quarta-feira, outubro 03, 2007

Falar de BD em língua portuguesa em Espanha (Badajoz)

Cartaz das Jornadas de Língua Portuguesa e Cultura dos Países Lusófonos, um evento organizado bienalmente em Badajoz por um grupo de professores

Programa das II Jornadas de Lengua Portuguesa y Culturas Lusófonas, que irão ser realizadas nos dias 5 e 6 de Outubro de 2007, na Facultad de Biblioteconomia (Plazuela Ibn Marwan - Badajoz.
Entidade organizadora: APPEX - Asociación del Profesorado de Portugués de Extremadura.

Será inusitado falar-se de BD em língua portuguesa em Espanha (Badajoz). Mas é isso que vai aontecer, no próximo sábado, dia 6, como se pode ver pelo programa acima reproduzido (como se sabe, é necessário ampliar a imagem, a fim de ficar legível) de um evento dedicado essencialmente à temática linguística, mas onde a Banda Desenhada Portuguesa também será falada... e em português.
------------------------------------------------
Texto escrito "a posteriori"
Estas Jornadas de Língua Portuguesa têm, entre os elementos organizadores, três pessoas com quem contactei: Pedro Luís Cuadrado, Luís Leal Pinto e Fátima Merino. Tenho de agradecer muito especialmente aos dois primeiros, porque foram incansáveis na resolução de um problema associado à projecção de imagens através de um retroprojector. E graças a eles, em cima da hora, a quase impossibilidade imprevista foi superada.
Tudo está bem quando acaba bem, como se costuma dizer.
Pormenores desta excelente iniciativa que um grupo de professores de português levam a cabo bienalmente podem ser vistos nos endereços:
E, já agora, o jovem, simpático e eficiente (e bedéfilo) professor Luís Leal Pinto, também bloguista, merece que se visite o seu blogue. Eis o endereço:
http://cronicasdanonaarte.blogspot.com/

4 comentários:

Pedro Luis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro Luis disse...

Foi com imenso prazer que recebemos Geraldes Lino em Badajoz e, apesar das dificuldades que teve com o retroprojector (ele pode contar), desfrutamos imenso com a sua sabedoria bedéfila, e, ainda por cima, eu mais o Luís Pinto desfrutámos à conversa com ele enquanto almoçávamos com as "raciones" e a cerveja fresquinha. Esperamos que qualquer dia possa haver outro encontro. Obrigado, Geraldes.

Luís Leal Pinto disse...

É verdade! Um verdadeiro prazer fruir a companhia (para além de um conhecimento extraordinário de um mundo que achamos fascinante) do amigo Geraldes! Os problemas técnicos só serviram para aguçar ainda mais o "apetite" para o retorno a terras "extremeñas" onde deixou uma marca de grande simpatia, conhecimento e uma profunda paixão pela BD!
Obrigado Geraldes e um bem-haja!

Geraldes Lino disse...

Caros Pedro Luís Cuadrado e Luís Leal Pinto
Regressei a Lisboa, e vim dar uma "vista de olhos" (uma curiosa expressão portuguesa, algo redundante, já caída em desuso, de que se percebe facilmente o sentido) ao meu blogue, e dei com os vossos super-simpáticos comentários.
A história do retroprojector (e respectivas complicações) foi homérica, mas com a vossa preciosa boa vontade e dinamismo foi possível evitar o fracasso de não poder apresentar imagens para ilustrar a minha conversa (a que vocês, amavelmente, chamaram palestra).
Aproveito para os felicitar pelo interessante e útil evento que organizam bienalmente com os vossos colegas professores de português, onde, este ano, meteram um intruso a falar de banda desenhada, mas que é, também, um apaixonado da língua portuguesa (tenho feito revisões ortográficas em edições de BD apenas por simples gosto, e mantenho neste blogue a rubrica "Língua portuguesa em mau estado na BD, no Cartoon, nos fanzines e na Internet").
Foi enorme prazer tê-los conhecido, espero que mantenham o vosso entusiasmo pela língua portuguesa aí por terras espanholas, e que continuem a organizar esse animado encontro de professores.
Um grande abraço.