domingo, março 03, 2013

Tertúlia BD de Lisboa - Ano XXVII - 345º Encontro




Vai ser homenageado pela Tertúlia BD de Lisboa, na sua edição nº 345, de 5 de Março, um homem que tem tido uma actividade multifacetada na BD, e que se chama: Jorge Machado-Dias.

Começou por escrever argumentos para serem transformadas em banda desenhada por Victor Borges, mais tarde começou ele mesmo a realizá-las sozinho, executando "a solo" as duas componentes principais da BD,  argumento e desenhos. A certa altura editou fanzines, depois criou uma editora e passou a editar revistas de estudos e crítica de BD, e actualmente tem uma livraria online. Mas o que ele quer mesmo é voltar a ser autor completo de BD, e em breve o fará.

Mas nada melhor do que ser ele próprio a a fazer a sua biografia. Ei-la:




 
Nota: Na realidade, estas duas páginas (1ª e última) fazem parte de um caderno de quatro, que serão distribuídas durante o encontro da tertúlia.
O texto completo, pela correcta ordem, está aqui por baixo.



E, agora eu, bloguer e organizador da Tertúlia BD de Lisboa, sublinho que as últimas linhas da autobiografia de Machado-Dias representam uma autêntica confissão pública: 

A razão porque digo acima que o BDjornal nº 30 pode ser o último (mas não levem isto muito a sério), é porque quase a completar 60anos de vida, quero voltar ao início, à banda desenhada ela própria. Quero voltar a construir histórias e desenhos.
Jorge Machado-Dias
...................................................................
As imagens que ilustram a presente  postagem representam partes de bandas desenhadas de Machado-Dias (de cima para baixo, conforme as indicações do próprio autor):

1 - Única prancha de Valeria Messalina
2 - Página de "O Regresso de Valentina - Um tributo a Guido Crepax", fanzine Eros nº 10, edição de Geraldes Lino, Dezembro de 2007
3 - Página de "Corpo a Corpo", BDVoyeur # 1, Pedranocharco Publicações, Outubro de 2006.
.................................................................
Lista de presenças neste 345º Encontro da TBDL

(Lista elaborada a posteriori e susceptível de ter faltas de nomes; por isso agradeço que quem notar alguma, envie comentário):


1. Afonso"Delrey"
2. Álvaro
3. Ana Vidazinha
4. Bárbara Carvalho
5. Catarina Cruz
6. Filipe Duarte
7. Geraldes Lino
8. Helder Jotta
9. Hugo Teixeira
10. Hugo Tiago
11. Inês Ramos
12. João Leal
13. João Sequeira "JAS"
14. João Vidigal
15. José Abrantes
16. José Pinto Carneiro
17. José Victor
18. Machado-Dias (Homenageado)
19. Margarida Marcos Moura (nascida a 7 Dez. 2012, a mais nova "tertuliana" de sempre, filha da Petra)
20. Miguel Ferreira
21. Moreno
22. Nuno Duarte "Outro Nuno"
23. Pedro Bouça
24. Pedro Cruz
25. Pedro Ribeiro Ferreira
26. Pepedelrey
27. Petra
28. Rechena
29. Rui Domingues
30. Sá-Chaves
31. Sandra Oliveira
32. Susana Marinho       

Os visitantes interessados em ver as anteriores postagens deste tema poderão fazê-lo clicando no item Tertúlia BD de Lisboa, incluído em rodapé 

1 comentário:

Jorge Machado-Dias disse...

Caríssimo Geraldes-Lino, eu não comecei por escrever argumentos para o Victor Borges desenhar (o que só aconteceu em 1992), mas sim a fazer banda desenhada (argumento e desenho), desde pelo menos 1983...