quarta-feira, dezembro 16, 2009

Concurso para criação de Mascote/Personagem de BD


Mais um concurso sem limite de idade máxima para os concorrentes!

Para contextualizar as intenções do concurso, há que dizer o seguinte:
As crianças e os jovens compõem um grupo de elevada sensibilidade, ideal para absorver normas que possam inculcar boas práticas direccionadas para a segurança rodoviária e a defesa da floresta contra incêndios.
Consciente deste facto, o Governo Civil do Distrito de Viseu, em parceria com o GICAV-Grupo de Intervenção e Criatividade de Viseu, resolveu organizar este

CONCURSO PARA A CRIAÇÃO DE UMA MASCOTE

Ora o que é que uma imagem tipo "mascote" tem a ver com a banda desenhada (tema-base deste blogue)?
Tem, pelo seguinte motivo:

A mascote será, num futuro mais ou menos próximo, utilizado como personagem de banda desenhada, em episódios didácticos, direccionados para um público com idades compreendidas entre os 6 e os 13 anos.

Qualquer bd que as entidades envolvidas na organização possam vir a editar, para uma eventual campanha a nível distrital, utilizando a mascote vencedora, tanto poderá ser realizada pelo vencedor do concurso como por qualquer outro autor/artista, contratado pela dupla organizativa.

DATA LIMITE PARA RECEPÇÃO DA IMAGEM DA MASCOTE:
29 JANEIRO 2010

Pormenor importante: cada concorrente terá de apresentar uma mascote/personagem de BD, colorida, em duas posições - frente e perfil - em formato A3 ou A4, e a imagem deverá ser feita num estilo adequado ao escalão etário dos 6 aos 13 anos, e aos propósitos cívicos a que se destina.

Cada concorrente poderá participar com um máximo de 3 projectos.

As obras participantes com o desenho da mascote poderão ser entregues pessoalmente, por quem viver em Viseu, ou não muito longe, ao
GOVERNO CIVIL DO DISTRITO DE VISEU
Av. Alberto Sampaio, nº 17
3514-512 VISEU

Quem habitar em local distante (espero que haja concorrentes de Lisboa), pode enviar por correio para a morada antes indicada (neste caso o sobrescrito só servirá se tiver o carimbo dos CTT de qualquer dia de Janeiro de 2010, até ao limite de 29, uma sexta feira.

PRÉMIOS
1º - € 500
2º - € 250
3º - € 125

Um pormenor nada despiciendo, que não está incluído no regulamento, mas cujo esclarecimento foi possível obter directamente da Chefe de Gabinete do Governo Civil de Viseu, Drª Mónica Patrícia Pinto da Costa:
No caso de a mascote vir a ser utilizada com fins comerciais (em álbuns, desenhos animados, filmes na televisão, etc.), os autores deverão ser compensados com uma percentagem dos lucros obtidos nessa operação.

A avaliação dos projectos concorrentes será efectuada no sistema blind review, para que o júri não possa saber os nomes dos autores.
Para tal, os projectos só poderão ser identificados por pseudónimos, escritos com letra bem legível.
No fim de contas, é o sistema habitual dos concursos de BD, e, tal como é costume, o concorrente terá de enviar um envelope identificado pelo mesmo pseudónimo que consta no exterior, contendo, no interior, fotocópia do B.I. (frente e verso), bem como os respectivos contactos (endereço físico, e-mail, número de telefone e de telemóvel).

Quaisquer dúvidas poderão ser esclarecidas por consulta a dirigir ao email:
gabinete@gov-civil-viseu.pt

-----------------------------------------------
Quem tiver curiosidade em ver regulamentos de anteriores concursos, e até um texto de minha autoria intitulado "Concursos de Banda Desenhada - Subsídios para um estudo", com data de Outubro 09, 2009, bastar-lhe-á clicar no item abaixo indicado no rodapé

1 comentário:

Paulo Marques disse...

Muito boa noite! :)

Achei este concurso para a criação de uma Mascote/Personagem de BD, muito interessante e com um moldes bastante originais, tanto no escalão etário a que se destina a personagem, como nos objectivos que o concurso apresenta, com uma componente pós-selecção, do trabalho eleito, muito aliciante. De dar também os parabéns a este novo concurso, por não impedir a participação dos não titulares do cartão jovem, pois vem alargar a quantidade de possíveis participantes, não vetando concorrentes, com base na idade, como sucede em outros concursos afins!

Abraço!


Paulo Marques