quarta-feira, setembro 29, 2010

Ilustração por autor de BD (I) - Luís Diferr












 
Luís Diferr tornou-se conhecido como autor de Banda Desenhada, mas a sua recente obra intitulada Portugal insere-se na categoria de Ilustração, sendo, de facto, uma notável galeria de ilustrações, onde se podem admirar belíssimas reconstituições do passado de Lisboa (a grande maioria), mas também do Porto, de Tomar, de Mafra, e edifícios diversos de interesse arquitectónico, como são os casos do Palácio do Marquês de Fronteira e da Casa (Palácio) de Mateus (*).
--------------------------------------------------------------------------------



Luís Diferr


Síntese biobibliográfica  
Diferr - uma espécie de pseudónimo formado pelos seus apelidos Dias Ferreira - é actualmente professor. As obras de BD O Homem de Neandertal (1991) e Os Deuses de Altair (1998), de que talvez venha a haver uma segunda parte, são de sua total autoria (argumento, desenho, cor e legendagem). 
Ainda como autor total colaborou com uma bd curta, a preto e branco, no fanzine Eros, na década de 1980.
Mas também já participou apenas como argumentista, na obra Dakar o Dinossauro - no episódio "O Lago Iluminado" (Vol. I-1997, Vol. II-1998), em equipa com José Abrantes, que se encarregou da componente desenhada sequencialmente.

Como se percebe, Diferr é ecléctico, dominando com mestria o desenho e a escrita. Por isso mesmo, os textos bem documentados e literariamente correctos da obra Portugal (Le Portugal, na edição francesa), são igualmente de sua autoria, embora sob supervisão de Jacques Martin, que idealizou esta obra lançada sob o título genérico Les Voyages de Loïs, cujo primeiro volume foi Versailles, realizado por J. Presti e O. Pâques.

Nascido em Angola (Lobito) em 1956, Luís Dias Ferreira veio para Lisboa quando ainda só tinha um ano. Foi com os pais viver para o Brasil após o 25 de Abril, tendo-se formado em Arquitectura na Universidade de São Paulo, tendo regressado a Portugal em 1985.

Luís Diferr foi o Autor Homenageado do Amadora BD - 1998. Mas muito antes, em Julho de 1986, tinha sido o Convidado Especial da Tertúlia BD de Lisboa.
--------------------------------------------------
(*) Imagens de cima para baixo (ao clicar em cima da imagem, pela 1ª vez, amplia razoavelmente, mas ao passar com o cursor por cima dessa ampliação, quando aparece a lente, ao clicar de novo aumenta ainda mais. Talvez haja quem não conheça este pormenor (digo eu...) Bem, esta 2ª acção não funciona nas duas primeiras imagens de cima, não sei porquê (alguma coisa que fiz mal :-(


1 - Torre de Belém
2 - Sé Catedral de Lisboa
3 - Rossio e vários edifícios existentes antes do terramoto e maremoto de 1755
4 - Rua Nova dos Mercadores, em Lisboa, no início do Séc. XVI
5 - Mosteiro dos Jerónimos
6 - Vista Aérea (um fantástico picado) do Castelo de Tomar e do Convento de Cristo
7 - Tomar (Janela do Capítulo do Convento de Cristo)
8 - Biblioteca do Convento de Mafra (pormenor)
9 - Casa de Mateus
10 - Panorama da cidade do Porto
-------------------------------------------------------
Esta obra foi inicialmente publicada pela Editora Casterman, num álbum com o formato 31x23cm;
A edição da ASA é num formato ligeiramente mais pequeno: 29,5x22cm

4 comentários:

Nuno Fonseca disse...

Não conhecia...
Obrigado!

Joao Camacho disse...

Excelente! Duma grande pedagogia para as gerações vindouras e estudiosos do passado.

Geraldes Lino disse...

Nuno Fonseca: agradeço-lhe a visita.
Pode dar-me o seu email?

Geraldes Lino disse...

João Camacho: muito obrigado pela sua visita ao blogue.
Gostaria de ter o seu email.