segunda-feira, março 27, 2006

Teatro na Banda Desenhada (II) - Hamlet - Romeu e Julieta - A Tempestade - Gianni De Luca (desenho), Shakespeare (dramaturgia)

Capa do álbum publicado pelas Edições Celbrasil -Companhia Brasileira do Livro - Lisboa, datado de Outubro de 1977

Celebra-se hoje o Dia Mundial do Teatro, criado em 1961 pelo Instituto Internacional de Teatro.

E porque a Banda Desenhada tem fortes afinidades com as artes que dependem da imagem e da palavra, há obras em que as suas linguagens artísticas se fundem.

É o que acontece com a obra intitulada Shakespeare - Banda Desenhada - Hamlet. Romeu e Julieta. A Tempestade, uma adaptação realizada pelo notável artista italiano Gianni De Luca.

Reprodução da prancha inicial da banda desenhada que "põe em cena" a peça Hamlet

Reprodução parcial da 1ª prancha (trata-se de prancha dupla, a ocupar duas páginas) da banda desenhada baseada na peça Romeu e Julieta

Repare-se na interessante e nada habitual linguagem gráfica adoptada por Gianni De Luca para criar a ilusão de movimento, desenhando as personagens em imagens consecutivas situadas em plano descendente semi-circular, convenção visual que se observa nesta vinheta pertencente à peça "Romeu e Julieta", e em plano descendente oblíquo, na de baixo.

1ª prancha da banda desenhada baseada na peça A Tempestade
---------------------------------------------------------------------------------
GIANNI DE LUCA

Síntese biográfica

Gianni De Luca (1927-1991)
Artista italiano nascido em Gagliato, na província de Catanzaro, Janeiro de 1927.

Estudou Arquitectura em Roma, mas cedo se dedicou à Banda Desenhada, em trabalho executado para o semanário católico Il Vttorioso.

Entre as primeiras obras, realizadas em 1947- 48 (nos seus verdes anos ainda) que mereçam destaque, conta-se "Il Mago da Vinci", onde foca aspectos da vida de Leonardo da Vinci.

Em 1971 foi galardoado com o prémio Yellow Kid, no Salone Internazionale dei Comics, del Cinema d'Animazione e dell'Illustrazione (Lucca, Itália).

Quem leu a popular revista Cavaleiro Andante (publicada entre 1952 e 1962) lembrar-se-á talvez de algumas bandas desenhadas sob a sua assinatura: "David Pastor da Judeia", "A Esfinge Negra" e "O Império do Sol". 
Nos Álbuns do Cavaleiro Andante e nos Números Especiais do Cavaleiro Andante (publicações complementares) houve ainda outras obras suas, de que se destaca "O Colar Etrusco".

O eclectismo do artista permitiu-lhe tratar, com elevado nível de criatividade, vários temas, entre os quais o policial, como é exemplo "O Caso da Rua 14", publicado no Álbum do Cavaleiro Andante nº 84 (Maio de 1961) e reproduzido de novo no livro "Cavaleiro Andante", da autoria de Leonardo De Sá e António Dia de Deus, sob chancela conjunta de Edições Época de Ouro e Editorial Notícias.
----------------------------------------------------------------
Os visitantes que estiverem interessados em ver o "post" anterior, poderão fazê-lo clicando no item Teatro na Banda Desenhada visível no rodapé 

15 comentários:

Anónimo disse...

De referir que por cá, no Fanzine Sardinha Submarina #1 de 2005, existe também uma versão BD do Hamlet (14 páginas), desenhada por KEN.
Abraços

Geraldes Lino disse...

Caro comentador anónimo (e sem indicação da origem - por cá, onde?).
Fiquei muito interessado em conhecer esse vosso fanzine (português?), agradeço bastante se me puderem enviar - à cobrança, claro - um exemplar do "Sardinha Submarina" :-).
Entretanto, quem é Ken? Estava um desenhador sino-espanhol, de nome Ken, no Festival BD de Beja, mas, obviamente, não é o mesmo.
Agradeço que me esclareçam.
Abraço e saudações bedéfilas.

Geraldes Lino disse...

Desculpem, esqueci-me de escrever o meu endereço (especial para tudo o que tenha a ver com BD) para me poderem enviar um exemplar do fanzine Sardinha Submarina nº1. Se quiserem enviar-me sem ser à cobrança, falaremos depois na forma de lhes pagar, até poderá ser com fanzines meus .-)
Então cá vai o endereço:
Apartado 50273
1707-001 Lisboa

Anónimo disse...

OK, será enviado... e sem custos.
Abraços (altíssimos)

Anónimo disse...

Quem estiver interessado em 2 álbuns do Cavaleiro andante (nº 17 e 18) e mais 20 revistas cavaleiro andante, diga.

Caci disse...

Estou em busca do livro "Shakespeare na Banda Desenhada: Hamlet - Romeu e Julieta - A Tempestade" há muitos anos e gostaria imenso que alguém se dispusesse a vendê-lo ou indicar onde posso encontrar um exemplar. Meu e-mail é cacisassi@gmail.com e agradeço muito qualquer notícia. Um abraço! Caci Maria

Anónimo disse...

Excellent, love it! »

Anónimo disse...

Best regards from NY! Salaries of video game developers How many cups are in a bath tub avg antivirus avast antivirus zithromax 1995 toyota supra body kits Tramadol interference opioid drug testing braided area rugs 2005 free virus protection http://www.usedcisco7.info/Blackberry2.html Tarcze hamulcowe renault Cheap business card case

Pianoman disse...

Eu tinha este livro quando era criança e simplesmente adorava-o !

Entretanto, com mudanças de casa, perdi-lhe o rasto.

É possível adquirir um exemplar hoje em dia?

Obrigado
Pianoman
(Portugal)

Geraldes Lino disse...

Caci Maria, com esse nome, suponho que é um visitante brasileiro:
A obra em questão é bastante antiga, por isso encontrar hoje em dia um exemplar só por mero acaso, e tem de ser num alfarrabista.
Onde quer que você more, sugiro~lhe que visite os sebos, como vocês brasileiros (se é que você, sendo brasileiro, vive nos Brasil e não em Portugal) chamam aos alfarrabistas.
Diga-me a sua morada, já agora. Imagine que eu encontro um exemplar, depois não saberei para onde enviar.

Geraldes Lino disse...

Ao anónimo que mencionou um fanzine editado em 2005, com o título "Sardinha Submarina", e que me enviou abraços (altíssimos? Masacarenhas?), mas esqueceu-se, até agora, de me enviar o tal zine.
Ficaria muito grato, pode (podes? será que nos conhecemos?) enviar-mo à cobrança para:
Apartado 50273
1707-001 Lisboa

Geraldes Lino disse...

Atenção anónimo (a que se deverá esta febre de anonimato na net?), sob pseudónimo Pianoman:
Como já respondi ao brasileiro (?)Caci Maria, essa obra em álbum é hoje em dia uma raridade.
Por sorte, pode um dia encontrar-se num alfarrabista, mas é preciso procurar com persistência e paciência.
Em todo o caso, se eu tiver a sorte de encontrar algum exemplar, precisaria de um contacto seu (email, ou endereço físico, ou nº tlf ou de tlm).
Dê-me algum destes elementos.

Pianoman disse...

Eu posso ser contactado em: pianoman_pt@hotmail.com
se conseguir encontrar um exemplar do álbum. Obrigado.

Geraldes Lino disse...

Caro Anónimo
Continuo sem receber o tal exemplar do fanzine "Sardinha Submarina" (nº1 de 2005), mas ainda não perdi as esperanças.
Será que você vai ter conhecimento desta minha resposta ao seu comentário? A internet é bastante poderosa, nada (ou quase nada) nela é impossível...
Saudações bedéfilas e fanzinísticas.
Se por acaso tomar conhecimento deste meu apelo, e me quiser fazer o especial favor de me enviar um exemplar do fanzine, o meu endereço é:
Geraldes Lino
Apartado 50273
1707-001 Lisboa

Bethania Luz disse...

Tb quero exatamente como o pianomen tive esta bd em criança e amava. Foi o meu primeiro livro do gênero e a muito que ando a procura. Apesar do nome sou portuguesa portanto vou procurar em todos os alfarrabistas que conheço mas se por acaso encontrar algum entre em contacto comigo via email. mbethanialuz@gmail.com.
Obrigada