quarta-feira, maio 28, 2008

Violência/Tortura na BD (II) - Autor: Jim Lee

 
Perversamente, a violência, quando plasmada em imagens, pode atingir elevado grau de beleza. Essa componente negativa é tão explorada pela banda desenhada como pelo cinema, artes afins, ambas baseadas em histórias contadas visualmente.

Exemplo de elevado nível, no que concerne a imagens violentas, é a que apresento neste "post", uma prancha dupla desenhada por Jim Lee (*), grande talento da banda desenhada ("comics") que se faz nos Estados Unidos da América.

(*) Jim Lee criou as imagens a lápis (o "layout"), foi ele portanto o criador original. Mas quem passou o desenho a tinta ("inker", tintador, arte-finalista), foi Scott Williams, outro nome sonante, Alex Sinclair foi o colorista, Jared Fletcher tratou da óptima legendagem (quem começa agora a legendar deveria observar, com atenção, os códigos implícitos nesse trabalho, caracteres inclinados nas descrições, caracteres verticais nas legendas dentro dos balões), tudo isto sob argumento do grande autor-argumentista -desenhador Frank Miller ("the last but not the least"), no 6º episódio de Batman and Robin, the Boy Wonder
------------------------------------------------
Dentro deste tema Estética da Banda Desenhada já foram focados vários aspectos, designadamente Picado e Contrapicado, Zoom, Panorâmica, entre outros, criados por grandes autores-artistas, cujos nomes podem ser vistos na lista abaixo. Claro que a forma mais prática será ir com o cursor até à coluna das "categorias", e clicar na rubrica Estética e Convenções Gráficas da Banda Desenhada.

Março, 17 - Carlos Pacheco e Jesus Merino
Jan. 18 - Joe Quesada
2008

Ag. 21 - Reg Perrott
Abr. 20 - Frank Miller e Lynn Varley
Fev. 25 - Kája Saudek
2007

Ag. 27 - Bill Watterson
Ag. 26 - Katsuhiro Otomo
Jun. 11 - Joe Sacco
Maio 13 - Victor Mesquita
Maio 9 - Moebius
Maio 7 - Rui Lacas
Abr. 11 - Gibrat
Abr. 11 - Gibrat
Março 17 - Phill Jimenez e Andy Lanning
2006

3 comentários:

looT disse...

De facto os desenhos de Jim Lee são qualquer coisa de fantástico, adoro.

Abraço

Bongop disse...

Imagem plena de movimento e violência! Adoro Jim Lee .

Geraldes Lino disse...

Grato pela vossa visita, "loot" e "bongop". Abraço.