quarta-feira, novembro 04, 2009

Comic Jam - Nº 15


De facto, a primeira vinheta, da autoria de Ricardo Correia, ficou muito pouco visível. Tendo o Ricardo, no momento de tertúlia com ele, em que assumiu publicamente a sua preferência pela arte-finalização, estranha-se que tenha realizado a vinheta menos bem finalizada do conjunto.
Claro que nada custa clicar em cima da prancha, a fim de ver com maior nitidez aquela vinheta e as restantes.
-----------------------------------------------

Segue sem interrupções o Comic Jam, brincadeira gráfica colectiva, no caso presente participada mensalmente por seis autores, fazendo cada um sua vinheta, no decorrer do encontro bedéfilo Tertúlia BD de Lisboa.
Este mês foi no dia 3 de Novembro (primeira 3ª fª do mês, como sempre acontece), e participaram os seguintes autores/artistas:


(Da esquerda para a direita, e de cima para baixo, claro)

1. Ricardo Correia (Convidado Especial da TBDL)
2. Ana Maria Baptista
3. Miguel Gabriel
4. António Valjean
5. Paulo Marques
6. Ana Saúde

O Comic Jam continua no próximo número, sempre com autores diferentes (com raras excepções.
Sendo que cada prancha é constituída por seis vinhetas, e estando já concluídas 5 pranchas nesta 2ª série, deveríamos ter um total de 30 colaboradores. Por acaso houve um deles - Jorge Coelho, ou JCoelho - que repetiu a colaboração (em meses diferentes), pelo que o somatória é, na realidade, de 29 autores. Eis os seus nomes, por ordem alfabética:


1. Álvaro
2. Ana Maria Baptista
3. Ana Saúde
4. André Oliveira
5. André Reis
6. António Valjean
7. Carlos Páscoa
8. Daniel Maia
9. Falcato
10. Fil (Luís Filipe Lopes)
11. Filipe Duarte
12. Heguinil Mendes
13. Hugo Teixeira
14. JCoelho (2 vezes)
15. José Abrantes
16. Luís Henriques
17. Machado-Dias
18. Miguel Carneiro
19. Miguel Gabriel
20. Nélson Martins
21. Nuno Duarte
22. Paulo Marques
23. Pedro Massano
24. Pepedelrey
25. Ricardo Cabrita
26. Ricardo Correia
27. Ricardo Reis
28. Rui Batalha
29. Sónia Carmo
----------------------------------------
Aos interessados em ver as quatro pranchas anteriores, recomenda-se que cliquem na barra em rodapé, onde se lê Comic Jam

11 comentários:

Asphodel disse...

Ehhhhh Geraldes já com piadas sobre a arte-final. ;)

Deixe-me dizer-lhe que foi propositado, queria incutir aquele estado etéreo messiânico de Jesus.

(mas realmente ficou um pouquito pálido)

Grande abraço ;)

Asphodel disse...

E para além de agradecer mais uma vez o facto de ter sido o convidado especial da 303ª TBDL, se me permite dizer-lhe que a discussão em torno da Arte-final que decorreu ontem na Tertúlia vem em seguimento de algo que já tinha sentido na TBDL em que o Ricardo Reis foi o convidado especial: a palavra tertúlia, presente no nome do evento tem cada vez mais sentido. Para além de ser um ponto unificador dos bedéfilos, tem por seu lado, potenciado o confronto de pontos de vista sobre x matérias da BD. Foi com muito agrado que vi a TBDL naquele vigor de ideias.

E da minha parte, como já tinha conversado com o André Oliveira, tentarei que assim se repita mais vezes, e que o debate na TBDL seja o mais proveitoso possível.

Abraço,
Ricardo

Geraldes Lino disse...

Com efeito, Ricardo Correia, de vez em quando cumpre-se a finalidade principal da Tertúlia BD de Lisboa, que é exactamente a de se ficar a conhecer melhor um autor de BD, discutindo ideias com ele (a conversa com alguém, desenvolvida por um grupo de pessoas interessadas no tema, é a isso que se chama "tertúlia"), daí o nome que dei a esta associação informal que, umas vezes com mais êxito, outras com menos, existe com encontros mensais há 24 anos.
Claro que o interesse da conversa depende da capacidade de quem está em foco, que, no caso, era o Ricardo Correia, e que se portou muito bem.
Pela minha parte, também lhe agradeço a sua relevante contribuição para o êxito do momento de tertúlia.
Saudações bedéfilas.
GL

João Figueiredo disse...

Asphodel (ou Ricarco Correia), não sei se te lembras de mim, mas tu voluntariaste-te para fazer uma historia curta comigo, para aquele concurso de BD dos Açores. Entretanto, por razões pessoais não consegui ir à Tertulia este mês. Não sei se ainda estamos a tempo de participar, mas de qualquer das maneiras, gostava de falar contigo e discutir ideias, gosto bastante do teu traço.
O meu contacto é figueiredojprf@gmail.com

Asphodel disse...

Sim, procurei por si na TBDL.

Vou já entrar em contacto consigo, acho que temos tempo para produzir 1 prancha (a data limite é 15 de Novembro).

Abraço

Silvares disse...

Caro Geraldes Lino, este comentário é um falso comentário, serve apenas para lhe dizer que a vencedora do 1º Prémio no escalão B da edição deste ano do Amadora BD foi a Eva Nave Silvares Carvalho, que, como o nome indica, é minha filha.
:-)
Este facto enche-me de orgulho.
Um abraço.

Rui Silvares

Geraldes Lino disse...

Rui Silvares
Deu-me satisfação sentir esse seu sentimento, misto de amor paternal e vaidade (legítima e justificada) pelo facto de a sua filha estar a seguir-lhe as tendências artísticas.
O conhecimento entre o Silvares e eu vem desde os anos 80, lembro-me em especial de o ter entrevistado para a ROLA-Rádio Onda Livre da Amadora, naquele tempo inesquecível e irrepetível das rádios piratas (colaborei também noutra do género, a RPL-Rádio Popular de Lisboa), e você agora fez-me vir à lembrança esse tempo.
Sábado irei mais uma vez ao núcleo central do Festival BD da Amadora, e irei procurar as pranchas da Eva Nave Silvares (de Carvalho).
Abraço e saudações bedéfilas.
GL

Geraldes Lino disse...

Rui Silvares
Vi ontem a bd da sua filha, Eva Nave Silvares. Gostei, não só dos desenhos (ela domina bem a expressividade dos rostos), como também do argumento (imaginado por ela, ou por si?.
Tenciono divulgar neste blogue os nomes dos vencedores do concurso, e gostaria de ilustrar o "post" com imagens das bedês vencedoras. Já pedi à organização, mas eles não têm cópias, pq se limitaram (o q é normal)a emoldurar as pranchas originais.
Será que você me pode enviar fotocópias das pranchas da bd da sua filha?
Abr.
GL

jackolta disse...

não sei se já entrou em contacto com o Sr. Silvares, mas deixo aqui o link do blog dele

http://www100cabecas.blogspot.com/2009/10/estou-nas-nuvens.html

Geraldes Lino disse...

Obrigado, anónimo Jackolta, por me ter dado esse endereço.
Presumo que o meu antigo conhecido Silvares não se terá apercebido da minha resposta ao comentário dele, nem terá lido o meu "post" acerca do concurso de BD do Festival da Amadora em que eu realcei o prémio obtido pela filha.
Saudações bedéfilas.

Geraldes Lino disse...

Anónimo Jackolta (?)
Aquele endereço que indica http://www.100cabecas.blogspot.com/2009/10/estou-nas-nuvens.html não dá nada. Não haverá algo em falta ou que esteja trocado?