sábado, julho 01, 2006

Tertúlia BD de Lisboa - XXI Ano - 259º Encontro

Capa do álbum da autoria de António Sacchetti, homenageado este mês pela Tertúlia BD de Lisboa

Num "post" datado de 2005, Jul. 31, a razão da existência desta Tertúlia BD de Lisboa como associação informal foi esclarecida, basta clicar na coluna "Archives" para sacar do já volumoso arquivo deste blogue alguns elementos esclarecedores acerca do que é, e como funciona, esta associação informal.

Na próxima 3ª feira, dia 4 de Julho, lá estarão , seguramente, cerca de 40 (um pouco mais ou um pouco menos) bedéfilos, para jantarem, participarem num sorteio de peças de banda desenhada e, por fim, conversarem, fazerem perguntas, ao homenageado da noite, dessa forma desenvolverem e justificarem a componente tertulianística.

E quem é o Homenageado?
Chama-se António Sacchetti, e é autor da obra em banda desenhada Viagem à Costa da Mina 1479-1480, editada em álbum no ano de 1997 pelo Grupo de Trabalho do Ministério da Educação para as Comemorações dos Descobrimentos Portugueses.

Vamos a ver como decorrerá esta sessão da tertúlia, tendo em atenção que tem estado a decorrer, no recinto do Parque Mayer, a transmissão do Mundial de futebol, com imensos adeptos a assistir, e na 4ª feira vai realizar-se um jogo que começará exactamente à hora em que se inicia a TBDL.

Não há-de ser nada.

9 comentários:

Luís Cruz Guerreiro disse...

Caro Geraldes Lino, infelizmente não poderei estar presente, porque gostaria de lhe entregar pessoalmente os cromos e a caderneta da colecção, "Os Barcos D'O RIO Tejo", a sua assinatura já foi efectuada e gostaria que me dissesse se recebeu o #197 do jornal O RIO, para saber se lho envio também por via postal.
Aproveito para divulgar que os meus painéis/pranchas de azulejos de BD de FC, as "Aventuras de Jerílio no séc. 25", vão ser expostas em Brasília no Museu de Arte de Brasília em Agosto de 2006, depois envio-lhe mais notícias.
Um abraço de Luís Cruz Guerreiro.

João disse...

Esta ideia da Tertúlia BD parece-me interessantissima, é pena estar longe de lisboa senão concerteza que tentaria ir.
Também aparecem por lá alguns nostálgicos da revista Tintin (como eu)?

Zé Oliveira disse...

Olá, Geraldes Lino,
noticiei a próxima tertúlia no Buraco da Fechadura.
Se fores lá espreitar, tens uma surpresa.É em http://chavedoburaco.blogspot.com
Abraço!
Zé Oliveira

Geraldes Lino disse...

Olá Zé Oliveira. Já lá fui espreitar, como me aconselhaste, e vi lá a caricatura dum tipo com um grande nariz e um grande bigode. Onde é que eu já vi aquela cara?:-)
Parabéns, está muito bom, outra coisa não seria de esperar.
Já agora: não queres fazer uma banda desenhada para o Tertúlia BDzine, com 4 pranchas, ou 1 capa e 3 pranchas, para um dos muitos temas que proponho, e que para ti calharia bem, que é "Humor e/ou Sátira Social"?
Um grande abraço.

Geraldes Lino disse...

Olá João (por que razão os visitantes não se identificam?)
Com certeza que na Tertúlia BD de Lisboa há antigos leitores da revista portuguesa de BD chamada Tintin (este pormenor é para os visitantes acabados de nascer)e também há tintinófilos (apreciadores da personagem Tintim e seus sequazes, popular obra de Hergé).

João (Dias) disse...

É verdade que não me apresentei e ainda para mais esqueci-me de acrescentar o "Dias", como fiz noutro post!
Sou um fan de banda desenhada (sobretudo franco-belga)com 38 anos e sou do Porto, daí ser dificil ir à tertulia, mas se em Agosto houver uma quem sabe se não dará para dar aí um salto!

Geraldes Lino disse...

Olá João Dias, agora já podemos falar a conhecermo-nos (pelo menos de nome). A tertúlia BD de Lisboa, que organizo mensalmente há 21 anos nunca (nunca!, repito) deixou de se realizar, nem mesmo quando a primeira 3ª fª do mês calha num feriado (o que já tem acontecido). Tenho um acordo com o restaurante (que fica dentro do Parque Mayer) que abre exclusivamente para a tertúlia nos feriados.
O próximo encontro da TBDL é no dia 1 de Agosto, por ser a já mencoionada primeira 3º feira do mês. Às 20h lá estaremos, e a tertúlia, que se inicia pelo jantar (das 20h às 21h30, e tem de ser com um jantar, como é que eu conseguiria juntar mais de 40 portugas, de todas as idades, se não fosse com um jantar de permeio?).
Às 21h30 iniciamos um sorteio de peças de BD, oferecidas por vários "tertulianos" (um dos quais eu próprio), que tem muita interactividade: às suas mãos pode ir ter uma peça de BD que nunca na vida teria pensado ver, e terá ocasião de conhecer a pessoa que ofereceu essa peça, e vice-versa. Às 22h30, 22h45, é o momento da homenagem,que consta da entrega de um diploma ao autor-artista homenageado (ou Convidado Especial, quando ainda é demasiado novo e tem obra escassa, para ser homenageado), e às 23h termina a tertúlia, o que lhe dá tempo para, em 3 horas de viagem, voltar ao Porto a uma hora razoável.
Apareça!

Geraldes Lino disse...

Olá Luís Cruz Guerreiro, recebi os cromos com os desenhos de barcos desenhados por si, e a caderneta.
Agradeço-lhe muito. Parabéns pela notícia que me dá de a sua banda desenhada realizada em azulejos ir ser exposta num museu brasileiro.
Mais uma vez se prova que é preciso um país estrangeiro valorizar a obra de um autor-artista português que, no seu próprio país se mantém praticamente desconhecido.

João Dias disse...

Obrigado pelo convite Geraldes Lino!
Tentarei estar presente e se não for desta será certamente noutra ocasião!