quarta-feira, janeiro 02, 2008

Erotismo e/ou pornografia (I) - Autor: JCoelho

Erotismo ou pornografia é rigorosamente a mesma coisa? 
Aceitam-se opiniões dos visitantes, perante a vinheta mais ousada de uma prancha desenhada por JCoelho.
Mas para isso é necessário visitar o blogue Fanzines de Banda Desenhada, no endereço:
http://fanzinesdebandadesenhada.blogspot.com/

8 comentários:

linfoma_a-escrota disse...

diz-me tu:


WWW.MOTORATASDEMARTE.BLOGSPOT.COM

terrorismo visual
violência gratuita
ausência de consciência

A. Caeiro disse...

Bom Ano de 2008.

Geraldes Lino disse...

Desconhecida linfoma a-escrota
Se não for pedir muito, gostaria que escrevesse a sua opinião sob a imagem em causa, no meu outro blogue Fanzines de Banda Desenhada
http://fanzinesdebandadesenhada.blogspot.com

Geraldes Lino disse...

Caro A. Caeiro
Viva! Agradeço e retribuo.

Luís Graça disse...

A linha que separa o erotismo da pornografia pode ser ténue de avaliar. Na prática. Na teoria, o conceito é bastante claro.
Sendo assim, a prancha do Coelho é erótica.

Alvaro disse...

O erotismo e a pornografia são coisas perfeitamente distintas.

O erotismo é o estado de excitação ou o processo mental de estimulação erótica que tem como objectivo atingir ou manter a excitação sexual.

O erótico para um determinado indivíduo será aquilo que o excita. Pode ser a proximidade da vizinha no elevador, um par de pernas à sua frente no autocarro, uma simples bota numa montra ou um pastor alemão ofegante. O erótico, a imagem erótica, existe apenas no cérebro.

Uma foto da bota ou das pernas, um filme do pastor alemão ou uma descrição literária dos efeitos da proximidade da vizinha no elevador, impressos, reproduzidos teatralmente ou ou registados em qualquer outro suporte físico será pornografia.

A pornografia é algo fabricado. Uma foto, um desenho, um filme, um texto ou uma dança se forem efectuados com o objectivo de provocar em terceiros a excitação sexual (o estado erótico) é pornografia.

Se é de boa ou de má "qualidade", então já entramos claramente no campo da subjectividade e no consequente diálogo de surdos.
Geralmente aquilo que "eu" aprecio será sempre melhor daquilo que "tu" aprecias. Os termos erotismo e pornografia são aqui utilizados para marcar essa barreira. Mas são mal utilizados porque são conceitos diferentes e perfeitamente objectivos.

Bongop disse...

Desejo que 2008 seja melhor que os anteriores anos, para ti geraldes e para todos os que por aqui passam! :-)

CresceNet disse...

Gostei muito desse post e seu blog é muito interessante, vou passar por aqui sempre =) Depois dá uma passada lá no meu site, que é sobre o CresceNet, espero que goste. O endereço dele é http://www.provedorcrescenet.com . Um abraço.