? revista institucional, porque editada pela C.M. de Beja? Levantam-se dúvidas na classificação...). À parte isso, é útil para quem quiser ver umas boas bedês lá publicadas.

Fanzines de Banda Desenhada
http://fanzinesdebandadesenhada.blogspot.com/ (Lisboa)
Registo que acompanha, mês a mês, desde Janeiro 2006, todos os fanzines portugueses que se vão editando, relacionados com a BD. Era para funcionar como armazemento de material para alimentar o meu "Sítio dos Fanzines", mais antigo, e com maior difusão, mas como nunca cheguei a fazer essa transposição, aquele site foi desactivado à minha revelia. Em compensação, o blogue mantém-se, claro.

Fauno Negro Comics
http://www.faunonegro.com/ (Braga)
Criada em Braga, Fauno Negro pretende ser uma espécie de colectivo editorial, de apoio a novos autores, tendo começado por se autodivulgar através deste homónimo "site". Tem uma característica, não inédita, de usar bastante o idioma inglês. Por exemplo, as duas alíneas que incluem BD "drawings" e "sketches". Será para atingir maior difusão internacional? Inquestionavelmente, César Taíbo está cheio de boas intenções. Uma delas, a de levar a BD nacional até Angoulême. O conjunto de 24 pranchas de desenhos sequenciais, ainda sem legendagem, são uma boa mostra, em dois níveis: o da capacidade de trabalho, e o da medida do talento, que igualmente se vislumbra nas ilustrações..

Filactera, A
http://www.afilactera.com/ (Porto)
Um bloguista portuense criou um espaço tecnicamente muito evoluído, onde ressalta de imediato a reprodução de pranchas de banda desenhada relacionadas com obra clássica do romance de aventuras, "As 20.000 Léguas Submarinas", de Júlio Verne, em adaptação levada a efeito pelo estúdio Walt Disney, mas cuja concretização, anónima, tanto pode ser atribuída a algum desenhador americano de segunda linha (discípulo, por exemplo, de Frank Robbins, ou mais remotamente, de Milton Caniff), ou até talvez a banda-desenhista europeu, imigrado nos States.
Estas pranchas (mais concretamente meias-pranchas, porque impressas originalmente em meias páginas de jornal) a que o bloguista chama erroneamente tiras (as tiras, daily strips, tinham mesmo um pequeno formato oblongo, para, tal como o nome indica, serem reproduzidas diariamente, a preto e branco), foram publicadas em Portugal no jornal portuense O Primeiro de Janeiro, cujo, nos seus tempos áureos (esta bd, começou a ser publicada, em estilo de continuação, semanalmente, em 22 Maio 1955), incluía, na edição dominical, um suplemento a cores, onde se podiam admirar, além desta, outras obras, algumas de grande qualidade e prestígio, designadamente "Príncipe Valente" (Prince Valiant), de Hal Foster, e "Os Sobrinhos do Capitão" (The Captain and the Kids, diferente versão, para as mesmas personagens, de The Katzenjammer Kids), de Knerr.
Filipe (que em tempos usou aqui o pseudónimo "Mortimer", e que conheci inicialmente em www.afilactera.wordpress.com, iniciado em 1 Dez. 2008), bedéfilo e coleccionador de BD, mudou para este novo endereço em 1 Dez. 2008.
Infelizmente, tudo aquilo que escrevi relacionado com esse anterior endereço deixou de fazer sentido, porque todas as imagens que referi deixaram de estar visíveis no novo endereço, constando apenas, por agora, crítica à obra em BD "Pessoas que usam bonés com hélice" de José Carlos Fernandes. A substituição não me parece ter sido vantajosa.

fil-bd
http://filbd.blogspot.com/ (Carnaxide/Oeiras)
Boas pranchas de BD, realizadas por alguém que assina pelo pseudónimo "fil", assim mesmo, em minúsculas (tal como faz no título do blogue). A primeira bd que aparece tem por título "Alquimia Temporal", foi realizada sob argumento de Gustavo Carreira; a que surge em seguida, "A Noite", foi a estreia de "fil" na Banda Desenhada, três pranchas em cenário urbano que ele desenha muito bem, com excelente tratamento de cor, apenas claudicando um pouco no desenho do corpo da figura masculina, embora o rosto esteja expressivo.
Este "fil" iniciou o presente blogue - para substituir site perdido anteriormente -, a 23 de Julho de 2008. E logo no dia seguinte fez o apelo: "Olá, estou à procura de alguém que esteja interessado em colaborar comigo na edição de um pequeno livro de BD". Pela quantidade e qualidade das pranchas reproduzidas no blogue, auguro ao bloguista bom sucesso (contactos assertivos) para a sua intenção.
Entretanto, em 31 de Julho, fala ele numa bd que estava a fazer, intitulada "Megatexas", baseada num argumento de Geoff Sebasta. Ao que parece, a bd terá sido terminada por Justin Humphries, que refez todo o argumento, baseado apenas nos desenhos já feitos pelo "fil". Quer dizer que este nosso compatriota está (ou esteve) a trabalhar para os States? A ser assim, isso significará que a lista, composta por Zeu, Miguel Montenegro, Dan Maia, João Lemos, Ricardo Venâncio, Nuno "Plati" e Ricardo Tércio, tem mais um elemento, mas que pouca gente conhece.

Filipe Alves Portfólio
http://filipealves.pt.vu/ (Barcarena /Oeiras)
Um virtuoso do desenho, que conheci na revista Fazedores de Letras. O portfólio mostra suficiente talento, a nível de BD, nos itens "Sequential" e "Icon". Em "Drawing" vêem-se muito boas pranchas sequenciais, a cores; "Cowboy" é composta por quatro pranchas a p/b, num género pouco trabalhado pela actual geração; ainda a p/b, com base fotográfica, há a "Janela", e muita e boa ilustração.
Recentemente, cativado pela maior facilidade dos blogues, ele abriu o httt://filalves.blogspot.com

Gambuzine
http://www.gambuzine.com/ (Lousã)
Sítio com excelente apresentação, baseado em exclusivo, até ver, na obra de figuração narrativa "Postais de Viagem". Teresa Câmara Pestana, que trabalhou na sua feitura desde 1992, deu-a por terminada apenas em meados de 2007. Elogia-se a persistência, e regista-se o elevado nível gráfico atingido, o ponto mais alto na sua já extensa obra, cuja face especialmente visível foi o fanzine "Gambuzine", enquanto editautora.
Foi, e vai voltar a ser, porque a Teresa não consegue estar parada (e ainda bem que assim é). Numa segunda vida, com aspecto visual diferente e mais volumoso, o Gambuzine nº 1 (2ª série) está pronto e prestes a apresentar-se à venda, muito provavelmente já no Festival BD da Amadora.

GEvan..
http://gevan.viewbook.com/ (endereço?)
Gabriel Evangelista (daí o pseudónimo GEvan) tem colaborado com bandas desenhadas, a cores, nas quais se distingue pelo estilo das figuras das personagens graciosamente geometrizadas.
Este seu portfolio online (como o autor- internauta classifica o espaço virtual que mostra), está a servir-lhe de montra para a arte que tem desenvolvido na BD:
- Algumas pranchas, a cores, que foram reproduzidas na revista "Super Pig" (nº3), num episódio que teve argumento/guião de Mário Freitas;
- Quatro pranchas da bd a cores "Kitty Fé Comic", publicada na revista "Sketchbook" (2006)
- Uma banda desenhada, numa só prancha autoconclusiva, com o título "Negócios à Parte" (que o autor classifica como "cartoons"), bd essa publicada na rubrica BD do semanário Mundo Universitário.
Além do espaço aqui referenciado, o ilustrador-autor de BD-cartunista participa ainda no portal "Deviantart", com ilustrações a preto e branco destinadas a poemas.

Gustavices. Incursões pela Banda Desenhada
http://bdgustavocarreira.blogspot.com/ (Leiria)
Onde se podem ver, além de algumas bedês, um projecto de argumento, a passar para guião, escrito por Gustavo Carreira ("Requiem"). Deste bloguista é a concreta autoria do argumento da banda desenhada "Alquimia Temporal", com desenho de Filipe (Luís Filipe Lopes, pintor e desenhador), bem como do que serviu de base à 3ª prancha (com desenho de Johnny) do "cadavre exquis" em andamento no blogue homónimo do [portal] Central Comics.

HaukesBlog
http://haukesblog.de/ (endereço?)
"Desenhos, BD, pequenas animações", pista programática para o blogue, repetida em língua alemã. Iniciado apenas em 19 Maio 2008, apesar de o seu bloguista ter deixado um comentário no meu blogue, ainda decorria o ano de 2005, a anunciá-lo. Os "posts" são também em inglês e geralmente as legendas das bedês, idem,idem.
Todavia, "Trox & Troi - Adventures in Megacity", apesar dos nomes dos "heróis" e do próprio título, é uma banda desenhada com legendagem em português. Este bloguista, que assina "Administrator", é um alemão que vive em Portugal há quinze anos, a trabalhar como ilustrador (livros escolares, cursos de língua).

Histórias dos Quadradinhos
http://historiasdosquadradinhos.blogspot.com/ (Lisboa)
"Depois de muitas hesitações, decidi finalmente começar este blogue para tentar estimular respostas a algumas dúvidas que persistem sobre a história da banda desenhada, do cartoon e da ilustração em Portugal (...)", eis as palavras introdutórias de Leonardo De Sá ao seu blogue, iniciado no começo deste ano de 2009, mais precisamente no dia 1 de Janeiro.
E, com efeito, é aquela finalidade que se depreende, de imediato, ao ler/visionar os primeiros quatro "posts" afixados nesta primeira semana no novel blogue, onde o conceituado historiador e investigador lança apelos a quem o possa ajudar no esclarecimento de várias dúvidas. Sintetizo as duas postagens logo no dia da estreia do blogue, porque podem dar uma ideia do espírito e das intenções que o caracterizam:
1ª - Adolfo Rodríguez Castañé fez histórias aos quadradinhos em "O Século - Supplemento Humorístico", também no "Pim-Pam-Pum!" (neste caso em 1930, onde substituiu Eduardo Malta, pintor e banda-desenhista).
O bloguista procura e agradece informações sobre a data e local do falecimento de Castañé.
2ª - Em 1968 publicou-se a colecção de álbuns de BD mais pequena (5x5cm) editada entre nós. Falta ao investigador identificar o título do volume nº 12. E ele pergunta: "será que alguém o tem por aí?".
Graças a estas suas residuais dúvidas expostas publicamente na blogosfera, assim se vão conhecendo histórias das Histórias aos Quadradinhos em Portugal.

HTX-ART
http://htx-art.blogspot.com/ (Almada)
O amarantino Hugo Teixeira dedica-se à mangá, mas disso por aqui só está visível uma prancha de "Corvos de Guerra". Todavia, ele tem mais no outro blogue, o "Manga Design".

Ilustração/B.D. e Nuno Saraiva-Blogfolio de Ilustração
http://ilustracaobd.blogspot.com/ (Lisboa)
http://nunosaraivaillustration.blogspot.com/ (Lisboa)
Parecerá estranho que dois blogues, criados por um dos mais prolíficos banda-desenhistas da actual geração (desenhador de "Filosofia de Ponta", obra muito importante, tanto em qualidade como em extensão), tenham tão pouca banda desenhada. De facto, o conceituado autor de BD e ilustrador (aliás, a BD é uma forma específica de ilustração) Nuno Saraiva, aparece escassamente representado por bedês, uma delas num "post" do primeiro blogue indicado, em 27 Jan. 07, a explicar o processo que utilizou na feitura das duas pranchas a cores pertencentes à série de que é autor completo, "Na Terra como no Céu"(ver http://naterracomonoceu.blogspot.com/), que, semanalmente, é publicada na revista/suplemento "Tabu" do semanário Sol.
O primeiro blogue (com alguma BD, o que não acontece no segundo) foi criado em fins de 2006 e é no ano seguinte que mais bedês ali se vêem, realizadas por Rita Tátá, Tiago Tutú, Edgar Raposo, Inês Casais (sob argumento de Francisco Serra Lopes), Francisco Sousa Lobo, Tiago Albuquerque (arg. de Rui Rodrigues), Monia Nilsen, Susana Carvalhinho, alunos, e Daniel Lima, João Fazenda e Nuno Saraiva, professores, uns e outros participantes nos cursos de Ilustração e BD ministrados no AR.CO - Centro de Arte & Comunicação Visual.

Ilustragargalo
http://www.ilustragargalo.blogspot.com/ (Vila Franca de Xira)
Vasco Gargalo dedica-se essencialmente ao cartune, mas também mexe na banda desenhada, quer directamente (como se pode ver nas bedês que apresenta no blogue), quer indirectamente através de caricaturas de heróis da BD, quer ainda pelos "storyboards" que, sendo direccionados para filmes, são autênticas bandas desenhadas.

Imazine
http://imaginarte-imazine.blogspot.com/ (Lisboa)
Aqui está mais um exemplo de formato já bastante usado nos fanzines, o webzine, este editado, desde Abril 2008, pelo Imaginarte, Núcleo de Ilustração, Argumento e Banda Desenhada da AE.FBAUL, um colectivo estudantil de alunos de diversas faculdades.
A postagem não tem sido muito activa - a mais recente é de 5 de Junho. Apesar disso, há umas tantas pranchas de bedês que justificam a visita. Nomes presentes na galeria: João Martins, Sónia Carmo (gatófila que desenhou um episódio a cores com o título "Sete Vidas"), Ricardo Correia, Miguel Marreiros (mais uma bd sobre Fernando Pessoa, esta na infância do poeta), e também André Oliveira, que aparece por vezes como argumentista.

InVisible Light
http://invisiblelight.deviantart.com/ (endereço?)
Nos "Recent Deviations" que servem de antecâmara a este site, alojado no portal DeviantArt, só há ilustrações, pelo menos no momento desta visita. Mas clicando na rubrica "Browse Gallery", vai-se ter à "InVisiblelight's gallery" e à secção "Comics". Publicadas originalmente em fanzines e revistas, estão lá visíveis reproduções de várias bandas desenhadas completas, a saber: "Highlights on heaven" (Tertúlia BDzine), "Alice's Adventures Underground" e "Azul Gaivota" (ambas em Venham+5), "Tell me your stories" (Eros), todas elas a demonstrarem maturidade e talento no tratamento gráfico das personagens, com especial delicadeza nas figuras femininas, a que o autor-artista Zé Francisco geralmente imprime uma suave componente erótica.
Invulgar e curiosa, além de interessante, é a forma como desenha o seu auto-retrato, e a legenda que escreve a complementá-lo: "self portrait based on the cover of Madonna's album «Like a Virgin»". E no tocante à semelhança com o retratado, posso garantir que sim, que é evidente: conheço-o pessoalmente desde há anos, enquanto elemento do activo "Atelier Toupeira", de Beja.

Jeek
http://jusketching.blogspot.com/ (Oeiras)
"As minhas bonecadas" diz, displicentemente, Joana Afonso, a bloguista e ilustradora, responsável pelas inúmeras pranchas esboçadas, ainda sem arte-final, quase tudo a preto e branco, excepção feita para algumas cenas a cores.
Como estudante de pintura, esperar-se-ia mais trabalho de cor, mas, independentemente de as pranchas de BD e ilustrações serem a preto-e-branco, ou a cores, nota-se-lhe grande facilidade no desenho das figuras, e muita imaginação nas cenas de conjunto.

João Amaral
http://joaocamaral.blogspot.com/

Autor de Banda Desenhada/Ilustração, assim se apresenta o novel bloguista, que, como está a acontecer com muita gente destas áreas, se vê compelido a dar visibilidade ao que anda a fazer no espaço virtual. Com duas evidentes vantagens: fazer a auto-apresentação e mostrar as suas capacidades.
Por acaso, João Amaral até não é dos banda-desenhistas com mais razão de queixa: já tem uns tantos álbuns publicados, e os bedéfilos mais atentos sabem estar em presença de um autor/artista com obra que atingiu dimensão e qualidade bem significativa.

Jonas o Reguila

http://jonasoreguila.blogspot.com/ (Lousã)
Carlos Sêco iniciou em 1 de Julho de 2006 este blogue dedicado a Jonas, o Reguila, personagem com características apropriadas para a banda desenhada de índole infantil, didáctica e pedagógica.
Aliás, o engraçado Jonas (que o é tanto na figura como nas divertidas peripécias), já tinha feito a sua aparição em dois jornais escolares da Lousã, os "Gazeta Júnior" e "Gatafunho", daí tendo passado para o semanário "Trevim", mais concretamente para o respectivo suplemento mensal infantil, intitulado "Mundo Reguila", que já vai no nº 27.
Carlos Sêco, nascido em França (Fontainebleau, 24 Junho 1969), veio para Portugal em 1983, tendo-se radicado na Lousã, terra natal de seus pais, onde se tornou colaborador (paginador, fotógrafo, repórter, ilustrador) do citado jornal "Trevim".
Em 1993 empregou-se como professor do 1º ciclo, e terá sido nessa função que lhe ocorreu criar a personagem Jonas, presente em várias bandas desenhadas, sempre em policromia (onde, por vezes, também entra o próprio autor na função de docente), sendo que as mais recentes bedês têm ocupado duas pranchas (uma destas dedicadas ao compositor luso-americano John Philip de Sousa e ao seu "sousafone"), enquanto que as primeiras apenas tinham uma só prancha autoconclusiva (numa dessas bedês, incluída no "post" de 24 de Maio de 2007, vê-se Jonas a falar com Hergé!).
Um blogue com BD inserida no quadrante infantil, coisa rara na componente bedéfila da blogosfera, esse é logo um dos seus méritos. O outro é o de aumentar o número, ainda pouco extenso mas já com visibilidade notória, dos espaços internéticos que servem de suporte à Banda Desenhada propriamente dita.

Jorge Miguel
http://www.jorge-miguel.com/ (Setúbal)
"Camões - De vós não conhecido nem sonhado?", assinala o regresso à BD portuguesa de Jorge Miguel, de que se conhecia apenas (falo por mim), editado em separata pelo extinto semanário "Sol", um volume em formato tablóide, de capa a cores, composto por cerca de vinte páginas a preto e branco, com uma bd de cariz histórico, e que continha uma cena erótica que reproduzi num dos números do meu fanzine "Eros", nos anos noventa do século passado.
Jorge Miguel, que tinha vivido em França onde publicara alguma BD, terá conhecido (ou já conhecia) o jornalista Nuno Rogeiro, que na altura escrevia no semanário "Diabo", e coordenava a rubrica de BD "Sol aos Quadradinhos" sob pseudónimo. Apesar de cripto-bedéfilo, Rogeiro terá proporcionado ao jovem ex-emigrante a possibilidade de publicar a citada peça.
Graças à face visível do (do, por se tratar de um portal) Central Comics, ficou a saber-se que Jorge Miguel teve finalmente oportunidade de ser editado em álbum, o nível máximo a que aspira qualquer banda-desenhista. E pela mesma fonte tomei conhecimento do site sob apreciação, onde, na rubrica "BD Comics" estão visionáveis duas pranchas (páginas 19 e 31 do álbum) de mais este Camões aos quadradinhos (depois dos assinados por Rui Pimentel, um, e Carlos Alberto, outro). Nunca são de mais as obras dedicadas ao grande vate lusitano.

José Abrantes
http://www.interdinamica.pt/abrantes (Lisboa)
Já o disse ao falar de "A Companhia do Zu", e repito: estamos em presença de um dos raros cultores da banda desenhada em estilo e conteúdo infantis, que assina sob o pseudónimo José Abrantes.
Lá estão visíveis várias das personagens (quer em tiras, quer em pranchas, umas a cores, outras a p/b), que tem criado ao longo da sua já extensa carreira: Capitão Marselha, Horus, Lupo, O Manel, Quim, Tantã & Liru, Zu, Dakar o Minossauro, umas publicadas em fanzines, outras em jornais, ainda algumas no suporte de maior qualidade, os álbuns.
E - oh luxo dessa fantástica ferramenta chamada internet! -, todas as imagens das citadas personagens e séries, ao alcance de um simples e economicamente acessível clique.

King Leonardo and his short subjects
http://www.leonardodesa.interdinamica.com/ (Lisboa)
O suiço Rodolphe Töpffer (1799-1846), geralmente considerado iniciador da moderna Figuração Narrativa, continua a ser ilustre desconhecido para muita gente, especialmente entre os portugueses.
Talvez por isso mesmo, o estudioso e historiador Leonardo De Sá decidiu apresentá-lo neste espaço alojado no portal Interdinâmica, o que fez através de bem elaborada sinopse, além de mostrar, na sua totalidade (30 pranchas a preto e branco), a versão original, desenhada em 1827, da "Histoire de Mr. Vieux Bois", de forma muito prática e com elevada qualidade na reprodução. O respectivo texto bilingue (francês e inglês) é da autoria do citado estudioso, que eticamente regista o apoio de Mike Kidson, presume-se que nas legendas em inglês.
Trabalho de elevadíssima qualidade, inquestionavelmente. Com um único senão: a inexistência de versão em português. Acima de tudo, é pena, porque teria sido a única oportunidade, até agora, desta obra seminal da BD ser traduzida na nossa língua, numa mais apropriada divulgação em Portugal, de Töpffer, pioneiro absoluto da banda desenhada.

Kuentro
http://kuentro.weblog.com.pt/ (início em Malveira da Serra/Cascais, agora Caldas da Rainha)
Excelentes coberturas de acontecimentos de BD, ao nível de textos informativos e reportagens fotográficas, este blogue está sempre muito actualizado, e apresenta óptimo grafismo. Jorge Machado-Dias é o bloguista que escreve os artigos e executa as fotografias (no início do blogue, as suas coloridas coberturas dos encontros mensais da Tertúlia BD de Lisboa deram grande visibilidade àquela associação informal), além de exercer dinâmica actividade como editor (BD Jornal, BD Voyeur) e igualmente autor de BD, tanto na qualidade de argumentista como na de desenhador.
Em 30 de Dezembro de 2009, J. Machado-Dias abriu novo blogue (visível já a seguir), cuja única diferença é ter no título o número 2, e passou a chamar a este o "original".

Kuentro 2
http://kuentro.blogspot.com/ (Caldas da Rainha)

Escreveu J. Machado-Dias em 30 Dez. 2009:
Citação
"Antes de mais, tive um problema com as "tripas" do Kuentro original. Por causa disso resolvi abrir aqui um Kuentro 2, no qual vou passar a colocar também as entradas do original.
A plataforma blogspot oferece agora algumas vantagens em relação à weblog (coisa que não sucedia quando iniciei o Kuentro em 2003), como, por exemplo, acompanhar os blogues preferidos entrada a entrada (...)
Mas por enquanto vou manter as coisas assim - em duplicado (...)
Fim de citação
De facto, visitando-se o Kuentro original, por hábito e rotina e preferência, tem-se desde logo a indicação, apenas em texto, de qual o assunto a ser tratado no momento. Passando-se em seguida para este Kuentro 2, o que se faz com o habitual clic, é como se alguém, após passar um túnel sem nada para ver, desembocasse de repente num anfiteatro cheio de luz, onde, ali sim, pudesse observar belas imagens de BD em todo o seu esplendor


Kzine Blog
http://www.kzinecentral.net/ e http://kzine.blogspot.com/ (endereço?)
Vários/as "mangakas" têm alojamento quer no site, quer no blogue, que não mostram directamente os seus trabalhos, antes remetem os visitantes para diversos links, uns referentes aos seus próprios espaços pessoais, outros, maioritariamente, para o portal "deviantART".

Laboratório do Eden
http://laboratorio-do-eden.blogspot.com/ (Porto)
Aqui se pode travar conhecimento com as figuras das heroínas Morgana e Angélica, criadas por Rui Ricardo, no desenho, e Hugo Jesus, no argumento, para uma revista Chick (?) Intimate Cult, mas também com este último, através de vídeo que inclui a entrevista que lhe foi feita no programa televisivo "Porto Alive". Tomara que houvesse também um "Lisboa Alive"...

Lam&Lustra
http://lamilustra.blogspot.com/ (Lisboa)
Desde 18 Set. 07: caricaturas, ilustrações, alguma BD, muita coisa já num espaço de tempo que não chega a um ano. Focando a banda desenhada, vemos três bedês, de uma só prancha, autoconclusivas, que o bloguista fez a meu pedido para a rubrica BD do jornal semanário Mundo Universitário, e mais umas poucas bedês que fez para três recentes fanzines editados por ele mesmo: Space & Co., Por um Fio, e o simpático "As Aventuras de Hipo & Caco", de bd infantil, coisa rara (os "heróis" são um hipopótamo e um macaco, claro).
Então, João Lam, e daquelas bandas desenhadas que fizeste para o louco semanário "O Fiel Inimigo" (título reduzido a certa altura para "Inimigo", donde se deduz que nem os inimigos são fieis...), não há nenhuma que mereça aqui ser mostrada, para dar uma ideia do teu percurso na BD?

Leituras de BD
http://bongop-leituras-bd.blogspot.com/ (Oeiras)
Leitor compulsivo "(...) quando comecei a ler foi até ao fim! Não consegui parar (...)", crítico lúcido e conhecedor, bloguista activo, é quem se esconde em Oeiras sob o pseudónimo "Bongop". Cada post tem sempre bastantes "bongadas", assim chama ele aos comentários, o que demonstra o prestígio alcançado essencialmente no meio dos entusiastas dos super-heróis e personagens afins. Mas sei, porque o "Bongop" me disse já, que as preferências dele se direccionam para a BD europeia, aliás bem visível no entusiasmo com que fala da série "Sambre", incompleta (quatro tomos editados em Portugal), da autoria de um autor fascinante, Yslaire.
Blogue com boa apresentação, actualização bem ritmada, criteriosa selecção de imagens ilustrativas, saudável eclectismo.

Leituras do Pedro, As
http://asleiturasdopedro.blogspot.com/ (Vila Nova de Gaia)
Pedro Cleto, que escreve regularmente críticas sobre banda desenhada no Jornal de Notícias, sob uma espécie de pseudónimo (F. Cleto e Pina), iniciou este blogue em 28 Maio 09.
E diz o meu amigo de há muitos anos - conhecemo-nos quando o grupo de amigos maioritariamente originado na Casa dos Jovens de Ramalde (bairro do Porto), que editava o fanzine Comicarte e de que o Cleto fazia parte, se lançou na organização, em 1984, do evento bedéfilo inicialmente intitulado Salão de BD e do Fanzine do Porto (que foi mudando a pouco e pouco o título, até ficar Salão Internacional de Banda Desenhada do Porto-SIBDP, e se realizou até 1997) -, diz ele, ao escrever a "Abertura" do blogue, entre outras coisas: "(...) Sem grandes pretensões, quero utilizá-lo para fazer aquilo que me ocupa há alguns anos: escrever sobre banda desenhada (...)"
Eu diria mesmo mais: o Pedro Cleto continua a fazer exactamente o que fazia antes, só que, além de se manter a escrever no clássico suporte de papel de jornal, passou a fazê-lo também no espaço virtual da blogosfera.
E começou com grande ímpeto: logo no dia da abertura do blogue, afixou uma extensa e bem elaborada crítica a "Roger Rouge", de Eric Borg (argumento) e Michael Sanlaville (desenho), não poupando a este último uma certeira observação acerca da insólita ilustração daquela vinheta em que aparecem dois remadores, um de frente para o outro (escreve o Cleto, com ironia compreensível, que o barco não sairia do mesmo sítio).
Príncipe Valente e Tex são heróis de papel que, entretanto, já passaram pelo certeiro crivo. Mais um blogue de textos de crítica sobre banda desenhada, feito por um indiscutível conhecedor, excelente analista, além de leitor compulsivo. O que significa que só fala do que sabe.
(Nota escrita em Jun. 09)
Como é natural, além das críticas que escreve sobre obras nacionais e estrangeiras, editadas em álbum, Cleto faz igualmente referência ao que vai acontecendo no mundo da BD, como fez, por exemplo, no "post" de hoje, ao dar a notícia do falecimento do argumentista norte-americano Harvey Pekar, complementando a notícia necrológica com notas biográficas e críticas acerca da obra.
(Nota escrita em 16Jul.10)

Ler BD
http://lerbd.blogspot.com/ (Lisboa)
Autênticos ensaios literários, os notáveis textos de Pedro Vieira de Moura (aliás já detentor de mestrado em BD). Críticas relacionadas com obras bem escolhidas - álbuns de autores nacionais e estrangeiros, fanzines, edições alternativas -, todas igualmente sob análises dissecadoras e visivelmente bem fundamentadas. Uma grande parte dos textos deste blogue mereceriam ser fixados num suporte menos virtual e mais duradouro. Papel, por exemplo.
Entretanto, enquanto o bloguista não escolhe uns tantos dos citados ensaios e os compila em livro (trata-se, por enquanto, de mera sugestão minha), a qualidade do conteúdo fez com que o blogue tivesse sido seleccionado pelo jornal Público, e esteja a ser regularmente publicitado nas suas páginas, como referência da blogosfera bedística.

Ler Comics
http://lercomics.blogspot.com/
"Oops... Ler Comics fez 2 anos" era o título do "post" de 13 Out. 2006. "O tempo passa mesmo a correr", acrescentava o bloguista/bedéfilo Pedro Passaporte.
"Ler Comics", iniciado em 12 Out. 2004 (aliás, em continuação de uma "mailing list", formato que o antecedeu) representou, entre essa data e 26 de Agosto de 2007, último sinal de "vida", um valioso acervo de notícias, informações, comentários, críticas, tudo complementado através de boa cobertura imagética.
Trata-se de conteúdo variado, demonstrativo, por parte do respectivo bloguista, de um ecléctico conhecimento da banda desenhada, autores e obras, com especial incidência na componente de origem americana - como, aliás, se depreende de imediato pelo título do blogue, infelizmente descontinuado (para sempre? hei-de perguntar ao responsável), mas mesmo assim a valer a pena visitar.

Life ttp://lifeofpepe.blogspot.com/ (Lisboa)
Pepedelrey é um nome (aliás, pseudónimo) com prestígio na BD, e nos fanzines do tema, granjeado há largos anos. O blogue dá para ver o talento do Pepe, mas não chega para apreciar a sua imaginação e mestria, pelo facto de a banda desenhada nele incluída ser demasiado escassa. Mais visível quase só um conjunto de seis pranchas de "Virgin's Trip", ou "A Viagem da Virgem", como ele escreve. Mas vale a pena visitar a copiosa colecção de links das suas amizades da BD e da Ilustração.

Limited Edition
http://limitededition2.wordpress.com/ (endereço?)
Para começar, sublinho a apresentação esteticamente sóbria e de invulgar bom gosto deste site, cujo responsável - que lá pelo meio se descobre chamar-se David Bastos -, demonstra clara preferência pelos mainstream comics. O que não impede esporádicas abordagens à BD europeia ("Sambre" merece extensa apreciação), onde se inclui uma nota crítica à BD portuguesa.
Pela negativa, sugiro uma ida à coluna "Categories", clicar no item "Fanzine", e constatar que o mesmo crítico que lamenta "alguns erros ortográficos" "na fanzine (sic) Murmúrios das Profundezas", tivesse escrito antes, no recente "post" de 25 de Agosto:
"Para esta semana vou recomendar uma série de livros que existe à já bastantes anos" e ainda esta outra frase, para se perceber que o erro, e não gralha, não foi cometido por acaso "Como disse à algum tempo atrás"...
Parece natural que alguém que ignora o verbo haver, que se usa quando se fala de tempo ("há já bastantes anos", "há algum tempo atrás", são as formas correctas), também fale dos fanzines mudando-lhe o género para o feminino.
Tirando estes pormenores, vale a pena apreciar o trabalho de crítica deste internauta bedéfilo, que presumo seja do Porto, atendendo aos comentários (justos) que tece à "guerra" entre duas livrarias locais especializadas em BD, a Central Comics e a Mundo Fantasma.

Loli Loves Venom
http://lolilovesvenom.livejournal.com/ (endereço?)
Quando visitei este "site", a tira mais recente datava de May 22nd, 2008. Não se estranhe o uso do inglês, visto ser nesse idioma que as personagens das mangás dialogam nas tiras desenhadas por Joana Lafuente. Aliás, fazem-no de forma sintética, umas vezes com graça, outras nem por isso (quem escreve os argumentos-guiões é Miguel Martins), mas as figuras são sempre bem desenhadas, além de coloridas com muito bom nível. E publicadas com boa cadência, próxima da semanal, já na tira #66! (com data de Sep. 20th, 2008).

Luís Peres
http://www.ziphcomics.net/ (endereço? algures no Algarve)
http://luisperes.wordpress.com/banda-desenhada-completa-pt
http://www.lulu.com/product/hardcover/as-aventuras-do-principe-ziph/5470508
"As Aventuras do Príncipe Ziph", reproduzidas neste espaço virtual, foram entretanto impressas em papel, abarcando até agora dois vistosos álbuns em edição clássica cartonada, com o miolo a cores, como resultado da atitude pioneira em Portugal, que eu saiba, de Luís Filipe Peres, ao tomar a iniciativa de aderir ao sistema P.O.D. (Print On Demand) que é, como se sabe, uma forma expedita, pragmática e economicamente mais acessível de um autor optar pela auto-edição. Peres e o seu Príncipe Ziph já andam nisto há largos anos, concretamente, desde 1988: conheci a série quando, a preto-e-branco, era publicada na rubrica de BD coordenada por Ferman (pseudónimo do jornalista algarvio Fernando Manuel Vieira) no jornal Barlavento. No que se refere ao autor, há que lhe elogiar a persistência, o espírito de iniciativa, e o bem organizado site onde se podem visionar as experiências iniciais, a preto-e-branco ou pintadas a lápis de cor!
Entretanto, a actividade banda-desenhística de Luís Peres já abarca temas de cariz diferente: "Vamos Salvar o Oceano" representa uma experiência em obra de finalidades ecológicas.

Manegas Big Show
http://manegasbigshow.blogspot.com/ e http://manegas.deviantart.com/ (endereço?)
O Pedro Manaças diz que há dois homens na vida dele (e pergunta-se, angustiado: "Serei gay?"). Mas de imediato confessa os nomes: Martim, seu filho, e Manegas, o anti-herói por si criado. Teve piada. Aliás, é no registo de bd de humor que se sente mais à vontade, desde o tempo em que enviava bedês para o DN Jovem (extinto suplemento semanal que aparecia no Diário de Notícias) e eu, como um dos membros do júri, não votava nelas para 1º prémio, apenas para segundos prémios ou menções honrosas...

Manga Design by Hugo Teixeira
http://htx-manga.blogspot.com/ (Almada)
Aqui presume-se que haja mangá realizada pelo bloguista-mangaka que se auto-apresenta no título. Mas, até 18 Set., data em que afixou uma prancha para o 2.º volume da obra "Bang Bang", apenas estavam visíveis desenhos preparatórios. Será que vai começar agora a mostrar também o que dele tem sido editado em papel (em álbum, em fanzines)? Seria uma forma de melhor se dar a conhecer...

Mania dos Quadradinhos
http://quadradinhos.blogspot.com/ (Santo António dos Cavaleiros/Loures)
Em 23 de Dezembro de 2005 iniciei a rubrica "Blogues, sítios e portais portugueses sobre Banda Desenhada - Os meus favoritos", exactamente com uma postagem acerca deste blogue "Mania dos Quadradinhos".
Escrevi na altura, entre outras coisas:
"(...) Ali se incluem notas biográficas sobre autores e 'heróis', não se furtando o bloguista de ir buscar nomes pouco conhecidos dos bedéfilos mais novos, daqueles que só têm olhos para os super-heróis e para as mangás (...)"
Deslizando ao longo do blogue - bastante extenso, mas sempre com múltiplas notas de interesse para qualquer bedéfilo -, é fácil encontrar artigos bem documentados sobre séries famosas, designadamente The Katzenjammer Kids (...)"
Recentemente - digo eu agora - o bloguista Rezendes tem estado a fazer recolha de histórias antigas, que reproduz na totalidade, sob o título "Histórias Esquecidas", onde já incluíu numerosos "posts" com obras retiradas de famosas revistas portuguesas - Mosquito, Diabrete, Mundo de Aventuras - da autoria de nomes sonantes entre os clássicos portugueses da Figuração Narrativa, tais como Eduardo Teixeira Coelho, Fernando Bento, Carlos Alberto, José Manuel Soares, José Antunes...
Um trabalho notável de Rezendes, a aproveitar inteligentemente - e entusiasticamente - as potencialidades e facilidades editoriais da blogosfera. "Chapeau"!

Manublog
http://m4nu-sk3tch.blogspot.com/ (Cesar/Aveiro)
Os interesses de Manu, 22 anos: Arte em geral mas sobretudo ilustração e BD". E pelo que se vê no blogue, BD sim, mas japonesa. Em suma: Mangá. Com um aspecto curioso: as legendas são em português e francês.
Iniciado em em 27 Set. 2007, vê-se a figura desenhada de um jovem louro, de óculos, a limpar algo com um pano na ponta de um pau, sob a legenda "(...) E por isso dei uma limpadela ao blog (...)". O "post" tem o comentário de uma visitante que, notoriamente, conhece o Manu, e escreve: "Gostei, para já, do menino Emmanuel a limpar (...)".
Portanto, temos o bloguista Emmanuel que, apesar de pertencer à actual geração que dá prioridade à língua inglesa, faz um blogue cujo segundo idioma é o francês!
Dias depois, a 16 de outubro, vê-se uma postagem com o título "Um pekeno trip" (não é tão cool usar k?), as palavras não têm qualquer acento (voces, desenha-lo, pinta-lo).
E BD? Por exemplo, entre outras, em 29 Abr., 2008: uma bd na vertical, em cinco vinhetas, estilo mangá, de que Manu é visivelmente cultor. Tanto, que os links vão ter às mangás de vários mangakas, dois dos quais têm apelidos que soam a portugueses: Tony Valente e Tony Semedo.

Manuel Morgado
http://manuelmorgado.wordpress.com/ (Vila do Conde)
O bloguista, ilustrador e autor de BD cujo nome não necessita de ser escrito pela terceira vez, tem muitas ilustrações (para capas de livros, para um concurso de marca de cerveja, e, a merecerem destaque pela sua qualidade, quatro para "Os Lusíadas", cantos I,IV,V e, claro, IX). Porém, de Banda Desenhada (porque é disso que aqui falamos), eu já conhecia o site há muito tempo, e sempre tive a sensação da míngua nesta área: há pouca (com qualidade formal, dentro do género), mas ostracizando alguma coisa, como, por exemplo, a sua "História do Sabugal", que lá vi em tempos, e que desapareceu do blogue. Porquê? Já de "Aeternu", que até tem direito a um site, dá-se aqui realce para as pranchas nºs 1, 2, 3 e 5 (o que aconteceu à nº 4? perdeu-se? foi "proibida" pela censura autoral?) desta obra em construção.
Entretanto, numa recente visita, deparou-se-me, sem vestígios das imagens acima referidas no meu texto, o seguinte aviso:
The author have deleted this blog. The content is no longer available.

Mariamacaréu
http://www.mariamacareu.blogspot.com/ (Lisboa)
A abrir, logo uma excelente ilustração com uma "vista de casa sobre Lisboa", feita pelo bloguista-desenhador Alexandre Esgaio. E também ainda está visível, numa visita apressada, a primeira prancha da bd "Homem de Ferro", e bem assim a tira nº 51 da série "Lições de Vida". O Alex Esgaio (que conheci com este nome no fanzine que fazia em Aveiro, "A Pedra") continua a mexer nos fanzines e na BD, e agora também na blogosfera. É pena que só esteja visível desde Setembro de 2008, embora no "blogger" a sua presença esteja assinalada com data de Out. 07. O que terá acontecido a todo o resto?

Mateus
http://jorgemateus.com.pt/ (Lisboa)
Logo à entrada depara-se-nos, a nós, visitantes, uma ilustração em registo de BD. Mas para encontrar a dita cuja, há que clicar, um a um, nos ícones desenhados no topo da página, até descobrir qual o que esconde a sigla do nosso contentamento (para facilitar, tomem nota: é o carro vermelho).
A partir daí, entramos no portfólio bedístico de Jorge Mateus, que integra vinhetas soltas e pranchas, a p/b e a cores. Lamenta-se que, no tocante às pranchas, apenas sete estejam ampliáveis. Todavia, como se costuma dizer, são poucas mas são boas.

Menino Triste, O
http://omeninotriste.blogspot.com/ (Lisboa)
Sente-se que deve haver, no percurso de vida, ainda no início, do "menino triste", algumas semelhanças com a do seu criador, J. Mascarenhas. Estaremos perante um alter-ego? O futuro, e novas cenas da vida do menino sem nome, no-lo dirão.
Entretanto, Mascarenhas, aqui como desenhador-charadista, deu asas à sua fértil imaginação e criou um original Sudoku, onde os habituais números foram substituídos por imagens (adivinhe-se quem é o modelo...), o que dificulta a solução. Uma boa forma de exercitar as "células cinzentas", como se diz nos meios da problemática policiária...
Falando de novo no menino que o autor baptizou de triste, mas que lá vai gozando a vidinha nas pranchas de BD: recentemente esteve em Veneza, juntamente com o criador, ou seja, com o altíssimo (só quem conhece o João Mascarenhas perceberá a private joke...). Parece muito interessado em descobrir a essência da arte!

Miguel Montenegro.com
http://www.miguelmontenegro.com/ (endereço?)
Ele próprio, rodeado de super-beldades - numa estupenda composição ao estilo mainstream - é quem aparece à entrada do site baptizado com o seu nome.
Em seguida, vamos clicar nos diversos itens indicados - e ilustrados - na barra superior. Para começar, nas "Interiorpages", lá aparecem quinze "X-Men sample pages", desenhadas a azul, ou seja, estão à espera da arte-final. A completar esta página, mais dez pranchas, estas arte-finalizadas em policromia.
Muita coisa há para ver nas rubricas seguintes, mas merecem especial atenção as "European Pages", em que se podem visionar, entre outras, quatro pranchas da bd "@.com", participante em 2002 no concurso de BD do Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora/2002, premiada e publicada no catálogo daquele evento.
Quem quiser conhecer o autor, olha para o retrato dele e depois clica-lhe em cima: assim poderá ler a sua biobibliografia, e conhecê-lo melhor através de uma esclarecedora entrevista.

Mobil Sapiens
http://www.mobilsapiens.com/ (endereço?)
O homo sapiens que criou e gere este sítio, J.L.Duarte, foi um dos "visionários" da Visão (a tal que revolucionou a bd lusa, mas só existiu entre Abril 75 e Maio 76), e por essa época foram-lhe editados "Os Fardetas" e "Kolanville". O que faz agora neste espaço é bem diferente, com veículos automóveis falantes a dialogarem entre si. Continua com bom sentido de humor a trabalhar os diálogos, e já está a apresentar nova personagem, a "Khara" que é (uma) barata

Mocifão
http://mocifao.blogspot.com/ (endereço?)
Pranchas vistosas, com boas imagens e boa planificação, personagens bem desenhadas, cenários estupendos. Por onde terá andado este criativo, cujo nome é usado por alguém já conhecido como argumentista, daí que eu numa noite de tertúlia em que estava lá os dois na mesma mesa, tenha combinado chamar-lhe, por graça, "o outro Nuno". Mas tem todo o direito a assinar Nuno Duarte, até porque, como autor de BD, não há mais nenhum.

Moda Foca Project
http://revistamodafoca.blogspot.com/ (Parede/S. Domingos de Rana)
Humor (horóscopos marados) e bandas desenhadas satíricas, pelos suspeitos do costume (Álvaro e Derradé), por mais um que também anda por estas áreas (Rodrigo), e ainda por insuspeitadas (neste caso) figuras pouco conhecidas no registo humorístico, Andreia Rechena e Teresa Câmara Pestana. A "mother" ("moda", na pronúncia rasca sul-americana) da coisa tem o nome masculino de Álvaro, um muito temido "fucker" do juízo de personagens e instituições de que não gosta mesmo nada.

Monsieur Pignon vulgo "Senhor Pinhão"
http://senhorpinhao.blogspot.com/
Banda Desenhada alternativa, pura e dura, do mais autêntico que se faz por cá, fidedigno aos cânones do underground, por imagens traçadas descontraidamente em curtos episódios sempre a preto e branco, raivoso e "sujo", sem a mínima preocupação estética (mas ela está lá, assume é formas tortuosas), sempre a roçar o registo mais rasca, logo mais espontâneo, que se inicia nos próprios títulos com laivos escabrosos ("Morde aqui abelha a ver se eu deixo") ou escatológicos ("As histórias de merda cheiram mal").
Miguel Carneiro, bloguista, autor das bedês e ilustrações, um caso sério da edição independente, em duo talentoso com o seu amigo Marco Mendes, co-editautores do fanzine "Cospe Aqui"

Mula, A
http://osgajosdamula.blogspot.com/ (Porto)
A dupla Miguel Carneiro&Marco Mendes tem muita coisa em comum. Algumas das bedês do MM visíveis em "Diário Rasgado" estão também aqui. Outras coisas visíveis neste blogue estão também no blogue "Monsieur Pignon", que, pelos acasos da ordem alfabética, está situado exactamente antes deste. Aqui no "Mula" vale a pena tornar a ver aquela prancha desenhada por Miguel Carneiro intitulada "As Histórias de Merda Cheiram Mal!", underground de elevado gabarito em qualquer parte.

Mundo do Estranho, O
http://www.omde.net/ (Mafra/Carapinheira)
O sítio está bonito. O "Estranho" é o herói privativo do Paulo Marques, acompanha-o para os dois lados onde o Marques tem mexido: num fanzine de que é editautor, e neste blogue. Aqui pode ver-se um episódio em sete pranchas, "to be continued", supõe-se, visto o herói, acossado por centenas de inimigos, ter-se refugiado num cano de esgoto, onde se encontra rodeado de enormes ratos, ainda por cima na iminência de voltar à pele do humano Loman, de que é alter-ego, e do qual só pode estar separado doze horas. A expectativa criada é grande, o problema é que já se prolonga há bastante tempo...

Mundo Fantasma
http://blog.mundofantasma.com/ (Porto)
Se outra coisa não houvesse, bastaria a rubrica "Entrevista Súbita" (por exemplo, a com Julie Doucet), da autoria de Paulo Patrício, para justificar a visita, desinteressada, a este blogue pertencente à livraria portuense homónima. Mas claro, há mais coisas, incluindo idas ao cinema (filmes BD, claro) devidamente comentadas.

Murmúrios das Profundezas
http://murmuriosdasprofundezas.blogspot.com/ (Porto)
Um grupo de jovens admiradores de Lovecraft há uns tempos que preparavam um projecto a realizar através da Banda Desenhada. E assim aconteceu em Julho 2008: "Murmúrios das Profundezas" concretizou-se como obra de BD, foi editada em álbum, e teve direito a exposição na Casa da Animação, no Porto.

My Opera
http://my.opera.com/macieira_law/blog (endereço?)
Textos em inglês, espanhol, alemão, francês, mas também, claro está, português, em excertos de blogues, jornais, revistas. Tudo sobre Hergé, Tintin e seus comparsas. My Opera, porquê, Jorge Macieira? Homenagem à cantora lírica Bianca Castafiore, quiçá...

Na Terra Como no Cã@u
http://naterracomonoceu.blogspot.com/ (Lisboa)
Excertos, é assim que Nuno Saraiva classifica, este blogue iniciado em Janeiro de 2009. E porquê excertos? Pela visível razão de que o bloguista começou por mostrar apenas as duas vinhetas iniciais de cada banda desenhada das que já tinham sido reproduzidas (semanalmente) na revista/suplemento Tabu do semanário Sol, uma tarefa artística que o N.S. (a sigla pela qual geralmente assina) iniciou em 16 de Setembro de 2006, ao ritmo de duas pranchas semanais, - com raras falhas -, sempre sob o título genérico "Na Terra Como no Céu", de que este blogue tem título quase homógrafo (se exceptuarmos aquele desvario na última palavra).
Entretanto, já em data posterior, o Nuno passou a afixar, na margem direita do blogue, as duas pranchas completas, ampliáveis. Para quem não compra o semanário, tem aqui a hipótese de espreitar o excelente trabalho do conceituado autor-artista da BD, também professor de BD e Ilustração no AR.CO.

Nona Arte - Um Mundo a Explorar
http://cronicasdanonaarte.blogspot.com/
Luís Miguel Pinto escreve sobre banda desenhada desde 2006 (26 de Agosto), e começou muito bem, por Hugo Pratt, mais propriamente por um útil livro que recolhe entrevistas com o chamado "Mestre de Veneza" - embora ele, na realidade, tenha nascido em Rimini -, realizadas pelo crítico francês Dominique Petitfaux (antes de o conhecer, eu pensava tratar-se de uma senhora...).
Daí em diante, este ecléctico fã de BD passa por "Quim e Manecas", de Stuart Carvalhais, por "A Verdadeira História de Jota Cristo", de Ricardo Ferrand, talvez por contágio aprofunda o tema "A Verdadeira História do Super-Homem" (será que ele entretanto viu o nº3 do meu fanzine "Efeméride", editado em 2008, dedicado à obra-paródia colectiva "Super-Homem no Século XXI"?), visiona e comenta "Operação Óscar - Outra maneira de contar o 25 de Abril", de José Ruy, escreve análise sobre a muito premiada novela gráfica "Salazar-Agora na hora da sua morte", de Miguel Rocha e João Paulo Cotrim, olha fascinado para "300", do genial Frank Miller.
E depois disto, desampara o blogue em Julho 04, 2007!
Mas, apesar da paragem (definitiva? Sem nada a avisar?), o dito cujo continua a merecer visita. O que talvez já não valesse a pena seria a correcção que ainda vou fazer (pode ser que o ex? bloguista passe por aqui): há uma pequena confusão, logo no texto introdutório do blogue, quando afirma que os brasileiros dizem "Gibi ou História em Quadradinhos". Porque, de facto, no português do Brasil, a expressão usada é "Histórias em Quadrinhos", enquanto que a expressão "gibis" é atribuída às revistas da especialidade.


9ª Arte
http://nona-arte.blogspot.com/ (endereço?)
Apesar de o blogue se chamar 9ª Arte, a dita cuja está muito lá para os "posts" de baixo, quase soterrada sob ilustrações. Mas há uma parte do blogue, não muito usual, que leva qualquer visitante entusiasta da BD a fazer as pazes com o bloguista Maurobindo: é quando ele mostra imagens das suas compras em Nova Iorque (Junho 2008) e as comenta entusiástica e pormenorizadamente. Por exemplo: sob imagens de edições de "Essential Silver Surfer", lê-se o comentário, "essencial para qualquer fã do Surfista"; sob a capa de Naruto nº 1, o desabafo "Depois do anime, tinha de me iniciar na mangá do Naruto"; sob a edição de "Wizard 200", "imperdível esta edição de coleccionador para um bedéfilo"; "4 back issues para fechar buracos nas colecções"; sob três capas de "Silver Surfer", em edições tpb, o comentário do bloguista-bedéfilo, "Eu tinha de trazer algo antigo do Surfer... é mais forte do que eu".
Imagens boas, comentários saborosos, que provocam sorrisos cúmplices dos bedéfilos que conhecem este tipo de inolvidáveis emoções.

Notas bedéfilas
http://notasbedefilas.blogspot.com/ (endereço?)
As temáticas escolhidas e desenvolvidas pelo bloguista "Verbal", desde 31 de Julho de 2005, são diversificadas: acontecimentos (exposições, festivais), autores de BD (pequenas notas biográficas), autógrafos (intitulados "Desenhos autografados", que fazem lembrar a minha rubrica "Autógrafos desenhados"), BD e Cinema (tema que vai aparecendo à medida dos filmes que se estreiam entre nós), BD internacional (que não desdenha falar sobre o "Cebolinha"), BD nacional (bom, aqui pode parecer que vamos ler acerca de obras de autores nacionais, mas não, é de álbuns de autores estrangeiros editados por cá), as suas bedês preferidas (Batman, XIII, Calvin, Fantasma), panóplia que demonstra tratar-se de bedéfilo ecléctico...

Notícias da Sétima Dimensão
http://blog.setimadimensao.com/ (Funchal/Madeira)
A Livraria Sétima Dimensão, graças à entusiástica bedefilia de Roberto Macedo Alves (presumo que seja o proprietário, ver na Parte II o endereço com o nome dele), é hoje em dia o espaço privilegiado da Banda Desenhada na Região Autónoma da Madeira, mais concretamente no Funchal, por outras palavras, o foco aglutinador de todos os bedéfilos madeirenses: autores, leitores, coleccionadores, faneditores e fanzinistas.
Fica-se a saber pelo blogue (iniciado em 30 Abril 2008), ao estilo de flashback, das diversificadas actividades tendo por fulcro a BD: desde conferências ali levadas a efeito em 2005, até ao evento "12 horas de BD", o primeiro realizado na própria livraria, o segundo na "Feira do Livro da Cidade do Funchal", ambos em 2006, noticiando igualmente, nesse mesmo ano, a participação (até agora a única portuguesa!) de representantes do Funchal no "24 Hour Comics Day". E em relação a este evento de carácter internacional, o "post" de 14 de Outubro chamou a atenção para a proximidade de mais uma edição do "24 Hours Comic Day", com data marcada para 18 de Outubro em 87 locais de 18 países!
Só para ter posteriores informações de tão importante evento, convirá não perder de vista o blogue.

OCPortugal
http://ocportugal.blogspot.com/ (Lagos)
Fotomanipulações, Desenhos, FanArt, são áreas anunciadas no subtítulo do blogue. A primeira delas, baseada em heróis (especialmente heroínas) da BD tem muito que se lhe diga, e que se lhe veja, no que concerne à imaginação e capacidade na "manip" do bloguista-manipulador gráfico, Osvaldo Correia (para saciar curiosidades bloguísticas, aí está explicada a sigla como título do blogue: nome, apelido, país).

O Outro Lado dos Comics
http://outroladodoscomics.blogspot.com/ (endereço?)
Desde Março 2006, críticas ao acaso das leituras de Luís F. Alves e Jorge Amorim, incidindo predominantemente no universo americano e seus super-heróis, designadamente Batman, Flash, Spider-Man, Wolverine, Green Lantern, Iron Man, Daredevil, She-Hulk, Captain America... Esporádicas e breves, há passagens pela produção nacional (Super- Pig #4), pelas notícias (uma nova livraria, Asa Negra Comics), e até por uma escapadela ao cinema para ver o Iron Man, (talvez lá tenhamos estado na mesma sessão, às vezes há cada coincidência).

Paulo Patrício
http://www.paulopatricio.com/ (Porto)
Joe Matt, Peter Bagge, Jim Woodring, Peter Kuper, Baru, são autores-artistas com quem o bloguista tem conversado, dando a essas curtas conversas o sugestivo título de "entrevistas súbitas". Para as ver, basta ir à coluna das categorias, onde, entre vários outros temas (inclusive uma estação de rádio pessoal), se encontra a mágica sigla BD, suficiente abre-te sésamo para ter direito a entrar nesta listagem. Outro motivo que o justifica é a sub-rubrica "Vinheta Auditiva", onde se fala de "podcasts" centrados sobre os "comics".
Paulo Patrício, que vive no Porto onde o conheci, tem coisas publicadas na BD, enquanto autor completo ou apenas argumentista. Como exemplo desta segunda faceta, em 2004 escreveu 48 episódios para Nuno Saraiva banda-desenhar, e que foram publicados na Tabu, revista-suplemento do semanário Sol.

Pequenas Imagens - Apontamentos sobre bd e ilustração
http://pequenasimagens.blogspot.com/ (Açores/Ilha Terceira)
Alberto Soares não mexe no seu blogue desde Julho 2007, faz agora um ano. Estranha imobilidade de quem desde 8 Dezembro 2005 afixou entusiasticamente postagens a tratar de temas da banda desenhada que se percebe que o fascinam: "Eternas namoradas" (as dos heróis da BD, obviamente...), "Capas notáveis", "Grandes páginas", "Trabalhos obscuros" (onde, por exemplo, presta homenagem ao talentoso José Abel, precocemente desaparecido). E vários outros temas. Bloguista também precocemente desaparecido das lides, ou apenas a fazer um interregno?
Com a enorme interactividade facilitada pela Net, é possível actualizar, com frequência o que se escreve num blogue. Isto para dizer que, entretanto, fiquei a saber que o bloguista-bedéfilo Alberto Soares vive na minha ilha preferida, a Terceira, nos Açores (donde é natural, presumo), e que, também entretanto, ele voltou a postar pequenas-grandes imagens. Repito a saudação que deixei no seu outro blogue, o "Da Minha Colecção": Seja bem reaparecido!

Perfect Blue
http://bddebm.blogspot.com/ (Beja)
Embora haja autoras de BD que produzem episódios em estilo erótico (Isabel Lobinho terá sido a precursora), Maria João Careto é uma das raras com coragem (e capacidade) para explorar a banda desenhada de cariz pornográfico, puro e duro. Isso mesmo se pode constatar nas pranchas a p/b expostas neste blogue nas datas de 24 de Abril, 9 e 12 de Maio 2007, sob o título "O Álbum de Banda Desenhada". A sua corajosa, descontraída e incomum empatia (habitualmente inconfessada pela mulher portuguesa) por esse tipo de imagens fortes, conotadas com a área sexual, tem sinal evidente no link incluído no blogue, o "EroticArtists.org".
Em complemento deste blogue, a jovem autora-artista mostra várias outras peças de BD, uma delas, "A Noite e a Criança" matizada a amarelo, e mais uma, "O Fim dos Dias", com a quarta prancha, e última, em policromia, coisa rara nas várias bedês que lhe conheço, no site "OneLibra" (http://onelibra.deviantart.com/ (no item "Browse Gallery"), alojado no amplo e receptivo portal Deviantart, tal como fizeram companheiros seus (também incluídos nesta listagem) do "Atelier Toupeira", de Beja.

Pires Voador, O
http://opiresvoador.blogspot.com/ (Lisboa)
No que concerne ao quarteto formado por Pepedelrey, JCoelho, Rui "Lacas" e Rui Gamito, amigos de longa data, e que têm muita BD algures publicada por aí, sinceramente lamento que, ao visitar-se os blogues deles, a pensar que se vai ter a oportunidade de ver algo do que já fizeram, ou do que estão a fazer, apanha-se uma desilusão (apenas no que se refere à BD, note-se). É o que acontece com este blogue do Gamito, onde só há à vista alguma coisa do álbum "Virgin's Trip" e a capa do álbum "Fato de Macaco", obras recentes em que o artista-bloguista participou. O mínimo que posso dizer é que se trata de falta de estratégia, ao não aproveitarem de forma mais intensa a força divulgatória da internet.

Planeta Calafrio
http://planetacalafrioruc.blogspot.com/ (Coimbra)
Na R.U.C., Rádio Universidade de Coimbra, fala-se frequentemente de banda desenhada, ou não fosse o crítico de BD, e argumentista, João Miguel Lameiras, um dos radialistas. Complementarmente, o espaço radiofónico explora também a blogosfera, aqui sob textos apenas de Maria Santos (MCalafrio), a voz feminina daquela rádio, também eficiente e despreconceituosa (a sua selecção de imagens é disso significativa) cronista bedéfila.

Plati's Blog - A bunch of pretty pictures by Nuno Alves
http://nunoplati.blogspot.com/ (Lisboa)
"I'm a professional illustrator and comic book artist", diz, entre outras coisas na sua apresentação, Nuno Plati, aliás, Nuno Alves.
Em Nov. 2005, um dia após ter iniciado este blogue, apresenta uma série de trabalhos em banda desenhada, sob o título "Personal Work" (os textos são integralmente em inglês), num estilo elegante e suave.
Em Set. 2007, há mais BD para a 24 Seventh Anthology, sob argumento de C.B.Cebulski, com quem está de novo a trabalhar, o que mostra em April 4, 2008, graças às "Avengers Fairy Tales" 2, que tem a sua marca artística no trabalho-base a lápis das seis pranchas reproduzidas.

Por um Punhado de Imagens
http://porumpunhadodeimagens.blogspot.com/ (Coimbra)
21 de Outubro marca o início de mais um blogue português, e o começo, com "Simon's Cat" visto e ouvido no YouTube, com imagens em movimento, justifica perfeitamente o subtítulo do blogue: "Banda Desenhada, Cinema, Outras Imagens... e alguns textos".
Textos esses escritos pelo crítico João Miguel Lameiras, recuperados (não serão todos, claro) dos que vai publicando no Diário As Beiras. É boa ideia, porque são artigos críticos que ficariam quase despercebidos num jornal regional, ganhando assim maior projecção, além de permitir, a milhares de bedéfilos-cibernautas, a leitura de críticas honestas e actualizadas.



Putchy
http://putchybaby.blogspot.com/ (endereço?)
Blogue ainda bebé, nascido a 15 de Março deste ano de 09, tem mantido boa cadência de postagemm de dois em dois dias. Isto porque o bloguista "Putchy" (que entretanto fiquei a saber chamar-se Renato Sousa, que também se identifica por Putchyfather) afixa tiras de banda desenhada, estilo minimalista, em "gags" curtos de duas, três vinhetas, a preto, branco e matiz cinzento.
Merece ser seguida a sequência de tiras com atenção, porque o autor tem a noção de como fazer humor, quer no argumento, quer no desenho, de forma simples e eficiente. E. entretanto, ao longo de umas dezenas delas bem tiradas, o bebé já cresceu, os "gags" reflectem as mudanças psicológicas e físicas, mas continuam a aliar a graça com a ternura paterna.

Quotes On Comics.com
http://www.quotesoncomics.com/ (Porto)
"The most eligible bachelor on the Marvel universe is absolutely Tony Stark [Iron Man]" - Joe Quesada in voices.washigtonpost.com (e quem clicar neste endereço vai ter directamente à entrevista com aquele "cartoonist", ilustrada com a foto do autor.
("POST" EM CONSTRUÇÃO)

Reféns da BD
http://refensdabd.blogspot.com/ (Lisboa)
Apenas desde Abril 08, mas já com um acervo de textos de altíssima qualidade e apurada selectividade. Um blogue que merece dilatado tempo de leitura.

Relvas - Chinese Master Spy
http://chinesemasterspy.blogspot.com/ (Croácia)
Fernando Relvas, um dos mais importantes autores da BD portuguesa, está a viver na Croácia, mas continua a fazer BD, agora com texto em inglês, desde Fev. 07, 2008, como se pode ver no acima citado blogue, com uma produção notável, tanto em qualidade como no ritmo de publicação, seis vinhetas (na vertical) semanais, a cores, com um grafismo ao nível do melhor Relvas, aquele do saudoso semanário "Sete" (quem tem boa memória e alguma idade, sabe do que estou a falar...). Além disso, já por lá publicou álbuns no sistema "POD- print on demand". O nosso Relvas internacionalizou-se, e bem o merecia.

Sansão, Dalila & Collie
http://sansaodalilahcollie.blogspot.com/ (endereço?)
Título do blogue e da série de tiras humorísticas, escritas e desenhadas por David Fidalgo ("Damarofi"), protagonizadas por três cães.
Tanto as tiras (a inicial a cores, as duas seguintes a p.b.), como o blogue, iniciaram-se em conjunto, muito recentemente: 29 Ag. 08.

Sem comentários
http://semcomentarios2.blogspot.com/ (Amadora)
O Nuno Duarte, essencialmente argumentista/guionista de BD e TV, personifica a calma em pessoa. O que não quer dizer que não tenha sublimado as suas tendências violentas, porque, aqui no seu blogue, nos "Previous posts", em 7 de Abril 08, vai encontrar-se a etiqueta "A Porrada (TM) do dia", que remete para o link "Nad Shot" (http://nadshot.com/), cheio de cenas de bandas desenhadas do género. Sadismos à parte, dá gozo visionar este "tratado da especialidade", como o classifica o bloguista.

Sem data marcada
http://semdatamarcada.blogspot.com/ (Vila Nova/Miranda do Corvo)
Pedro Morais, ou Pedro Paes, ou Pepe Pampam, tem bom currículo na BD (os seus inícios foram na revista Tintin), mantém-se a editar o fanzine "Sine Die" - daí o título do blogue - e ultimamente tem realizado bedês em registo infantil para a revista Visão Júnior. Pena é que apenas mostre exemplos das mais recentes, cada uma delas reduzida a três vinhetas, quando no início os episódios ocupavam três pranchas. Lamente-se também que o desenhador não faça um portfólio com esses primeiros episódios, onde o trabalho dele e do argumentista Luís Almeida Martins brilha bem mais, e raros bedéfilos os viram. Porque, aposto dobrado contra singelo, poucos serão os que, tal como eu, se darão ao trabalho e à despesa de comprar a revista Visão Júnior, só por causa do trio Júnior, Joana e Gão.

Sergei
http://www.sergeicartoons.com/ (endereço?)
Desde 2000 que Sergei faz este site, onde inclui a trilogia em que mexe: caricatura, cartune e banda desenhada. Esta última, que é a que me interessa - de que é que estamos aqui a falar? - é representada por tiras cómicas que têm por mote a realidade do dia-a-dia e as opiniões sócio-políticas do autor, a coberto dos diálogos de figuras de alentejanos, personagens da série "Os Compadres", já editados em álbum por duas vezes.

Sete-Estrelo
http://sete-estrelo.blogspot.com/ (Lisboa)
João Lemos faz parte da recente fornada de gente nova com talento para a BD que passou a trabalhar para editoras norte-americanas. Neste blogue mostra cinco pranchas suas da obra "Avengers Fairy Tales" que fez recentemente para a Marvel, sob argumento de C.B.Cebulski.
Em Portugal, a sua actividade nesta área: que eu saiba, apenas a bd curta de duas pranchas "Lilavati", reproduzida na publicação Que Venham + 5, editada este ano pela Bedeteca de Beja, e co-autoria do argumento da extensa bd "Simum", com desenhos de Filipe Goulão, publicada no meu fanzine Ad Hoc, (nº2, Ag. 99).
Agora está na Indonésia, a fazer pesquisa, escreve ele no blogue. Estará na forja nova bd?

Sítio do Boneco Rebelde, O
http://bonecorebelde.no.sapo.pt/ (endereço?)
Este sítio está muito bom, muito bom mesmo, planificado e escrito por alguém que não se identifica, nem sequer se apresenta sob pseudónimo. Tem como finalidade meritória a divulgação indispensável das "Aventuras dum Boneco Rebelde", obra de referência da BD portuguesa, criada por Sérgio Luiz, com alguma participação do irmão, Güy Manuel, ambos precocemente desaparecidos.
Publicadas na revista "O Papagaio", com início em 27 de Julho de 1939 e final em 20 de Maio de 1943, estas aventuras, desenhadas com muita imaginação e notável originalidade, tiveram entretanto direito a reedição em 1999, agora em livro publicado pela Bedeteca de Lisboa sob chancela da editora Baleiazul, com organização e texto introdutório de Carlos Bandeiras Pinheiro e João Paulo Paiva Boléo.

Sketchbook
http://vetesketchbooks.blogspot.com/ (Beja)
Surgido no "Toupeira", conhecido ateliê bejense de BD, Silvestre Francisco (a.k.a. Vete) tem numerosas bandas desenhadas nos seus vários fanzines e não só. Todavia, neste seu blogue, além de ilustrações e apresentação de personagens, de BD há apenas duas pranchas do projecto "Indie Planet", a 2.ª em "post" de 21 Set. 08, que se me deparou na minha mais recente visita.
Para ver o grosso das suas bedês há que clicar no endereço http://www.comicspace.com/vetebd, pertencente ao portal "Comic Space". na rubrica Vetebd's Comic Galleries, no item "Mainstream comics", onde, aí sim, o prolífico jovem autor tem uma mostra significativa da sua produção.

Sketching Heroes, by Daniel Almeida
http://sketchingheroes.blogspot.com/
Daniel Almeida nasceu em Viseu só há treze anos, será com certeza um dos mais jovens bloguistas portugueses. E digno de nota: escreve os textos em inglês desde o "post" inicial, datado de 20 Maio deste ano 2010. Já foquei nesta listagem mais alguns casos idênticos - por exemplo o "The Crib Sheet" do estudioso e divulgador Domingos Isabelinho -, mas o Daniel será, também neste caso, o mais jovem português a pôr de parte a língua portuguesa, quiçá por motivos pragmáticos, ou seja, para alcançar maior projecção. Ser ambicioso não é geralmente considerado como defeito.
E o que é que o chaval mostra ao visitante? A primeira prancha da bd a preto e branco "Viagem Alucinante", com que participou no concurso do Festival BD da Amadora, de 2009, outra, a cores, sob o título "Uma aventura com Afonso Henriques", participante num concurso do Salão BD de Viseu, como não poderia deixar de ser. E acrescenta a sua versão de umas tantas figuras de personagens de BD, o que é bem natural em quem afirma, nos dados pessoais, que os seus interesses são dois: Super-heróis e BD.

TBDz
http://www.tbdz.no.sapo.pt/ (Montijo)
Eis um sítio criado especialmente pelo Daniel Maia para o fanzine Tertúlia BDzine. O zine é meu, o sítio é dele.

Templo Maia
http://templomaia.blogspot.com/ (Montijo)
Algumas imagens de figuras super-heróicas, para projectos inconclusivos, eis o que se encontra neste espaço pertencente a um jovem talentoso mas algo inconstante, o que se deduz de, também este estaço, tal como o intitulado Danielmaia.com, ter sido abandonado desde Dezembro 2007.

Tex Willer
http://texwiller.blog.com/ (endereço?)
Embora haja muitos bloguistas-bedéfilos portugueses fãs de heróis e super-heróis, julgo que este blogue será o único entre nós dedicado em exclusivo a uma personagem da BD, o "cow-boy" Tex, com a sua eterna camisa amarela (apesar de só a usar nas capas das revistas e dos álbuns, deve ter uma boa quantidade delas, vê-se que são sempre novas...), com longa carreira em Itália e no Brasil, todavia, curiosamente, nunca publicado em Portugal em revista periódica, apenas editado num único álbum integrado numa intitulada "Série Ouro", em jeito de suplemento do jornal Correio da Manhã, primeiramente, e na revista Sábado, posteriormente.
Os artigos do activíssimo blogue são algumas vezes creditados à equipa que o edita, mas esporadicamente aparecem assinados individualmente. Quando assim acontece, constata-se que Mário João Marques é um dos articulistas: além de muitos outros textos, em data recente escreveu esclarecedora crítica acerca da obra "Mefisto" (descendente de Mefistófeles, chi lo sai?), e que José Carlos Francisco já fez algumas entrevistas com bastante interesse, pois dão a conhecer as motivações de grandes coleccionadores texianos. Um deles, o brasileiro Cleudo Lima, entrevistado recentemente, diz a certa altura: "(...) Eu não imaginava a legião de pessoas que gostam do Tex. Até em Portugal?", e qualquer portuga ficará intrigado com tal espanto, pois seria natural que o Cleudo soubesse que as edições brasileiras sempre se venderam bem em Portugal, o que nunca foi recíproco, desde o tempo em que a Livraria Bertrand teve de fazer uma edição especial da revista Tintin em português do Brasil, tal como aconteceu com a extinta Meribérica, que também teve de fazer a revista "Selecções BD" na versão "Seleções BD", se quis pô-la no mercado brasileiro. Parece que nós, portugas, conseguimos ler as revistas brasileiras, mas o contrário é capaz de não ser verdadeiro...
Voltando ao blogue texiano: eventualmente, os coordenadores recorrem a artigos de jornais (exemplo: "De Blueberry a Tex: Colin Wilson no Oeste", escrito por João Miguel Lameiras no jornal "Diário As Beiras"), ou incluem textos de estudiosos, caso de Jorge Magalhães, e do seu notável trabalho de pesquisa "O Western na Banda Desenhada Portuguesa", anteriormente integrado em publicação editada no âmbito do 16º Salão Internacional de Banda Desenhada de Moura, em Maio de 2007. O que só prova que estes bloguistas-texianos estão atentos a tudo quanto mexe nas pradarias, desde que use "colt" e monte a cavalo.

The Crib Sheet
(ver em Crib Sheet, The)

The Void
(ver em Void, The)

Tintinófilo, O - Tintin em Portugal
http://www.tintinofilo.over-blog.com/ (endereço?)
O mais completo espaço português dedicado ao herói da poupa, ao capitão tonitruante, enfim, à galeria de personagens hergianas. No que concerne à reprodução de "pastiches", o panorama é vasto, tanto que até lá cabem as capas, ou primeiras páginas, dos exemplares do meu fanzine Tertúlia BDzine, (dessa vez editado por um tal ÉleGê) dedicado em 1999, à famosa série, com a colaboração de doze autores-artistas portugueses, bem como das separatas a cores (estas em tiragem limitada) que no zine se incluiam, A reprodução neste blogue foi feita à minha revelia, mas que direito tenho eu a queixar-me, se aquela edição também foi feita à revelia de quem todos nós sabemos...

Tira-Tira, uma tira diária de vez em quando
http://tira-tira.net/ (endereço?)
O humor começa no título e continua pelas tiras, às vezes bem tiradas (com espuma e metáforas), por dois "tiradores" que assinam CiEL e OM (conheço o OM mas não posso dizer o nome, não conheço o CiEL, por isso também não posso dizer o nome, hehehe!). Começaram apenas em 18 Fev. 08 (é só o que se vê depois de clicar na etiqueta "Tiras"), mas já têm material suficiente para provocar umas boas gargalhadas. Por exemplo:
Do OM #003 (6 Fev): o diálogo entre o Capuchinho Vermelho e o lobo, em paralelo com a cena que se observa, é brejeira e desopilante; ainda do OM, agora em August 29th, a tira que representa um problema de trânsito é absolutamente impagável.
Do CiEL, não desmerecendo o humor de algumas das suas tiras, sobressai mais pelo dos textos, alguns com pormenores excepcionais. Dois exemplos apenas: "duas Paula Regos, duas Paulas Rego, tenho de ir ao Ciberdúvidas"; "quem se dá ao trabalho de vestir um fato e depois usa calça curta e meias brancas". AhAhAh!, rio eu.

Toma lá Bonecos - Blog de Banda Desenhada e Ilustração de Pedro Brito
http://tomalabonecos.blogspot.com/ (Barreiro)
"Pois é! decidi criar este blog, para poder mostrar o que tenho feito a nível de Ilustração e Banda Desenhada. Não só irei colocar coisas novas, como também colocarei coisas inéditas que tenho na gaveta e coisas mais antigas e quase esquecidas (...)"
Assim escreveu Pedro Brito na apresentação do "Toma lá Bonecos", em 7 de Setembro de 2008. Todavia, demorou um pouco a começar a cumprir o prometido, pois só a 27 desse mês apareceu novo "post".
Mas valeu a pena esperar: "Conversa de Café" ("Banda Desenhada que fiz no meu Diário Gráfico. pintada e legendada posteriormente" escreveu ele) é uma bd em quatro vinhetas horizontais, cada uma delas com a largura da prancha, peça singular de elevada qualidade.
A reforçar a boa impressão, ainda no mesmo dia surge outra, "One Sheet Parkour", notável composição de imagens em movimentos esvoaçantes, sem vinhetas, algo que só por si justifica a visita ao blogue.
Pouco depois, em 2 de Outubro (relembro: de 2008), está reproduzida a invulgar figuração narrativa "Outra Vida", que veio a ser publicada na revista bejense Venham +5, de onde a saquei para iniciar neste blogue, em 11 de Outubro de 2009, a rubrica "Curtas de BD (portuguesas).
"18.40" é, ou poderá ser, o título da banda desenhada seguinte, um divertido devaneio onírico baseado na rotina das viagens habituais por cacilheiro entre Lisboa e Barreiro, cidade onde nasceu e ainda vive.
Só por estas duas peças vale a pena visitar o blogue. Mas há mais: pode ter o título "Meu Amor, Minha Morte", não ser BD , antes um projecto de animação, especialidade em que Pedro Brito ganha a vida.

Tom Vitoín
http://www.tomvitoin.com/ (Lisboa)
Nascido em 1992 como protagonista da série "As Odisseias de um motard", e óbvio "alter ego" do seu criador Luís Pinto-Coelho, desenhador e motociclista, o Tom Vitoín (claramente motoqueiro) tem tido actividade ao ritmo de uma prancha mensal na revista Motociclismo, e em quatro álbuns publicados. Mas aqui no "site", o pobre está abandonado desde Agosto de 2003. Houve avaria complicada?

Toonman
http://www.toonman.com.pt/ (Almada)
O "Toonman" gosta da área do cartune e é um bom cartunista (se de "foot-ball" se fez futebol e, consequentemente, futebolista, o lógico é que "cartoon" se transforme em cartune, e "cartoonist" em cartunista, visto que cartoonista, não é português, antes pretensiosismo provinciano), mas o que me faz incluí-lo nesta listagem são as suas bedês, começando pelas tiras de "São Francisco da S.I.S." e acabando na "Sílvia", que o Pedro Alves classifica de "estória curta de terror".
Um pormenor: se bem o conheço, o meu amigo Pedro vai insurgir-se e fazer cartunes contra o acordo ortográfico que aí vem. Mas ele já usa por vezes o português do Brasil: "estória", "objetivo"...

Tratado de Banda Desenhada Chinitarte
http://www.chinitarte.com/bandad.html (endereço?)
Francisco Chinita nasceu em Évora (10 Dez. 1961), viveu na Suiça, regressou a Portugal em 1992. Uns pormenores soube através de entrevista dada por ele ao jornal Diário do Sul, em 17 Jan. 07, outros pelo seu site dedicado à pintura. Cruzando as informações, até se fica a saber que trabalha numa firma de electrónica em Évora, e que o seu interesse principal é a Pintura, vindo depois a Banda Desenhada. Tanto assim que, há uns anos, elaborou um curso de BD, com a intenção de o publicar em livro, mas, não o conseguiu. Em sua substituição criou um site e meteu o curso lá dentro.
E tão interessante que está a obra: da lição 1 à 6, deparam-se-nos textos bem escritos, ilustrados por óptimas vinhetas, que mostram algumas personagens conhecidas e sugestivas, tipo Druuna..., os vários tipos de planos, o movimento (ao retardador ou "slow motion", por exemplo), os balões, a legendagem, etc.
Com um ou outro vocábulo pouco usual (por exemplo, chama "cartela" ao que sempre se chamou cartucho, fala de "guião literário" ao que é, afinal, o argumento), vê-se que Chinita conhece bem os termos técnicos da BD, e que os usa apropriadamente. Um site absolutamente imperdível, em especial para os jovens (e não só) que sabem desenhar mas desconhecem a linguagem e as convenções da banda desenhada.

3 Friendstory
http://the3friendstory.blogspot.com/ (Porto)
Duas pranchas de BD, uma delas com a assinatura Leo M, ambas realizadas em 2008 (Fev. e Abril), com título em inglês, "Terry: de dog keeper" e "Vincent, the Martyr", mas com legendagem em português, que reflectem a capacidade de Leomes (aliás Leonel Mendes, ou também Leo M) para fazer mais, mas, apesar disso, é tudo quanto este bloguista/autor de BD postou neste reduzidíssimo blogue.
Pode ser que a presente referência lhe dê algum impulso (já aconteceu anteriormente com outro "blogger") para continuar.

Um Mundo de Aventuras
http://bddesempre.blogspot.com/ (endereço?)
Iniciado em Maio de 2008, descende da linha visual do reputado blogue Mania dos Quadradinhos (que o novel bloguista Paulo reconhece como "musa inspiradora"), o que também provoca algumas semelhanças num certo pendor revivalista - até no uso da bonita expressão, embora caída em desuso "histórias aos quadradinhos"-, o novel bloguista Paulo mostra as capas da revistas do seu imaginário enquanto adolescente, fala das séries e autores da sua predilecção (onde cabe o prestigiado Eduardo Teixeira Coelho, viva!). De salientar o prático sistema de etiquetas que permite ao visitante localizar com rapidez o que se quer ver/ler.

VD Cartoons, As tiras Van Dog e não só
http://www.vdcartoons.blogspot.com/ (Lisboa)
Pilar (António Pilar) começou a ser conhecido pelas suas bandas desenhadas na revista de BD, a Visão (Abril 75/Maio 76). Agora, em registo gráfico bem diferente, fala deste país e do mundo pela boca do seu cão de estimação, o inefável mas cortante Van Dog.

VERBD
http://programaverbd.blogspot.com/ (Lisboa)
No Verão de 2007 houve uma muito agradável surpresa televisiva: no canal RTP2 começou a ser transmitido um programa com o título VERBD, dedicado ao tema explicitamente indicado onde, como é óbvio, houve conversas divulgatórias, mostrando exemplos concretos, quer de técnicas, quer de imagens, além de entrevistas com personalidades diversas, desde autores a divulgadores, passando por editores de fanzines.
O programa teve dois responsáveis, Pedro Vieira Moura e Paulo Seabra. O primeiro ficou com o encargo de seleccionar as individualidades que seriam entrevistadas, sendo ele próprio depois o entrevistador, além de autor dos textos escritos e ditos ao longo dos cinco programas, e o segundo o realizador. Ambos merecem ser creditados positivamente por terem idealizado e conseguido concretizar este projecto sobre a BD portuguesa, transmitido em cinco partes entre 29 de Julho e 26 de Agosto.
Pedro Moura, criador do blogue em epígrafe, surgido à laia de complemento do programa televisivo, elaborou um extensíssimo comentário a propósito das críticas surgidas, uma escrita por mim neste blogue (ver na categoria "Banda Desenhada Portuguesa na televisão", onde está publicado esse comentário), outra por João Miguel Lameiras no jornal Diário As Beiras.

Viriato e Barcelos
http://viriatoebarcelos.com/ (Porto)
A prancha inicial tem data de 18 Jan. 08, e nota-se evolução no desenho, à medida que os autores vão ganhando experiência. E até trabalham bastante, a uma média de catorze pranchas mensais. Alguns dos episódios estão mais conseguidos do que outros, é bem sabido que fazer humor não é fácil. Mas há que registar o esforço da dupla Mendes e Manu, do Porto. Só não se sabe quem escreve e quem desenha, ou farão os dois ambas as coisas?

Void, The
http://full-of-void.blogspot.com/ (Braga)
Há por aqui crítica de BD e novidades da dita, entre outros textos sobre música e cinema. Isso quer dizer que o bracarense Diogo Campos é um bloguista ecléctico, que não hesita mesmo em entrevistar em inglês, como fez recentemente com Paul Duffield, talentoso desenhador de "Freak Angels".

Voyager
http://voyagerbd.blogspot.com/ (Porto)
A mesma equipa do blogue "Murmúrios das Profundezas", que já realizou a obra de BD homónima, editada em álbum, foi convidada para realizar uma prancha de banda desenhada, mensalmente, durante um ano, para o ENNEmagazine. Na minha mais recente visita estavam afixadas duas interessantes pranchas, o que quer dizer que pela amostra, a obra promete. Rui Ramos (bloguista, argumentista, desenhador, eclectismo e dinamismo é com ele), um dos mentores do projecto, assegura que o que for publicado neste magazine será compilado num álbum, a editar em 2009. Vamos desejar que se concretize: o objecto em papel continua a ser fascinante.

Wanya Escala em Orongo
http://wanya-escalaemorongo.blogspot.com/ (endereço?)
Dedicado a Nelson Dias, um dos pioneiros da moderna banda desenhada em Portugal, e à sua obra, recentemente reeditada, Wania Escala em Orongo, este blogue é mantido pela sua viúva, a pintora Maria João Franco. É um gesto bonito, e o blogue está bem apresentado.

Within the Outside
www.comicspace.com/raz (endereço?)
Raz, como assina este artista e bloguista, tem três endereços, e sob o título "Within the Outside" aquele que aparece é http://pmrazael.blogspot.com/ mas nele só tem ilustrações, embora claramente aparentadas com a BD.
Mas, já se sabe, o que nos interessa aqui é a BD propriamente dita, por isso mesmo ponho em destaque o endereço do espaço que ocupa no portal Deviantart, esse sim, onde estão reproduzidas várias pranchas de BD. Aliás, fica-se a saber que se chama João Raz num outro espaço igualmente trabalhado por ele o www.myspace.com/pmrazael, onde apenas tem ilustrações tipo BD e vídeos.

World of Banda Desenhada
http://halotuga.blogs.sapo.pt/ (endereço?)
O bloguista João Lopes teve uma qualidade, enquanto afixou postagens neste blogue: elaborou bons textos e seleccionou, para os ilustrar, óptimas imagens. A contrabalançar essa qualidade, evidenciou dois defeitos, sendo um deles o de cometer erros ortográficos que se percebe serem-lhe habituais (albúm, várias vezes, não foi gralha, rúbrica, Black (!) et Mortimer), e outro, o mais grave, o de ter abandonado o blogue ao fim de pouco mais de dois meses (entre 12 Set. e 25 Nov. 07).
Nas minhas visitas periódicas, voltei ao blogue recentemente. Algo se passou entretanto de positivo, e ainda bem: a partir de 3 de Junho 08 registam-se assíduas postagens, bem escritas (literária e ortograficamente). O espaço bedéfilo renasceu com renovado entusiasmo, mas, estranhamente, deixou de estar visível o nome do bloguista, e já não sei como tinha conseguido detectá-lo na minha visita inicial. Mas com certeza que não o inventei...

Zarzangas' Comix
http://www.zarzanga.blogspot.com/ (Lisboa)
São poucas, as bandas desenhadas incluídas no blogue, mas há-as, publicadas originalmente em vários projectos. Em simples reprodução a preto-e-branco, foram extraídas de: 24 Horas de BD em Portugal, All Girlz, BD Jornal (e não está, mas podia lá estar, uma feita para o fanzine Tertúlia BDzine); a cores, são apenas três, uma delas conheço-a bem porque foi publicada na minha rubrica BD do jornal Mundo Universitário.
Andreia Rechena tem invulgar e atraente estilo de desenho, e usa cores com acentuada originalidade. É pena que não trabalhe com mais frequência no blogue, nem que seja para meter lá outras bandas desenhadas suas publicadas algures. Mas, claro, o que é hoje verdade, pode não o ser amanhã (talvez Maquiavel tnha dito isto..), e a bloguista gosta de contrariar as críticas, daí que, na postagem de 18 Out.08 tenha afixado uma recente bd, "Desastre Natural", bem representativa do seu estilo. E logo em seguida, complementando o lançamento de dois números (ou um número e meio...) do seu fanzine Reject Zine #2 e #2/ e meio, incluiu dois vídeos, onde a própria faneditora faz o lançamento - no sentido literal - do zine. Divertidas imagens, eu acho.

PARTE II

Espaços dedicados a outros temas, mas que também incluem BD

Listagem suplementar

Alternative Prison
http://alternative-prison.blogspot.com/ (Cacém)
Desde 18 Dezembro 2005 que, neste blogue, Gabriel Martins fala bastante de Cinema e de Música (até já houve votações, onde os "Primitive Reason" foram escrutinados...).
Mas tem direito a estar nesta listagem - embora aqui na parte mista - porque, de vez em quando, também foca assuntos de Banda Desenhada, área em que o bloguista analisa obras várias, tanto faz que seja History of Violence, Batman-Black & White, Hellblazer, Silver Surfer, The Sandman, V for Vendetta (recentemente encontrou-se no Festival da Amadora com o autor, David Lloyd, e fez-se fotografar a seu lado), ou a 300 (que já deu filme) do genial Frank Miller... 
Por aqui se vê que os "comics" americanos estão em prevalência, embora a variedade dos assuntos também atinja, mesmo que esporadicamente, a BD nacional: uma entrevista com João Paulo Cotrim acerca da obra "Salazar - Agora, na hora da sua morte", além de duas críticas, uma a "A última Obra-Prima de Aaron Slobodj", outra a "Talismã", ambas em finais de 2007, ainda o bloguista assinava de maneira diferente, ou seja, como José Gabriel.

Aquijas
http://jasaqui.blogspot.com/ (Alpalhão)

João Sequeira - ou JAS, como assina na BD - tem estado a usar o seu blogue na maior parte da existência do espaço internético, essencialmente na amostragem das suas (muitoboas) ilustrações. 
Mas nos meses iniciais, Abril e Maio de 2005, afixou várias pranchas de Banda Desenhada, com muito interesse gráfico. Depois desse impulso inicial optou decididamente por Ilustração e Caricatura, apenas abrindo excepção em Agosto 28, 2007, data em que surgem duas tiras coloridas intituladas "Há caracóis na minha cabeça", com texto de Kátias Alves (pena que a legendagem seja mostrada em corpo diminuto, dificilmente legível).
Blogue misto, portanto - com BD, Ilustração e Caricatura -, pelo que o incluo nesta Parte II, sem qualquer desconsideração, unicamente por uma questão conceptual.


As 7 Cores de Oniris
http://7oniris.blogspot.com/
"Tenho paixão por escrever e sou capaz de ficar horas a fazê-lo sem me cansar. Em 2008, o meu ano de estreia como escritora, lancei seis livros. Em 2009 publiquei mais um (...)", diz Rita Vilela, a bloguista.
Mas no meio de várias conversas deste teor, nada a ver com BD, de repente surge, como se de uma miragem se tratasse, surge, dizia, um explêndido layout preparatório para uma prancha de banda desenhada, com figuras ao estilo mangá!
Soube, por intermédio de João Mascarenhas (sim, o do "Menino Triste"), que a autora é uma jovem que participou num workshop por ele orientado.
Por que motivo aparece aqui este projecto de mangá? É para continuar? Como se chama a mangaka?
Hoje, 4 de Outubro de 2009, ainda não tenho respostas. Assim que as tiver, actualizarei a informação.

Blog do Homem Verde, O
http://blogtemfio.blogspot.com/ (Lisboa)
É um espaço essencialmente preenchido por brincadeiras gráficas e fotografias. Mas desde uma página do antigo jornal "Pau de Canela" (dirigido por Júlio Isidro), com a reprodução da bd "Fantásticas Aventuras de Godofredo Leite Fresco", da autoria de Jorge Colombo, até aos episódios realizados em imagens sequenciais pelo próprio bloguista Nuno Duarte, ilustrador e talentoso autor de BD, que umas vezes assina "Outro Nuno" (para se diferençar do argumentista Nuno Duarte), outras "Mocifão", episódios esses a corporizarem-se em preto e branco ou a cores, eivados do mesmo espírito malicioso, brejeiro e gozão denunciado logo de início no endereço do blogue.

Blog da rua nove
http://blogdaruanove.blogs.sapo.pt/ (endereço?)
Folhetos antigos com ilustrações fascinantes, notas admirativas do bloguista (o pseudónimo ajaponesado que usa é tão difícil de pronunciar e de escrever que não vale a pena repeti-lo, muito menos divulgá-lo) sobre filmes (Blade Runner, por exemplo), uma homenagem ao meu amigo e saudoso cartunista Sam (com reprodução de uma das suas estranhíssimas mas impagáveis torneiras), são alguns dos muitos tópicos focados no blogue.
E, como não podia deixar de ser (caso contrário não estaria aqui), lá está, na coluna da esquerda, entre as tags, lá está, repito, a banda desenhada. Ao clicar nela, depara-se-nos a prometedora rubrica "Pulp Fiction Comics" onde estão visíveis imagens classificáveis como "pulps à portuguesa": capas de antigas revistas, cujos títulos foram bem populares em meados dos século passado: Ciclone, Condor Popular, Mundo de Aventuras. E também edições brasileiras que se vendiam por cá, tituladas Superman, Thor, O Demolidor...

Cineblog
http://cineblog.blogs.sapo.pt/
"Um blog de J.B.Martins", é o subtítulo deste espaço internético, cujos tags são bem explícitos do interesse principal do bloguista, visível nos trailers que mostram partes de "Zombieland", "The Wolf Man", "Avatar"...
Mas - ora viva! - há um pequeno nicho de BD, e é por isso, obviamente, que o "Cineblog" tem direito a ser aqui registado. Com mais um pormenor não despiciendo: J. B. Martins actua como argumentista na banda desenhada, a cores, que aparece ao clicar na rubrica (e não "rúbrica", como lá está escrito), "A Garagem de Kubrick" (do Stanley? pergunto eu), com desenhos, engraçados e apropriados, de Carla Rodrigues.
A prancha inicial data de 21 Julho 09, e nela começa a assistir-se a um filme (com um cinéfilo como ficcionista, tinha de ser); passa-se a uma segunda prancha, datada de 3 de Agosto, e continua a acção a 17 desse mês (pondo em cena as personagens do filme "Up").
A evolução da bd está a demorar, ao ritmo de duas em duas semanas, mas já está em falta a 4ª prancha. Culpa do argumentista ou da desenhadora?

Dados Rosa
http://dadosrosa.blogspot.com/ (Lisboa)
"Acerca de mim: sou uma jovem com muitos passatempos preferidos, Bookcrossing, Postcrossing, Heroclix e jogos em geral, Origami e outros lavores. Para saberem mais acerca de mim, vejam os meus livros, as minhas fotos, a minha música, as minhas BDs" Oops! (digo eu), alto e pára o baile, isso tem a ver com a presente listagem de blogues e sites mistos.
E então o que há no item BD? Além de ficarmos a conhecer as suas preferências (Neil Gaiman, Mike Mignola, Frank Miller, Alan Moore, Matt Wagner, entre os criadores, e Marvel Girl, Phoenix, Preacher, Punisher, Wolverine, entre as personagens), há, bem visíveis, links, muitos, um deles direccionado para um precioso portal, o "The Comic Book Database" onde se encontra um utilíssimo item, o "Browse Titles", abarcando uma listagem de A a Z (olha a coincidência!) referente a milhares (!) de títulos de publicações, obras e personagens.
Portanto, a Sandra Rosa não precisa de fazer mais nada: o visitante apenas tem de seguir as setas, que é como quem diz, os browse titles.

Duartefolio
http://duartefolio.blogspot.com/ (Amadora)
"Muitas mas mesmo muitas horas sem dormir" é o subtítulo deste terceiro espaço internético de Nuno Duarte, ilustrador, publicitário e autor de BD (há outro com os mesmos nome e apelido nesta listagem - ver o blogue "Sem Comentários" - mas esse é argumentista). Os temas principais, intitulados "Géneros de noitadas", incluem vários títulos: "Concepts e Maquetes", "Character Design", e um que muito interessa para aqui, o "Storyboard" (com 20 "posts"!).
Como é do conhecimento geral, os "storyboards" são preparações gráficas para filmes, mas que têm todo o aspecto de BD (sequencialidade gráfica sobre uma ficção explícita ou implícita).
Daí que seja de toda a justiça englobar o "Duartefolio" nesta listagem suplementar.

Eduardo Monteiro
http://eduardomonteirodesign.blogspot.com/ (endereço?)
Ilustração, retratos, desenho de corpo em movimento (Francis Obikwelu), naturezas mortas, tudo da autoria do ilustrador/bloguista que dá o nome ao blogue.
E de banda desenhada? Algo terá de haver, mesmo pouco que seja, para aparecer aqui. E, de facto, há sim senhor, embora de forma transversal, ou seja, através de links, dirigidos a espaços essencialmente bedísticos, como sejam: "Fil-BD", "Leituras de BD", "Murmúrios das Profundezas", "Van Dog Cartoons", "Voyager", o que denuncia o interesse que E.M. tem pela arte da figuração narrativa. Interesse cujos sintomas mais se tornam visíveis, ao depararem-se-nos as imagens por ele desenhadas, de Aquaman, neste blogue, e de Batman no seu novo blogue, de ilustração, intitulado "Preto e Branco" (http://apontamentosdiarios.blogspot.com/), que existe desde 9 Set. 2008,
Com tais pormenores bedísticos, arreiga-se em nós a curiosidade: será que Eduardo Monteiro nunca fez nenhuma banda desenhada?

Educação do meu umbigo, A
http://educar.wordpress.com/ (endereço?)
À primeira vista parecerá que se trata de um site unicamente de comentários e/ou análise política. Mas, após a continuação da visita, encontrei textos que nos (a nós bedéfilos, claro) interessam, nas rubricas "Banda Desenhada, Coisas Boas", Leituras", "Vícios Dominicais", que entretanto desapareceram, o que é ingrato para quem esteja a fazer um trabalho deste tipo, porque o que disse ontem já não é verdade hoje. Todavia, Paulo Guinote, professor que gosta de BD, arranjou substitutos com a etiqueta "Galerias de Heróis", onde se podem encontrar (na coluna da direita, mas muito, muito lá para o fundo...) os seguintes itens: "Depósito do Calvin", "Clube da Mafalda", "Tirinhas do Garfield" e "Hägar".

Escola Eb1 de Santa Rita
http://www.eb1-santa-rita-lousa.rcts.pt/ (Lousã)
Entrevistas eclécticas - tanto é feita a um cantor, João Pedro Pais, como a uma escritora, Luísa Ducla Soares -, também um hino escolar para cantar, tudo assuntos que podem contribuir para o desenvolvimento cultural dos alunos da Escola indicada no título do sítio elaborado por um professor, igualmente autor da bd - que se pode ver clicando no item "Como se faz uma Banda Desenhada" - bem como dos esboços preparatórios de uma prancha, até chegar à definitiva, já colorida e com legendagem inserida nos balões, dedicada a um "herói" só conhecido neste site (e hoje em dia já não é nada pouco) chamado "Jonas, o reguila".
Este rapaz volta a aparecer (basta clicar no item "BD's do Jonas") em mais sete episódios, autoconclusivos, a cores, que constituem bandas desenhadas intencionalmente didácticas e pedagógicas - sem abdicar do sentido humorístico - como acontece, por exemplo, com a bd "A Vénus de Milo", onde Jonas fica a conhecer a origem histórica daquela peça, e logo a seguir transforma a estátua de Camilo na de João (Jonas?) Milo.
Carlos Sêco, responsável pelo sítio e pelas bandas desenhadas, é decerto excelente professor, e autor de BD com potencialidades no género, a merecer visita dos bedéfilos, mesmo que já não em idade escolar...

Escudo - Boletim Informativo.Newsletter
http://escudo.paginas.sapo.pt/page10.html (Moita)
É óbvio, para quem tiver escrutinado esta categoria, que o espaço sob análise não trata em exclusivo de banda desenhada, mas tem alguma. De facto, o cibernauta Luís Cruz Guerreiro é um azulejista (A.A.G.- Azulejaria Artística Guerreiro, situada na Moita), e gosta de fazer figuração narrativa.
"Aventuras de Jerílio no Século 25", por exemplo, é uma banda desenhada, a cores - parcialmente visível no endereço acima indicado - mas impressa sobre azulejos, suporte inusitado na época actual, embora haja em Portugal exemplos antigos, designadamente no Museu do Azulejo (Lisboa) e no monumento ao "Senhor Roubado" (Odivelas).
Mas seja por influência desses exemplares, ou pura e simplesmente por trabalhar no ramo da azulejaria, o Luís Guerreiro tem andado a realizar a anteriormente citada bedê, sendo que o primeiro episódio se apresenta sob o subtítulo de "Kron o Mercenário" (influência de Segrelles?).
Tive oportunidade de visitar (há cerca de dois anos) o ateliê do artista (azulejista/desenhador/pintor) na Moita, onde observei in loco esta banda desenhada num estilo algo naïf, mas sem dúvida valioso, mais que não seja pelo arrojo da ideia, bem como pelo esforço subjacente à extensa obra.
Obra essa que já esteve exposta em Brasília, tendo sido acompanhada à capital brasileira pelo próprio artista, em Agosto de 2000, e na Capela da Misericórdia (Freguesia de Alhos Vedros) em 2005.
Neste site passou igualmente a constar uma tira semanal de BD intitulada "O Deserto da Educação", com desenhos dele e argumento de Paulo Guinote, professor e bloguista ("A Educação do Meu Umbigo"), já incluída nesta listagem, e onde também se podem ver as ditas tiras que satirizam as incidências que afectam o ensino e os professores em Portugal.

Fernando Pessoa Poeta e Fingidor
http://weteam.blogs.sapo.pt/ (endereço?)
Um interessante site, dedicado parcialmente à Poesia, essencialmente à de Fernando Pessoa (o tal que dizia ter em si "todos os sonhos do mundo"), da responsabilidade de alguém que usa o pseudónimo de "Weteam".
No que concerne à BD, há lá apenas uma banda desenhada/fotografada, ou seja, um misto de desenho e fotografia, da autoria de Mariana Capela, decerto ferrenha pessoana, bedéfila e banda-desenhista, realizadora duma peça que me desassossegou o espírito, e que justifica a inclusão neste sector, também ele misto.

Ilustração Portuguesa
http://revistaantigaportuguesa.blogspot.com/ (Lisboa)
"Olá! Chamo-me Mariana, tenho 35 anos, moro em Lisboa". Assim se apresenta a criadora deste blogue, que não é de BD, esclareça-se desde já, mas onde reproduz bandas desenhadas publicadas na revista Fungagá da Bicharada, editada entre 1976 e 1978. A selecção de pranchas de BD que mostra, esclarece as suas preferências: duas da bd "Aventuras do Gato Jeff", desenhadas por Ricardo Neto, um veterano iniciado na revista Camarada, mas com um estilo de grande frescura; uma outra, de prancha dupla, desenhada por Zé Manel (José Manuel Mendes), sob texto de Júlio Isidro (sim, esse mesmo, o da TV); mais uma, esta de Victor Mesquita (sim, o do Eternus 9), cinco pranchas a cores, com texto de Júlio Isidro, intitulada "Um por todos... todos perús!" (ok, ok, há que ter em atenção que a revista era dirigida ao público infantil...). Conta Mariana que as revistas de que reproduz estas bandas desenhadas foram compradas em feiras de antiguidades, ou achadas. Oxalá compre (ou ache) mais uns exemplares antigos para enriquecer a componente bedística do blogue.

Imaginário
www.truca.pt/imaginario.html (Lisboa)
De vez em quando, o texto de abertura deste site, feito através da rubrica "Prontuário", é dedicado a obras e/ou personagens de BD, todavia, única parte respeitante à Figuração Narrativa. O eclectismo de José de Matos-Cruz leva-o a focar vários outros assuntos, que vão do Cinema à Literatura, esses sim, tratados com mais extensão e praticamente em todas as edições, que, registe-se a invulgaridade, mantêm notável cadência.

Interdinâmica
http://www.bd.interdinamica.pt/ (Amadora)
Este terá sido, provavelmente, o primeiro espaço português da Internet a incluir textos sobre banda desenhada, e tive a honra de ter sido a meu cargo, com o apoio técnico do dono do portal, o meu amigo João Monsanto. Hoje, na BD, há lá três alojados: eu, Leonardo De Sá e José Abrantes. Além do espaço que sempre dedicou à Banda Desenhada, o portal trata de vários outros temas, essencialmente daqueles em que o João Caldeira - como assina nessoutras áreas - é especialista: psicologia e tarotologia.
Mas, poucos o saberão, J.J.Monsanto era um nome que assinava bandas desenhadas de linhas elegantes no (agora há quem diga na, por ser revista) Mundo de Aventuras.

Joana Lafuente Portfolio
http://joanalafuente.com/ (endereço?)
Começa-se por se ver "illustrations", "Conceptual", "Comissions", apenas amostras seleccionadas do portfólio da conhecida mangaka portuguesa. Mas, após ler o texto em rodapé, e clicar-se no endereço, escrito a azul, DeviantArt, chega-se a uma página, onde, na coluna da direita, está a indicação 38 Scraps [browse], e é ao clicar-se em "browse" que se abre finalmente a galeria de Khaamar-Joana Lafuente, cheia de ilustrações. Outra vez terá de se clicar em "Browse" para se verem mais umas peças, incluindo pranchas de mangás. A qualidade justifica o acidentado percurso.

José Smith Vargas
http://josesmithvargas.blogspot.pt (Lisboa)
Um ilustrador/autor de BD de singular talento, que o tem espalhado ao longo do blogue, desde 14 de Fevereiro de 2008.

Juvemédia
http://www.juvemedia.pt/ (Lisboa)
Criado em Abril de 1997, este sítio integra-se na "Listagem suplementar" pelo facto de apenas aflorar a banda desenhada na alínea JuveBD (indicada no seu topo). De facto, aí mostra exemplares da publicação editada pela Associação Juvemédia, intitulada Juvebedê, que é considerada um fanzine, visto não ser feito com intuitos lucrativos (tem distribuição gratuita), o respectivo conteúdo é composto por recensões críticas a publicações de banda desenhada, revistas e álbuns, tanto de origem nacional como estrangeira e, esporadicamente, inclui bandas desenhadas de autores portugueses.
A limitação mais evidente - no que concerne à BD - deste site tem a ver com o facto de não reproduzir nada do conteúdo do Juvebedê, apenas lhe mostrar as capas, e mesmo assim apenas estando visíveis vinte, quando já estão editados quarenta e um números.

Luminus Box
http://luminusbox.blogspot.com/
No texto introdutório do blogue os visitantes são apresentados a três mangakas, cujos nomes aparecem como editoras do fanzine (editado em papel, convém esclarecer) Luminus Fantasia: Catarina Guerreiro, a.k.a. "Maquie", Tânia Martins Guita, a.k.a. "Telnia", e Telma Guita, a.k.a. "Yueguita".
Das três, a mais activa no blogue, a que escreve as postagens, é a Catarina, também autora de todas as mangás que compõem o fanzine .

Machina Speculatrix
http://maquinaespeculativa.blogspot.com/ (Lisboa)
Ciência, Política, Filosofia, Memórias, são temas que fazem o sumo principal do blogue. Mas, claro, de repente depara-se-nos uma rubrica que tem a ver connosco (como eu costumo dizer: banda desenhada, claro, do que é que estamos a falar?). Entrado aí, qualquer visitante se interrogará por que motivo, a seguir à alínea 9 não se segue a 10, mas a X, dedicada a "Banda Desenhada e outros temas", e nela estarem visíveis oito erótico-pornográficas (ah, o tal X...)pranchas da obra "A Metamorfose de Lúcio", desenhada por Milo Manara.
Porfírio Silva, o bloguista, investigador científico, conhece bem Apuleio, "o último grande autor da Antiguidade pagã", e por isso tem aqui este interessante devaneio, através de comentários e imagens por ele seleccionadas.
E, felizmente, o que parecia apenas um devaneio, está a tornar-se um gosto bem visível. Surgiu uma nova rubrica, "Aos Quadradinhos", com direito a endereço próprio (http://aosquadradinhos.blogspot.com/) - que, se calhar, terei de passar para a Parte I - onde fala, com conhecimento de causa e saber bedéfilo, da interessante obra "Marzi", desenhada por Sylvain Savoia e escrita por Marzena Sowa, que têm direito aos respectivos retratos afixados na parede virtual do blogue.
Após mais esta incursão, diz o confrade Porfírio Silva: "Vamos ler, BD é cultura". Palavras sábias.

Mundo de Apep
http://www.mundodeapep.blogspot.com/
"Portfólio on-line", é assim que Luís Maiorgas classifica o espaço onde exibe...
"POST INCOMPLETO)

Na Terra do Nunca
http://naterra.blogspot.com/ - (Lisboa)
Os títulos das etiquetas são suficientemente claros no que concerne à amplitude dos interesses artísticos e culturais do bloguista "Pan". Entre eles escolho "O Prazer de Ler", onde, mais do que uma vez, o escritor Mário de Carvalho é elogiosamente referenciado, em que há críticas bem escritas a várias obras, nomeadamente a "A Insustentável Leveza do Ser", de Milan Kundera, e "Aventuras de João Sem Medo", de José Gomes Ferreira". Outras rubricas com interesse e bem desenvolvidas são "A Arte do Fingimento" (Cinema), "Banda Sonora" e "Discos da Década" (ambos dedicados à Música) e, como não podia deixar de acontecer com uma pessoa culta, sem preconceitos provincianos, a Banda Desenhada faz também parte do ramalhete dos seus diversificados gostos, detectável nas etiquetas "Heróis de Papel", "Prazer de Ler", e "Vícios", onde há comentários críticos a várias obras de BD, designadamente "Face da Lua", de Boucq e Jodorowsky e "Alguns Dias Com Um Mentiroso", de Etienne Davodeau, e às popularíssimas séries Astérix e Blake e Mortimer.

Obvious
http://blog.uncovering.org/ (endereço?)
O blogue trata de temas diversos, entre os quais as Artes e Letras, a Arquitectura, o Design, a Fotografia, a Música. Trata-se, obviously, de espaço ecléctico e cultural. E, como é natural num bloguista culto, como prova ser Henrique Monteiro, a Banda Desenhada também por lá aparece. Mas precisa, como diz no subtítulo do blogue, de "um olhar mais demorado" para encontrar o item "bd/hq" na barra sob o título. Ao clicar-se nele surge de imediato uma série de caricaturas (muito boas, diga-se de passagem), da autoria do próprio bloguista.
E a BD aparece por ali, através da fotografia (óptima) de John Buscema, com o elogio "O último mestre da Marvel". Logo de seguida, podem ler-se textos pessoais do "blogger", em que ele fala dos seus primeiros contactos com os super-heróis daquela editora americana, designadamente "Homem-Aranha", Hulk e, em especial, Conan, desenhado por, claro, John Buscema, e arte-finalizado por Alfredo Alcala.
Outros assuntos de BD bem tratados em texto e imagem, são "As cidades desenhadas", "Cenas de pancadaria e rara violência".

Outroblog
http://outronuno.blogspot.com/ (Lisboa)
O "Macacão" tem parecenças físicas com o "Homem Verde", bem como com o "Mocifão", enquanto personagens de banda desenhada. É perfeitamente natural, se tivermos em consideração que ambos foram imaginados e desenhados pelo mesmo autor, Nuno Duarte, aliás, "Outro Nuno".
Com o seu eclectismo artístico, não é de estranhar que ele tenha outros espaços e diferentes trabalhos espalhados ela Net ("Duartefolio", "Mocifão", "Blog do Homem Verde", também incluídos nesta listagem).
Quem quiser conhecer o rosto deste autor-artista que se desdobra em três personalidades, pode ver o retrato dele neste mesmo blogue, no "post" de 13 de Outubro. E garanto que está parecido. Sem desprimor para o seu talento, não terá sido muito difícil, foi desenhado sobre uma fotografia... Aliás, o bloguista tem muito trabalho fotográfico neste blogue.

Pantufa Negra
http://clix.expresso.pt/gen.pl?sid=ex.sections/23473
Ora aí está um blogue que tive dificuldade em alojar no meu: hesitei se haveria de o incluir na Parte I se nesta Parte II. E porquê? Porque Luís Faustino faz umas tiras, protagonizadas por uma gata, que não são desenhadas, mas fotografadas, por isso não quis classificar o "Pantufa Negra" como sendo um sítio de BD. Embora, o cartunista-fotógrafo introduza, esporadicamente, desenhos propriamente ditos nas tiras (exemplos disso são o "Hiperpótamo", uma espécie de hipopótamo super-herói quase antropomórfico, um bode falante, que esteve quase a ser expiatório, ou a vaca magra), sempre com piadas e críticas de carácter social e/ou político "que até uma gata preta percebe", como se pode ler no subtítulo.
E o bloguista-fotógrafo afixa todos os dias uma tira - coisa espantosa na blogosfera, só com rival no Luís Afonso, que faz isso em jornais, (Público e A Bola).
Quem quiser conhecer Luís Faustino e a gata que lhe serve de modelo, só tem de ir ao blogue "Queridos Gatos" (http://queridos-gatos.blogspot.com/) e procurar o "post" de 22 Set.08.

Pela bitola do Almíscaro
http://almiscaro.wordpress.com/
Serrano já tinha um blogue com o nome da sua personagem, o Almíscaro, e volta a apresentar aqui os mesmos episódios, mas acrescenta-lhes duas pranchas da diferente bedê, "Uma Vida Normal". Tudo envolto em textos diversificados, onde cabe comentário acerca dos Deolinda, e também uma série de rabiscos, justamente sob esse título.

Portefólio Ana C. Nunes
http://kitsune.planetaclix.pt/ (Local?)
Banda Desenhada, Retrato e Ilustração
(EM CONSTRUÇÃO)

Portugal através do Mundo
http://portugal-mundo.blogspot.com/
Aspectos ou actividades (artísticas, literárias ou outras) que tenham a ver com Portugal, observadas noutras partes do mundo, ou através de obras realizadas por artistas estrangeiros, é o objectivo deste específico blogue, dirigido pelo bloguista Óscar.
É muitíssimo abrangente, o que se percebe de imediato pela leitura da coluna das etiquetas, onde se incluem Arte/Arquitectura, Banda Sonora, BD (lá está, é só clicar, e lá temos a chamada Nona), Cinema, Coleccionismo, Fado, Fernando Pessoa, Gastronomia... Menciono apenas algumas, pequena amostra do que há para ver/ler neste blogue.
E, claro, como já se viu, lá está a BD (e por isso cá está o blogue incluído nesta listagem mista), mas apenas contemplando, como é óbvio, as bandas desenhadas que tocam em aspectos de Portugal, como, por exemplo, "O Segredo de Coimbra", de Étienne Schréder, "O Enigma da Atlântida" (onde Blake e Mortimer localizam nos Açores a civilização perdida da Atlântida), "Lavadeiras da Lusitânia", em "Astérix, o Legionário", e, recentemente, "Hellboy luta contra o mal em Tavira", sendo vários dos "posts" excertos retirados de outros blogues, como é o caso deste último, extraído de "As Leituras do Pedro", do crítico e bloguista F. Cleto e Pina (aliás, Pedro Cleto).

Queridos Gatos
http://queridos-gatos.blogspot.com/ (Lisboa)
Este blogue não é de BD, é de gatos, mas também gosta de banda desenhada. Percebe-se perfeitamente essa querida inclinação porque, nos links dos sítios favoritos, inclui alguns dedicados a gatos célebres enquanto personagens mais ou menos antropomórficas da banda desenhada, como é o caso de Blacksad, Felix the Cat, Fritz the Cat, Garfield, Krazy Kat, entre outros.
Além disso, a sua bloguista, Inês Ramos, também escreve, esporadicamente, sobre autores e/ou obras de BD, como, por exemplo, "Le chat du Rabbin" de Joan Sfar, ou até reproduz "posts" deste meu blogue, que saca da rubrica "Gatos na banda desenhada portuguesa", e afixa na categoria "Banda Desenhada".

RDB. Ruadebaixo.com
http://www.ruadebaixo.com/
(EM CONSTRUÇÃO)

Roberto Macedo Alves
http://roberto.setimadimensao.com/ (Funchal/Madeira)
Muitas fotografias do próprio e da família, em especial do filho Martim, notícias acerca do evento "On Fusion Art by Porto Bay" - Pintura, Escultura, Retrato, Banda Desenhada, Artes Circenses, Música, Artesanato, Fotografia, Dança, design, Multimédia - tudo isto na Zona Velha da cidade do Funchal (na Madeira, claro), entre 12 e 14 de Setembro 2008.
Mas também citações literárias - por exemplo, de Rainer Maria Rilke, gente culta é assim - e, claro, BD (imagens de antigos revistas de comic, notícias e foto da iniciativa "24 Horas de BD", ou não fosse Roberto Macedo Alves o dono da Livraria Sétima Dimensão (referenciada na Parte I desta listagem sob o título "Notícias da Sétima Dimensão"), ele próprio autor de banda desenhada, como se comprova pela sugestiva prancha com que participou num Cadavre Exquis, do qual, com muita pena minha, não dá mais pormenores.

Sacchetti - Pintura Fotografia e Maquetes
http://a-sacchetti.blogspot.com/ (endereço?)
Sim, principalmente, vêem-se pinturas, fotografias (modelos femininos e masculinos), maquetes, capas de CD. Mas também se vêem bastantes pranchas de BD, isto porque António Sacchetti teve um álbum publicado em 1997. Mas era a preto e branco. Agora - há já algum tempo, claro - o desenhador-pintor-fotógrafo decidiu apoiar-se nas suas diversas valências e fazer uma nova versão da obra, desta vez usando cores e fotografias, mas mantendo o título, "Viagem à Costa da Mina no ano de 1480", onde conta visual e sequencialmente a viagem de Eustache de La Fosse. Já estão prontas trinta e sete pranchas, visionáveis com um simples clic no item "Banda desenhada Viagem à Costa da Mina".

Toma Lá Bonecos
http://tomalabonecos.blogspot.com/ (Barreiro)
O subtítulo é simultaneamente clarificador do tema e informador do nome de quem o faz : "Blog de Banda Desenhada e Ilustração de Pedro Brito". Fica assim apresentado o bloguista e as duas facetas que caracterizam o seu trabalho, de há já longos anos, isto não falando também do Cinema de Animação, a mais recente especialidade artística onde está envolvido, com a qual completa, tripartidamente, o seu talento-base, o do desenho.
(BLOG EM CONSTRUÇÃO)

30 de Fevereiro
http://trintadefevereiro.no.sapo.pt/ (Maia)
O que salta aos olhos de qualquer visitante, à entrada deste site, nada tem a ver com BD. Mas, ao observar com atenção todos os pormenores, em especial a estreita barra preta sob o título, verá várias rubricas, entre as quais a "Galeria". Ao clicar nela, surgir-lhe-ão umas tantas tiras sequenciais (que costumo classificar de bd/cartune: bd pela sequencialidade das imagens, cartune pelo tipo de humor, que daqui a um ano já não faz sentido), umas a p/b, outras a cores, dedicadas a várias personagens, que se chamam "Gajo Borbulha", "D. Bibas o bobo do Corte", "O Zé, a Maria Lusa e o Político" - estas as primeiras a aparecer, em Fev. 2005 - entre outras, todas sob a simples assinatura de "Teixeira" (Mário José Teixeira), pintor, autor de BD, cartunista, fanzinista, alguém ecléctico que ataca em muitas frentes, ao ponto de colaborar neste sitio dum amigo, provavelmente para preencher um tempinho livre...

Vírus
http://virus-leiria.blogspot.com/
O título tem conotações assustadoras, mas nada de pânico, trata-se de "bicho" amigável e activo no bom sentido, aliás o blogue esclarece melhor a sua finalidade com o seguinte subtítulo: "Mostra de bd, ilustração e animação", e de facto ele nasceu dedicado à primeira edição, em 2007, deste evento multidisciplinar, de que mostra imagens.
Entretanto continuou a existência com a divulgação da actividade interna de mais um concurso dedicado a várias actividades artísticas e literárias, incluindo obviamente a BD, nas suas duas componentes - a figuração narrativa propriamente dita e pelo argumento -, mas também falando de eventos externos, caso do "post" que anunciou o 19º FIBDA - Festival Internacional de Banda Desenhada da Amadora.
Os textos não aparecem assinados, mas os mais "virulentos" activistas desta onda da animação cultural leiriense têm os nomes de Tânia Afonso e Nuno Granja. Um deles, ou os dois, estarão envolvidos em mais este sintoma da virose...

Wootdoodles.Blogspot.com
http://wootdoodles.blogspot.com/ (Lisboa)
A dona de um tão curioso blogue, cujo título é igual ao endereço, apresenta-se como Ana, eu conheço-a como mangaka, autora de imagens de elevada perfeição gráfica, incluindo a chamada "Fanart". Mas de BD, de Mangá mais propriamente dito, só lá estão visíveis três pranchas, "pages from jawbreaker's mini comic", em 4 Jul 07. Não posso perdoar à Ana Freitas que não mostre algumas das 39 pranchas de uma mangá a cores, feita sob argumento de Nuno Duarte, publicada na revista Kult (suplemento do jornal Público) entre 2005 e 2006.

»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»»
PARTE III - Arquivo Histórico

(Blogues e sítios entretanto desactivados da Parte I e II. Esta 3ª parte serve de Arquivo Histórico, ou seja, como acervo do que existiu e entretanto desapareceu, e para mostrar a estranha instabilidade dos espaços criados na internet.
Mantenho os comentários que neles escrevi, para dar uma ideia dos respectivos conteúdos)

Aeternu
http://aeternu.com/ (Porto)
Manuel Morgado a desenhar, Hugo Jesus a escrever o argumento, andam a construir uma obra de índole histórica. Há quatro pranchas neste sítio, e outras naquele homónimo do desenhador. Quem não conhecer os autores, aqui tem retratos de ambos.
(Já não se pode ver nada. Está desactivado sine die).

Ardosia
http://aardosia.blogspot.com/
Esta ardósia, com falta de acento no "o" do título e com a letra "a" repetida no endereço, inciou-se em Junho 2007, com ilustrações, o que voltou a acontecer nos princípios de 2009, uma delas intitulada "Lápis azul", acompanhada de irónico comentário com evidente sentido político.
Mas, entretanto, o dono da "ardosia" realizou uma extensa banda desenhada (24 pranchas, umas a preto e branco e verde, outras a preto, branco e azul), num grafismo moderno, em adaptação da famosa obra "O Coração Revelador", de Edgar Allan Poe.
O (bom) trabalho de BD conclui-se com a respectiva capa, o título a verde sobre fundo azul, em coerência cromática com as ilustrações. E ainda uma assertiva legenda: "Todas as histórias têm um título, um autor, uma capa, por isso aqui está ela, com o meu nome e tudo."
Assim se fica a saber que o bloguista/ilustrador/banda-desenhista se chama Duarte Pedro. Foi p'ena não ter posto na capa também o nome do sr. Edgar Poe em co-autoria, como merecida homenagem.
(Em 12 de Julho 2010, na habitual visita que de tempos a tempos faço a esta listagem, deparou-se-me o aviso: "o blogue que está a procurar não foi encontrado)

BD Nostalgia. Comics Database Portugal
http://br.geocities.com/bdnostagia (Bombarral)
(Pode parecer caricato, mas quem escrever correctamente "nostalgia" no endereço, não consegue entrar)
A primeira vez que contactei com o responsável do sítio (a fim de dar uma achega para ajudar a completar a obra de um autor) e conheci pormenores do projecto, mostrei a minha admiração pela sua amplitude, autênticamente homérica. Deu-me vontade de corresponder ao convite de ajudar na tarefa. Mas os meus próprios projectos ocupavam-me (continuam a ocupar) suficientemente. E afinal, a obra, mal-grado as inevitáveis lacunas em obra desta dimensão, vai avançando. O Vítor Silva é persistente.
(Este "site" deixou de estar disponível)

Ice Cream
http://icecreampinups.blogspot.com/ (Lisboa)
Tetris, pseudónimo pelo qual se apresenta a bloguista, tem talento bivalente, que se espalha essencialmente por duas artes afins: Ilustração e Banda Desenhada.
A bd "O Ataque do Planeta Vénus" dá bem a ideia da capacidade acima da média possuída pela grafista, não só a desenhar, como também a colorir.
No registo preto e branco, a bd "Sinusite" em quatro pranchas, mais as duas tiras humorísticas, onde também mostra talento na arte do retrato (o actor Pedro Ribeiro está perfeitamente reconhecível), confirma-a como valor emergente da BD portuguesa.
Todavia, é no desenho da figura feminina, que Tetris (Inês Casais) demonstra singular virtuosismo.
(Blogue temporariamente indisponível a partir do início de Abril 09)

Sítio dos Fanzines
http://geocities.yahoo.com.br/fanzinelandia (Lisboa)
Sítio meu (com a cumplicidade técnica do Álvaro), e que já existe desde Abril de 2001. Terá sido, porventura, o primeiro espaço na internet a tratar de fanzines portugueses de banda desenhada.
Contudo, à minha revelia - mas por culpa pessoal que assumo, visto que há muito não o actualizava - dei conta, em Agosto de 2009, de o site ter sido desactivado, sem aviso prévio, e, obviamente, com grande pena minha. Podiam ter avisado, ao menos, ou até ameaçado...
Só soube do corte, de repente, ao ler o aviso:
"Desculpe, o site do GeoCities que você está tentando acessar não está mais disponível".
Caros GeoCities, isso não se faz.
Geraldes Lino

------------------------------------------------------------------------------------

Nota aos interessados em possuir a presente listagem publicada em papel:
No nº 24 (Out. 2008) do BDJornal começou a ser reproduzido este trabalho. Numa primeira "tranche", ficou impresso de Aeternu a Diogo RC Carvalho.
Haverá, portanto, a continuação no próximo número do BDJ.

Geraldes Lino
Lisboa, entre Março de 2008 e Julho de 2010

53 comentários:

Gustavo Carreira (requiem) disse...

Deixo-lhe, com um pouco de vergonha por ser o 1º a abrir as hostilidades, o link do meu próprio blog, mas, mais importante, também os links de pessoal que escreve muito regularmente sobre BD.
Cumprimentos

http://bdgustavocarreira.blogspot.com/
http://areanegativa.blogspot.com/
http://bongop-leituras-bd.blogspot.com/
http://nona-arte.blogspot.com/

José Carlos Francisco disse...

Amigo Geraldes Lino, muito obrigado pela menção ao blogue português do Tex, mas peço que corrija o endereço, já que o correcto é:
http://texwiller.blog.com/

Anónimo disse...

muito util, a tua lista de blogs, Lino

sim senhor

relvas

cfc disse...

http://bonecorebelde.no.sapo.pt

não sei se poderá caber nesta lista

Geraldes Lino disse...

Viva Gustavo Carreira
Logo a seguir a termo-nos conhecido pessoalmente na 1ª Vírus-Mostra de BD, em Leiria, calha que você tenha motivo para deixar comentário aqui no blogue, coisa que não acontecia há muito tempo.
Já acrescentei os endereços que indica, como pode verificar.
Saudações bedéfilas.

Geraldes Lino disse...

Viva Tex, perdão, José Carlos Francisco.
Por acaso eu tenho visitado o blogue do seu querido Tex, visto que você tem a amabilidade de me enviar por email notícias de novos "posts" dedicados à personagem, às publicações e aos fãs. Mas quando quis escrever o endereço, logo fui agarrar num endereço que tinha escrito defeituosamente.
Abraço e saudações bedéfilas.

Geraldes Lino disse...

Viva Relvas
Reconheço que não me tinha ocorrido mencionar o teu blogue, falha imperdoável. O teu diplomático comentário, assaz subtil, serviu de alerta.
Abraço para ti, beijo para a Nina.

Geraldes Lino disse...

Caro desconhecido CFC
Já adicionei o endereço que me indicou à lista dos blogues e sítios internéticos relacionados com a banda desenhada.
Sou admirador incondicional do "herói" Boneco Rebelde, do Sérgio Luiz, do Güy Manuel, e sou amigo da Arquitecta Lia Fernandes, irmã dos dois talentosos mas malogrados artistas, falecidos tão novos.
Fico com muita curiosidade em saber quem se esconde (porquê?) sob a simples sigla cfc (conheço o Carlos Fernando Cunha, da Juvemédia, mas não o estou a ver a entusiasmar-se por esta obra-prima da BD portuguesa, quase desconhecida.
Espero que um dia desses, num dos muitos eventos bedéfilos que por aí se realizam, alguém chegue ao pé de mim e me diga: eu sou o(a) cfc.
Abraço e saudações bedéfilas.

Gustavo Carreira (requiem) disse...

Caro Lino,
volte a dar uma vista de olhos no meu blog que encontrará 3 bd´s completas (apenas 10 pranchas), por entre as promoções ao "Artefacto" e os meus devaneios.
Agradecidos cumprimentos

Pedro Manacas disse...

Caro Lino,

Eu sinto-me ostracizado...
O meu querido amigo Manegas sente-se incompreendido, chora no meu ombro.

manegasbigshow.blogspot.com
manegas.deviantart.com

Um abraço

Kzine Blog disse...

Bem deixo também aqui a minha contribuição com os links do nosso fanzine http://www.kzinecentral.net no qual consta o nosso blog http://kzine.blogspot.com.

Ana Saúde ( em nome da eqipa Kzine)

HugoTeixeira disse...

Viva Lino! Mais uma vez, não percebi aquela parte do comentário do blogue do Gustavo Carreira, "Um argumento,/guião para BD e uma bd da autoria de um autor apresentado simplesmente por Teixeira..."

Eu estou a fazer parte de um dos projectos dessa malta, ou pelo menos estou a tentar no meio de tanta coisa ao mesmo tempo.

Tenho dois blogues também, embora não os use muito, e "carago"! Já falamos sobre isto...

http://htx-art.blogspot.com/
http://htx-manga.blogspot.com/

Mas isso não é muito relevante, a maior parte do meu trabalho está listado em http://htx.deviantart.com

Abraço ao grande Lino

htx

Jorge Machado-Dias disse...

Caríssimo Lino, já que estás a levar esta listagem muito "à séria", o que acho louvável - aliás estou a pensar inclui-la no BDjornal #23, com a tua permissão e correspondente referência ao blogue, como se tem feito sempre que reproduzo no BDj material de blogues - deixa-me dizer que falta ali o único blogue dedicado à BD porno-erótica: http://bdvoyeur.weblog.com.pt.
Não tem tido grandes actualizações, é certo, mas vai ter em breve "posts" semanais.

HomemVerde disse...

Boas. Não gosto muito deste papel de me publicitar, pois sou logo suspeito, mas aqui fica o endereço do Mocifão: http://mocifao.blogspot.com/
Se me quiser dar um nome, respeite o peseudónimo OutroNuno. Muito Grato!!

Paulo disse...

Viva Lino!

Realmente uma ideia tão boa, como a de reunir os sites relacionados com a BD em Portugal, teria mesmo de vir de alguém que tem tido esse contínuo papel no seio da BD portuguesa! Estás de parabéns pela excelente iniciativa, que permitiu-me mesmo ficar a conhecer muito do que de bom é feito e do qual não tinha conhecimento!

Aproveito também para deixar aqui um outro projecto meu, online, o qual é actualizado com uma relativa frequência, que é o do meu blog pessoal:

http://omundodoestranho.blogspot.com/

Em relação à gaffe de benvindas no site OMDE, já se encontra resolvida pela minha sempre eficiente e talentosa webmaster, Ana Saúde, pelo que agora todos serão muito Bem Vindos a conhecer o site desse meu personagem!

Um Grande Abraço e até Sábado próximo!

Pedro Manacas disse...

Lino, meu amigo...

Tal como já lhe referi, o nome do meu filho é Martim, não Pedro, tal como escreveu neste post. O Pedro sou eu... No entanto, o meu obrigado pela lembradura.

Abraço

Geraldes Lino disse...

Viva Homem Verde, ou "outro Nuno". Você sabe que eu conheço o seu blogue, e aprecio o seu estilo (até já o convidei para colaborar no MU. Eu tinha esse endereço para incluir (aliás, penso que até cheguei a escrver o Mocifão e também o Homem Verde), mas aconteceu algures uma falha qq, ou no meu cérebro, ou no blogger. Este último caso, por estranho que pareça, acontece com alguma frequência: por vezes faço uma alteração, vejo-a reflectida no texto, mas após sair do "post" já me tem acontecido reparar que a alteração desapareceu (vou a seguir responder a mais uma reclamação, do Pedro Manaças, e desse tenho a certeza que fiz a alteração, e ela não se fixou).
Abraço e saudações bedéfilas.

Geraldes Lino disse...

Viva Manaças
Eu tinha escrito Pedro para não ficar um espaço em branco, na ideia de corrigir. Depois de você me ter dito o nome do seu filho (até perguntei: Martim com M de Martim? E teria tido mais piada se tivesse perguntado: com M de Moniz?). E depois fui alterar no "post", e alterei, e acrescentei um comentário à nossa participação no DN Jovem, você como concorrente, eu como membro do júri.
Hoje, ao ler o seu comentário, fui ver e não estava lá nada. Não é a primeira vez que isto acontece. Claro que já voltei a escrever, mais ou menos a mesma coisa, e agora ficou mesmo. Espero que volte a ver.
Abraço e saudações bedéfilas.

Pedro Manacas disse...

Que vergonha, ainda se põe a escrever estas coisas do DN jovem pra todos verem e eu passar vergonha... Também não precisa exagerar, de quando em vez lá me oferecia o 2º prémio, quando haviam livros de oferta para despachar... Bem, são águas passadas.

Agora está tudo correcto quanto aos nomes e já percebi o imbróglio...

Já viu? como um simples post dá tanto para comentar? E desde logo percebe-se que andamos por aí à espreita esperando por algo que nos toque.

Abraço

Pedro Morais disse...

Apesar de ser mais dedicado ao desenho o SEM DATA MARCADA também vai mostrando alguma bd.

Jorge Macieira disse...

Caro Geraldes,

Também algo constrangido por ser em causa própria venho dar registo da existência do "Tintin News" em http://my.opera.com/macieira_law/blog/, um repositório das noticias que um pouco por todo o mundo vão saindo sobre Tintin (nas poucas linguas que conheço, claro).

A ideia da lista de links é muito útil. Obrigado.

Jorge Macieira disse...

Não é blog mas site de personagem, o que é mais raro, até por ser português e motociclista:
http://www.tomvitoin.com/

Boas curvas,(em segurança),

Filipe Alves disse...

Caro Lino, fica aqui o link do meu portfólio online para considerares acrescentar à tua lista:
http://www.filipealves.pt.vu

Obrigado.

FA

Miguel Carneiro disse...

A MULA: www.osgajosdamula.blogspot.com

Miguel Carneiro & Marco Mendes

JLDuarte disse...

Olá Geraldes Lino,

Como te disse, em primeira mão, há muito tempo, há um sítio com mais qualquer coisa que o curriculum do autor, José Luís DUARTE.

http://www.mobilsapiens.com

Um abraço...

Geraldes Lino disse...

Caríssimo Machado-Dias
Como provavelmente já te apercebeste, o "post" está a tomar diferentes características, isto porque tive a noção de que não faria sentido comentar uma meia dúzia de blogues e/ou sítios e não o fazer noutros. Para além disso, estou a receber btt "feedback", eu próprio tenho andado a remexer em notas tomadas nestes três anos de bloguista, e o texto vai ficar muito mais longo do que inicialmente pensava. Mas, claro, tu verás se podes publicá-lo, depois de estar completo. Como habitualmente, estás desde já autorizado a reproduzi-lo no teu BD Jornal, como já tens feito com outros textos deste blogue.
Abraço e saudações bedéfilas.

rodrigo disse...

Bom, aqui deixo os meus:

Rodrigocartoon - www.rodrigocartoon.com
Humoral da História - www.expresso.pt/gen.pl?sid=ex.sections/23465

Geraldes Lino disse...

Rodrigo
Gosto do seu estilo e do seu humor, mas o seu blogue é só de "cartoons". E como o Rodrigo sabe tão bem ou melhor do que eu, cartune é uma coisa, banda desenhada outra. Ora acontece que a temática por mim divulgada, desde há muitos anos, é a BD. Nãó por acaso, o título deste blogue é "Divulgando Banda Desenhada". E a listagem que estou a elaborar dedica-se apenas à banda desenhada, como é óbvio. O grande divulgador do cartune é o meu amigo Osvaldo Macedo de Sousa, que também tem um blogue, o Humorgrafe, no endereço http://humorgrafe.blogspot.com
Acho qye tem todo o interesse contactá-lo, visto que ele divulga os trabalhos dos cartunistas (se não se escreve "footebolistas", porque se escreve "cartoonistas"?)através de exposições. Abraço.

mitchmanu disse...

Só um áparte: o Viriato e Barcelos mudou-se, já há 2 meses, para novo endereço. www.viriatoebarcelos.com é o novo endereço.

Divirtam-se!

Geraldes Lino disse...

Mitchmanu, obrigado pela informação. O endereço que tinha obtido (já não sei como) era aquele, e de facto havia deficiências, as imagens ficavam cortadas lateralmente. Foi muito positiva a mudança. Com melhor visibilidade, a qualidade melhorou.

CiEL disse...

Caro Geraldes Lino,

Gostava tão somente de divulgar o site de tiras quase quase diárias Tira Tira em http://tira-tira.net que arrancou no final de Março 08.
É um site que eu acho muito bonito e cheio de profundidade intelectual. Não, a sério, é muito muito bom.
Há que puxar a brasa à sardinha de cada um porque a sardinha é um peixe que não funciona muito bem em sushi. Não que não se faça, mas é um bocado asqueroso. Mas divago.

Sem mais, cumprimentos

CiEL

Ismael Fancito. disse...

Grande trabalho! Acrescentarei a meu blogs todos os que possa, obrigado.

mitchmanu disse...

Obrigado pelo comentário ao nosso site, Geraldes Lino.

Em resposta à sua questão posso-lhe dizer que as ideias são dos dois, embora a maioria seja do Mendes. Muitas vezes são até amigos que sugerem situações para serem desenhadas. Depois eu passo para guião e faço os desenhos, essa é a minha parte exclusiva.

Mas trabalhamos em duo, é mais fácil e já nos entendemos bem.

Quanto ao site em si, estamos sempre a tentar melhorá-lo, torná-lo mais agradável ao visitante. A prova é o aumento do número de visitas que não está dissociado de tentarmos sempre por 2/3 tiras online todas as semanas.

Esperemos continuar a ver as visitas a aumentar!

Hugo Jesus disse...

"Central Comics - http://www.centralcomics.com/ - Enorme e activo portal (só é pena que não se tenha acesso livre ao seu todo, nunca vi este tipo de limitação em nenhum outro, nacional ou estrangeiro). Os troféus homónimos são prestigiados e prestigiantes."

O portal é gratuito e basta inscreverem-se com nome de utlizador e palavra-passe, é simples e não custa nada! (é para evitar o spam)

Entretanto deixo o link do meu blogue: www.laboratorio-do-eden.blogspot.com.

abraço,
HJ

Paulo Sequeira disse...

Uma nova banda-desenhada portuguesa, "Cães danadinhos": http://danados-bd.blogspot.com/

Miguel Moreira disse...

olá.
Sobre a BD e o blogue "As Aventuras de Fernando Pessoa, Escritor Universal...":
- para ser mais exacto, é da autoria de Miguel Moreira (argumento e desenhos) e a cor é feita pela Catarina Verdier.
- A ideia da BD não germinou em Abril de 2004, mas antes em final de 1999 começando a ser realizada no início de 2002.
- O início do blogue data de outubro de 2007.

Geraldes Lino disse...

Caro desconhecido Miguel Moreira
Os elementos que escrevi no comentário ao seu blogue "As Aventuras de Fernando Pessoa (..) extraí-os duma leitura (rápida)dos textos lá incluídos.
Conto reproduzir algumas das imagens da banda desenhada (que sei agora serem de sua total autoria, argumento e desenho, com colorido de Catarina Verdier, que eu pensei que fosse a argumentista, visto aparecerem os dois nomes enquanto autores) na homenagem que estou a desenvolver no meu blogue, caso não veja inconveniente.

Miguel Moreira disse...

Caro Geraldes Lino,
é claro que não vejo inconveniente nisso.
Fico na expectativa de ver qual das meias-páginas irá escolher.

Geraldes Lino disse...

Caro Miguel Moreira
No que se refere a bandas desenhadas centradas em Fernando Pessoa, ainda tenho mais duas editadas em revistas. E já que comecei por mexer em BD impressa, dar-lhes-ei prioridade. Mas, agradecendo desde já a autorização que me deu, conto depois reproduzir umas pranchas suas, das que tem desenhado expressamente para o blogue, o que, decerto muito espantaria o nosso grande poeta se soubesse que essas imagens virtuais vão passar de um blogue para outro(se fosse vivo, acho que ele tb seria bloguista...)

hauke disse...

olá !

em primeiro lugar quero agradeçer pelo comentário acerca do meu blog !!
foi falta minha de não me ter apresentado ...
sou de hamburgo mas vivo em portugal a 15 anos.de momento trabalho um pouco como ilustrador (livros escolares-cursos de lingua) e tambem estou a fazer desenhos no castelo de são jorge em lisboa. pode ver neste site um pouco deste trabalho. http://hauke.vagtmedia.de
as histórias no blogue foram todos inicialmente escritos em portugues mas traduzi alguns (mal) em inglés.
vou actualizar as histórias logo que posso!

cumprimentos ,
hauke

Geraldes Lino disse...

Viva Hauke
Agradeço ter-me dado essa informação. Espero que continue a trabalhar na BD no seu blogue.
Abraço e saudações bedéfilas.

Daniel Pereira dos Santos disse...

Caraca, meu!

Rui Ramos disse...

Caro Geraldes!

Após nos termos conhecido na Tertúlia em Beja em 2007, lhe ter enviado vários mails com o desenvolvimento do projecto de BD Murmúrios das Profundezas, depois de o ter reencontrado no Vírus em Leiria e de me ter felicitado pelo nosso trabalho em Beja 2008 e ter lamentado não ter podido assistir à nossa apresentação, é com grande tristeza que vejo que nos esqueceu completamente.

Nem sequer o jornal promocional que lhe dei com a morada do nosso blog lhe serviu de alguma coisa.

Fomos esquecidos completamente.

http://murmuriosdasprofundezas.blogspot.com/

E já que aqui estou informo-lhe que a equipa dos Murmúrios das Profundezas está a trabalhar num novo projecto de BD:

http://voyagerbd.blogspot.com/

Fiquei extremamente desapontado.

Rui Ramos

Geraldes Lino disse...

Rui Ramos
tem toda a razão nas suas palavras de censura. Poderia tentar explicar-lhe que, para além de estar a divulgar muita coisa de que tenho conhecimento, também eu próprio estou envolvido em realizações próprias, que me absorvem muito o espírito.
E reconheço que não tenho acompanhado com muita atenção o vosso projecto. Nem me apercebi de que ia ser apresentado na Casa da Animação o vosso álbum. Só agora tive a noção desse lançamento, e vou já tentar encomendá-lo.
Mas repare numa coisa: o meu blogue não tem como finalidade acompanhar lançamentos de novos álbuns, apenas menciono aqueles que são considerados "imprevisíveis e difíceis de obter", o que não é o vosso caso.
Para divulgar projectos há o portal central Comics, o blogue Kuentro, e mais uns tantos. Não vamos estar todos a dizer o mesmo. Esta é a minha opção.
Do que eu lhe peço desculpa é pelo facto de ainda não ter incluído o vosso blogue na minha listagem, o que acabo de fazer agora.

Comendador de Arkham disse...

Esclarecido e obrigado.

Abraço,

Rui Ramos

Geraldes Lino disse...

Caro Miguel Moreira
Chegou hoje o dia em que programei acrescentar mais um "post"`ao trabalho que tenho vindo a fazer acerca de Fernando Pessoa como fulcro de umas tantas bandas desenhadas que localizei (e outras, duas, que eu estreei no meu blogue) a ele dedicadas.
E, tal como tb tinha programado, foi agora a vez da banda desenhada de sua autoria (com o apoio na colorização de Catarina Verdier), para o que usei seis meias pranchas que desloquei (com a devida vénia) do seu blogue para o meu.
Muito grato por me ter antecipadamente concedido permissão para a reprodução de excertos da sua obra.
Saudações bedéfilas.

Eduardo Monteiro disse...

Dessa lista conheço poucos...

posso acrescentar o meu,não é sobre BD mas é sobre arte,minha arte espero o adiciones :)

http://eduardomonteirodesign.blogspot.com/

Abraço

Geraldes Lino disse...

Caro Daniel Pereira dos Santos
O português vernáculo de Portugal e o do Brasil têm poucas diferenças. Mas quando se chega ao chamado "calão" ou gíria, ou regionalismos, ou populismos, são vocábulos que estão sempre a nascer e a mudar, por isso acontece haver nessa área muitas diferenças. Daí que não entendi o que quis dizer com "caraca, meu", suponho que fosse a dizer-me algo desagradável por eu não ter falado logo do seu blogue (nós dizemos "caraças, pá" ou também, os jovens, "caraças, meu", e quer dizer que estamos chateados.
Em todo o caso, muito tempo depois de você ter posto esse comentário, venho dizer-lhe que já mencionei o seu blogue numa nova listagem que estou a elaborar, desta vez acerca de "Blogues, sítios e portais estrangeiros de Banda Desenhada - De A a Z".
Diga depois alguma coisa.

TETRIS disse...

Daqui fala a Inês (TETRIS) para completar as informações que o Geraldes Lino pediu sobre mim e o meu blogue: sou de Lisboa, fiz o curso de ilustração de BD no AR.CO, gosto muito de pintura e arte urbana, as minhas principais influências são Daniel Clowes(Ghost World) e Charles Burns
(Black Hole). Mais uma vez obrigada pelo seu apoio :)

raz disse...

Não podia de deixar um comentário com um abraço e um obrigado por ter referênciado os meus locais de postagem pessoais.

Apesar de não mostrar Bd a verdade é o faço e estou a fazer, apesar de não mostrar com frequencia.

Acabei de fazer ilustrações para a Zona Negra e Ilustrarte 2009 e continuo no meu caminho, uma vez lento... uma vez mais rapido...

Estou tb a compor uma pequena BD pessoal...qua ainda quero mostrar



Fica aqui a minha galeria (actualizada)com pranchas tb...

http://www.comicspace.com/raz/comics.php?action=gallery&comic_id=25306

Manuel disse...

Diz aqui que o site www.bdportugal.info
tem um carácter claramente mercantilista. Na verdade foi criado para fins informativos. Dois anos depois da sua criação começou a vender os catálogos com as capas das revistas. Depois, devido a inúmeros pedidos, começou a comercializar BD. Actualmente o site já se fragmentou em 2 sites - o site informativo e o site comercial em www.bdportugal.com Ainda existem links entre os dois sites mas eles estão cada vez mais separados. Veremos até quando estes sites vão sobreviver. Não há bem que sempre dure nem mal que não se acabe (riscar o que não interessa!)

Blogger disse...

Obrigado pela referência ao "Portugal através do mundo"

Aproveito para corrigir que o último post ("Hellboy") foi baseado nas seguintes "Fontes": Observatório do Algarve / F. Cleto e Pina / Limited edition

José Silva disse...

Caro Geraldes Lino, deixo-lhe, com humildade, os meus sítios na internet:

www.biblobd.blogspot.com (A Minha Biblioteca de BD)
www.tintinemportugal.blogspot.com (As novidades tintinofilas em Portugal)
www.tintinofilo.weebly.com (Tudo o que existe sobre a obra de Hergé em Portugal)
www.bedetecaportugal.weebly.com (ensaio de bibliografia de BD publicada em Portugal)

Um abraço
José Vitor Silva