segunda-feira, agosto 27, 2007

Álbuns imprevisíveis e difíceis de obter (IX) - Postais de Viagem - Autora: Teresa Câmara Pestana

Edições Independentes (II)

Duas vinhetas com imagens de forte atmosfera africana - Pormenor da obra Postais de Viagem

Teresa Câmara Pestana é um nome já desde longa data bem vincado no fandom português, enquanto autora-artista de banda desenhada, mas também como editora do muito premiado fanzine Gambuzine, para o qual igualmente produziu obra gráfica.
Talvez insatisfeita com as pequenas dimensões das bandas desenhadas que tem feito - maioritariamente episódios curtos autoconclusivos - as quais foram sendo publicadas ao longo de muitos anos, uma parte na Alemanha, onde viveu durante larga temporada, Teresa C. Pestana (assinatura que usa nestes postais) abalançou-se à realização, a "solo", duma obra de maior fôlego, de que ela é autora única das duas componentes fundamentais da BD: argumento e desenho.
Intrigante a notável componente literária, resultante de vivências da autora na costa oeste africana, nela sobressai a análise séria e isenta de preconceitos, que a autora do texto faz a crenças, cultos, exorcismos, rituais, superstições, misticismos e cerimónias mágicas, tudo isto dedicado aos deuses venerados pelos povos africanos. Por onde igualmente perpassa a constatação, obtida no terreno, da decadência da igreja católica.

Capa da obra, com boa apresentação visual

Em atraente edição realizada num papel couché de boa gramagem, Postais de Viagem é obra singular, caracterizada graficamente por imagens de violentos contrastes claro-escuros, aliás uma faceta estilística habitual na composição e traço de Teresa Pestana. Em contraponto às citadas componentes positivas e de elevado nível, há que lamentar a caótica composição do texto, umas vezes com grandes espaçamentos, despropositados e incompreensíveis, outras sem espaço nenhum, junto aos sinais de pontuação, além de distraída correcção ortográfica.

Título da obra: Postais de Viagem

Autora: Teresa C. Pestana

Capa e contracapa em cartolina, com impressão a preto, branco e azul. Miolo com 56 páginas a preto e branco. Formato: 16,5x23,5cm. Tiragem: não indicada na publicação [500 exemplares]. Montagem gráfica de Axel Blotevogel. Data da edição: não indicada[Julho 07]. Editora: não indicada [Teresa Câmara Pestana]. Local da edição: não indicada na peça[Apartado 67 - 3200 Lousã]

Elementos não íncluídos nesta edição independente, visíveis no sítio http://www.gambuzine.com/

1 comentário:

mmmnnnrrrg disse...

já tenho a tua bd para o 11 de Setembro...