quarta-feira, junho 03, 2009

Comic Jam - 10ª prancha da brincadeira gráfica por a a v v


Para se poder ler a legendagem dos balões, o melhor é clicar em cima da prancha

E para se poder ver as anteriores 9 pranchas basta ir ao fundo do texto e clicar no item "Comic Jam" indicada em rodapé 

O Comic Jam, tendo atingido neste mês de Junho, data do 24º aniversário da Tertúlia BD de Lisboa, a sua 10ª prancha - última das previstas por mim para o editar em fanzine de papel -, apresenta uma característica especial: a de ser preenchido por imagens executadas por desenhadoras.

De cima para baixo, e da esquerda para a direita, a banda desenhada improvisada tem por autoras as seguintes:

1ª vinheta - Inês Ramos
2ª vinheta - Ana Maria Baptista
3ª vinheta - Ana Saúde
4ª vinheta - Bárbara Carvalho
5ª vinheta - Mariana Perry
6ª vinheta - Sónia Carmo

6 comentários:

Alvaro disse...

Ela já chegou aos 24 anos...?
Tá a começar a ficar interessante.
E ainda vive com os paizinhos ou já tem emprego, apartamento e carro?

Paulo Marques disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Paulo Marques disse...

Viva!

Nada como um bom toque feminino para se criar a última das "Comic Jam" desta série (haverão outras séries posteriores?)

Muito boa a Arte e muito bonita essa moça chamada Tertúlia BD de Lisboa, que espero ainda ver trintona, quarentona, cinquentona e por aí adiante ;) gostei muito, especialmente do sinal que está muito sexy!

Abraço!

PauloMarques

Geraldes disse...

Álvarooooo, não sejas tão atiradiço, só mesmo tu. Claro que ela ainda vive com o paizinho, cá o GL.
Olha, já agora, dando uma volta à tua frase, poderias fazer uma bd com essa personagem feminina fictícia que acabas de criar, mentalmente, só falta dar-lhe forma (se o fizeres, não lhe desenhes um nariz grande e não lhe ponhas bigode:-)
Já sabes as regras: 4 pranchas, ou 1 capa + 3 pranchas.
Tens imaginação suficiente para isso... E há muito tempo que não fazes BD para o Tertúlia BDzine.
Depois de começares, quem sabe se não haverá mais gente que embarque nesta ideia que agora me ocorreu.

Alvaro disse...

Lino.
Vais arrepender-te eternamente deste desafio que me lançaste.
Vais, vais...

Dá-me uma semana ou duas...

Geraldes Lino disse...

Álvaro
Depois de ouvir as gargalhadas que ontem soaram no espaço da tertúlia, à conta do episódio que publiquei no Tertúlia BDzine, episódio esse que arquitectaste à conta desta nossa troca de comentários - donde se conclui que até de comentários num blogue pode nascer o argumento para uma bd - dou-te razão mentalmente: vou arrepender-me toda a vida de te ter sugerido aproveitares as ideias que brotaram do nosso diálogo nesta coluna aqui ao lado.
Abraço.
GL