domingo, abril 24, 2011

Cinema e BD (I)



Os 25 Melhores Filmes Adaptados da B.D.
é o título de um extenso artigo que faz uma bem estruturada análise a um conjunto de obras cinematográficas baseadas em heróis de banda desenhada ou, em alguns casos, de novelas gráficas em edição única.

O jornalista Francisco Toscano Silva, colaborador da novel revista de cinema Total Films (nº1-Abr.11), é o autor do inesperado estudo nela publicado, que abarca filmes realizados entre 1978 e 2009.

Diz ele no header do artigo:

"Nem sempre as ideias surgem de grandes romances ou contos da literatura. A banda desenhada é um mundo absolutamente fascinante que já viu algumas das suas vinhetas serem transportadas para a grande tela (...)"

Com a devida autorização do editor da revista, Luís Mesquitela Lima (que conheço há muitos anos como importante aficionado de BD), vão ficar reproduzidos aqui os vinte e cinco artigos.

Em atenção aos visitantes mais apressados, farei breves sínteses dos textos - e até, em casos esporádicos, reproduzi-los-ei na íntegra, a fim de facilitar a leitura.



25. HOMENS DE NEGRO (MIB - Men in Black) - 1997
Baseado na banda desenhada de Sandy Carruthers (desenho), Lowell Cunningham (argumento)
Realizador: Barry Sonnenfeld

"Um dos grandes sucessos de 1997 (que deu origem a uma sequela em 2002, não tão bem conseguida, com outra igualmente em preparação) (...) nasceu da mente de Lowell Cunningham, que em 1990 mostrou ao mundo uma visão de luta entre homens e aliens em vinhetas violentas. O filme conservou a essência e resultou, ainda que na B.D. original não se usem apagadores de memória, mas balas. Ou algo que destrua tudo, mais eficaz."

24. FLASH GORDON (Flash Gordon) - 1980
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Alex Raymond
Realizador: Mike Hodges

"(...) Este clássico ultra-camp falhou nas bilheteiras mas obteve um estatuto de culto, ao adaptar uma história quase saída das primeiras vinhetas, de 1934. Em traços largos, por entre planetas com formatos estranhos, árvores esquisitas e um grande ovo verde, com um uso de cor intenso e detalhes surreais, Flash Gordon tem de derrotar Ming, o impiedoso (inacreditável Max Von Sydow), ficar com a rapariga e salvar o Universo.
Simples, foleiro, mas engraçado. A música dos Queen é irritantemente inesquecível.

23. SPEED RACER (Speed Racer) - 2008
Baseado na banda desenhada de Tatsuo Yoshida
Realizadores: Andy e Lana Wachowski

"O universo manga de Speed Racer passou para os ecrãs com grande virtuosismo, mas falhou as expectativas entre o público e a crítica. (...) Munido de efeitos visuais estonteantes, que roubam às vinhetas a acção tresloucada das corridas de carros, há ainda espaço para um drama familiar bem conseguido (...)"

22. WANTED - PROCURADO (Wanted) - 2008
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Mark Millar
Realizador: Timur Bekmambetov

"A história amoral de Wesley Gibson (James McAvoy) e o mundo surreal de vilões que dominam o mundo fez um enorme estrilho na tela. Um sucesso entre o público, conserva o suficiente do legado de Millar e tem, além de McAvoy, uma estonteante Angelina Jolie e um duvidoso Morgan Freeman. O argumento tem pontas descosidas, mas impera o grande espectáculo que o cinema soube ampliar do papel com graça e arrojo visual.
Fala-se em sequela, mas Millar já disse que não será baseada em nada seu uma vez que não publicará mais aventuras."

21.PUNISHER - O VINGADOR (The Punisher) - 2004
Baseado na banda desenhada de Ross Andru e John Romita Sr. (desenhadores), Gerry Conway (argumentista)
Realizador: Jonathan Hensleigh

"Eis um herói que já foi tão maltratado no cinema (...) mas que ganhou um belo fôlego em 2004 pela mão de Jonathan Hensleigh, ao filmar Thomas Jane como o vingador Frank Castle que, violento e duro, elimina um a um os assassinos da sua família. E o blood show continuou em 2008 com The Punisher-Zona de Guerra (...)"

20. ASTÉRIX E OBÉLIX: MISSÃO CLEÓPATRA (Astérix & Obélix: Mission Cléopâtre) - 2002
Baseado na banda desenhada de Albert Uderzo (desenho), René Goscinny (argumento)
Realizador: Alain Chabat

"Os erros cometidos na primeira incursão em Astérix e Obélix Contra César, de 1999, foram corrigidos, e aqui o realizador Alain Chabat (que acumula o papel de César) soube a importância de se fixar num só livro, numa só aventura, e adaptou-a com imensa graça e talento. (...)"



19. AS AVENTURAS DE ROCKETEER (The Rocketeer) - 1991
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Dave Stevens
Realizador: Joe Johnston

"Este é um triste exemplo de um belo registo de aventuras, fiel à banda desenhada original, que se esqueceu, sobretudo em Portugal. É que o filme, depois do cinema, só saiu para aluguer, em 1999, em DVD (e nunca venda directa) sem legendas em português. Ou seja: havia duas hipóteses: ou se via o filme em inglês, ou se optava pela versão áudio dobrada em... português! Apesar desta questão surreal, o filme recupera a essência da B.D., inspirada nos heróis das matinées dos anos 30 e 40, segundo Stevens. (...)"

18. AMERICAN SPLENDOR (American Splendor) - 2003
Baseado na banda desenhada realizada por vários desenhadores (entre os quais, Robert Crumb), sob argumento de Harvey Pekar
Realizadores: Shari Springer Berman, Robert Pulcini

"Este é um filme que abordou os comics de uma maneira diferente de qualquer outro. Para além de adaptar as histórias de Harvey Pekar, American Splendor juntou-as (pois, no fundo, são indissociáveis) da própria vida de Pekar, um clerk que coleccionava afincadamente discos de jazz e lia compulsivamente, levando uma vida banal demasiado complexa, magnificamente interpretado por Paul Giamatti. (...)"

17. DICK TRACY (Dick Tracy) - 1990
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Chester Gould
Realizador:Warren Beatty

"Injustamente esquecido mas bem sucedido na sua altura de estreia, Dick Tracy é um regalo para os olhos. Literalmente saído das vinhetas, Warren Beatty manteve-se fiel aos cenários coloridos, aos vilões deformados que habitavam numa perigosa América dos anos 30 e ao charme do polícia detective de chapéu e sobretudo bege portador de um relógio-comunicador. Beatty é também o protagonista e divide a sua impecável interpretação com a sedutora Madonna (que canta várias músicas na banda sonora) e o grande vilão Al Pacino, megalómano e irreverente. (...)"



16. MUNDO FANTASMA (Ghost World) - 2001
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Daniel Clowes
Realizador: Terry Zwigoff

"(...) aqui Zwigoff conseguiu um olhar profundo sobre a alienação de Enid e Becky, duas jovens anti-sociais que passam juntas umúltimo Verão antes de se formarem no liceu. Ao dar vida às páginas de Clowes, conseguiu criar um filme intimista que nos deixa para sempre na memória as interpretações de Thora Birch, Scarlett Johansson e Steve Buscemi. (...)

15. HULK (Hulk) - 2003
Baseado na banda desenhada de Jack Kirby (desenho), Stan Lee (argumento)
Realizador: Ang Lee

"Recuperando a essência do incontrolável e amaldiçoado Bruce Banner (Eric Bana), Ang Lee foi arrojado ao filmar esta espécie de Dr. Jekyll e Mr. Hyde, como Stan Lee o descreveu. Incidindo em especial sobre uma delicada relação paternal, o resultado foi um filme de super-heróis invulgar, muito bem conseguido, mas rejeitado pelo público à espera de mais grunhos e acção-pipoca da parte do bicho verde. (...)"

14. HELLBOY (Hellboy) - 2004
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Mike Mignola
Realizador: Guillermo Del Toro

"Hellboy é um diabo que foi trazido pela mão de nazis e a sua divisão do oculto em plena guerra. Depois de ser salvo pelas forças aliadas, ao cuidado do Professor Trevor Brutenholm, ele dedica-se ao combate de forças paranormais do mal (...) Del Toro construiu dois filmes (sendo este o primeiro) fantásticos, com um imaginário único, recheados de humor, acção e um belo storytelling, fazendo justiça às vinhetas de Mignola (...)"

13. HOMEM DE FERRO (Iron Man) - 2008
Baseado na banda desenhada de Larry Lieber, Don Heck e Jack Kirby (desenho), Stan Lee (argumento)
Realizador: Jon Favreau

"(...) um fenomenal blockbuster, carregado de acção e ritmo, com um casting perfeito (...) e que explora plenamente todos os elementos temáticos de Tony Stark, o multimilionário alcoólico, mulherengo, genial e problemático que faz das armas o seu negócio, até alterar as suas prioridades."

12. X-MEN (X-Men) - 2000
Baseado na banda desenhada de Jack Kirby (desenho), Stan Lee (argumento)
Realizador: Bryan Singer

"(...) A transposição para o ecrã das aventuras dos mutantes que lutam pelo seu espaço entre os humanos, das personagens aos cenários, do ritmo ao artístico toque de câmara, deixou todos de barriga cheia. E Hugh Jackman (o inesquecível Wolverine) nunca mais foi o mesmo em Hollywood. (...)"

11. OLDBOY-VELHO AMIGO (Oldeuboi) - 2003
Baseado na banda desenhada de Nobuaki Minegishi (desenhador), Garon Tsuchiya (argumentista)
Realizador: Park Chan-wook

"Um filme inesquecível que redefine os códigos do thriller numa espiral alucinada de violência e vingança. Ligeiramente inspirado nas vinhetas de Tsuchiya e Minegishi (...) ao contar a terrível história de Oh Dae-Su, um homem aprisionado num quarto de hotel durante 15 anos que é libertado inesperadamente e tenta descobrir em cinco dias as razões dos que o encarceraram, descobrindo uma terrível verdade à medida que perpetua uma sanguinária vingança. (...)"



10. CAMINHO PARA PERDIÇÃO (Road to Perdition) -2002
Baseado na banda desenhada de Max Allen Collins
Realizador: Sam Mendes

"(...) aquela que foi a última aparição de Paul Newman no grande ecrã deixou na memória um extraordinário filme noir de gangsters (...) Baseado no primeiro livro de uma trilogia, o olhar de Mendes capta na perfeição a história, ainda que com distanciamento suficiente para que o cinema respire à sua maneira. O final é de antologia."

9. UMA HISTÓRIA DE VIOLÊNCIA (A History of Violence) - 2005
Baseado na banda desenhada de Vince Locke (desenho), John Wagner (argumento)
Realizador: David Cronenberg

"(...) um verdadeiro western actual que lida com os fantasmas de uma América profunda como poucos. Para muitos experts em comics, este é um caso onde o filme supera as páginas em que foi inspirado (...)"

8. V DE VINGANÇA (V for Vendetta) - 2006
Baseado na banda desenhada de David Lloyd (desenho), Alan Moore (argumento)
Realizador: James Mc Teigue

"Independentemente das bocas de Alan Moore (que se revolta contra cada adaptação ao cinema das suas obras) sobre o filme visar a era de Bush e não o fascismo como ele idealizou, o resultado em ecrã é fiel à estrutura, emoção e acção que o visionário de Watchmen concebeu (...)"

7. O CORVO (The Crow) - 1994
Baseado na banda desenhada de James O'Barr
Realizador: Alex Proyas

"(...) adapta num enorme rigor a violenta e perturbante BD sobre o guitarrista Eric Draven, que vê a namorada ser violada e morta enquanto ele se encontra paralisado da agressão que sofreu às mãos de um gangue. Ele ressuscita como um corvo e parte em busca de vingança. Absoluto prodígio entre o thriller e o noir, gerou um enorme culto pois Brandon Lee (filho de Bruce) morreu durante a rodagem com uma bala perdida (...)

6. 300 (300) - 2006
Baseado na banda desenhada da autoria (argumento e desenho) de Frank Miller
Realizador: Zack Snyder

"300, que ficciona a batalha de Termópilas, onde 300 espartanos rumaram de encontro a um exército deum milhão de persas. A obra de Frank Miller foi inspirada por "Os 300 Espartanos", de Rudolph Mate, que viu muitas vezes quando era jovem. A adaptação é muito fiel às pranchas e soube expandi alguns relevantes sub-plots (...) É um exemplo claro da valorização do uso do digital e do bluescreen technology (...)"



4. SUPER-HOMEM (Superman) - 1978
Baseado na banda desenhada de Joe Shuster (desenho) e Jerry Siegel (argumento)
Realizador: Richard Donner

"(...) A adaptação das aventuras de Super-Homem para o cinema criou um momento ímpar na relação entre os comic-books e a Sétima Arte. Partindo da fiel origem do Homem de Aço, Richard Donner fez um filme perfeito, na altura com tecnologia de ponta que ainda hoje nos deslumbra, onde Christopher Reeve imortalizou o Super-Homem (...)"

3. SIN CITY - A CIDADE DO PECADO (Sin City) - 2005
Baseado na banda desenhada da autoria (desenho e argumento) de Frank Miller
Realizador: Robert Rodriguez, Frank Miller e Quentin Tarantino

"(...) O storyboard não existiu, pois foram as próprias páginas dos livros de Miller que o substituiram. Quer os diálogos quer o uso da cor e toda a acçãoforam directamente importados das páginas e em altura alguma deixamos de ver grande cinema(...)"

2. WATCHMEN - OS GUARDIÕES (Watchmen) - 2009
Baseado na banda desenhada de Dave Gibbons (desenho), Alan Moore (argumento)
Realizador: Zack Snyder

"Depois de 300, Snyder pegou num projecto que muitos, a começar por Alan Moore, consideravam infilmável. Pois bem, o realizador conseguiu um brilhante e único feito, ao transpor quase na totalidade a genial e visionária graphic novel (...) uma das mais estupendas adaptações da banda desenhada (...)"



1. O CAVALEIRO DAS TREVAS (The Dark Knight) - 2008
Baseado na banda desenhada de Bob Kane (desenho), Bill Finger (argumento)
Realizador: Christopher Nolan

"Após Batman-O Início, todos ficaram impressionados com o fantástico reboot que a saga do Homem-Morcego tinha sofrido (...) Trata-se de um feito absolutamente notável, que adapta inúmeros pormenores de variadíssimas histórias de confronto entre Batman e o seu nemesis Joker (...)
Christian Bale voltou a vestir o fato do protagonista sem necessitar de ajustes e o seu vilão Joker foi encarnado na perfeição pelo Heath Ledger, que sabe ir beber às vinhetas a violência e o humor negro ao seu antecessor Jack Nicholson, presente no filme de Tim Burton, de 1989 (...) A realização é impecável (...) que faz deste operático e megalómano filme (sem menosprezo pelo fabuloso e notável freak show gótico duplo de Burton) o melhor da saga e que demonstra a qualidade que um filme de super-heróis, tantas vezes conotado como fast food (...) pode (e deve) ter (...)"

------------------------------------------------------------------
Repito: estes textos são sínteses daqueles que constam das imagens. Para os poderem ampliar ao dobro e assim os lerem com facilidade, julgo que a maioria sabe que, após o primeiro clic em cima do texto, torna a clicar-se já com o cursor em forma de lente com sinal + (digo isto em atenção a quem ainda tem pouca prática, e peço desculpa a quem está farto de saber)

12 comentários:

Diogo Semedo disse...

Dizer que Punisher é uma das melhores adaptações da BD mostra que não percebem grande coisa de BD.

Para além disso o fime é baseado no arco 'Welcome Back Frank' de Garth Ennis e Steve Dillon (o filme original com Dolph Lundgreen, esse sim é baseado na história original). O filme de 2004 também maltrata muito mal o personagem, o único que apresenta (pelo menos) um actor figdino ao personagem é o Punisher War Jornal.

Este artigo não difere muito de outros já vistos na Premiere, isto é, artigos de malta que conhece Banda Desenhada através dos próprios filmes e que como tal considera maravilhoso o Watchmen( do elegante Zack Snyder..LoL)

Manuel Caldas disse...

Ainda bem que na lista não aparece nenhum dos dois "Prince Valiant". Se assim fosse, lá se ia a credibilidade de Francisco Toscano. Assim não sendo, parabéns.

disse...

Caro Amigo/Amig@,

Livros existem para aventurarem-se de mão em mão, enchendo olhos e
mentes, traspassando mundos vários, continentes distantes, até
mesmo galáxias perdidas deste infinito Universo, sem respeitar nem mesmo as fronteiras do senhor Tempo.

É com base neste espírito que Lisboa acaba de ganhar um novo Alfarrábio on-line. É o www.livrilusao.com, que vende livros usados e novos.

No entanto, não queremos ser apenas um alfarrábio a mais. Para além de comprarmos, vendermos e trocarmos livros, buscamos também
interagir com todos que queiram trocar ideias connosco sobre livros, artes em geral e tudo o mais relacionado com Cultura.

Convidamos-te a visitar a nossa página e, se achar interessante, ajudar a divulgá-la, repassando esta mensagem para a sua lista de emails.
Vamos dar continuidade à aventura dos livros!

Obrigada,
Giulia

Hunter disse...

Inacreditável termos Flash Gordon, Dick Tracy e o monótono Hulk de Ang Lee em uma lista de melhores filmes adaptados da BD.

E já agora há uma grave omissão, a versão cinematográfica do mangá Crying Freeman, realizada por Christophe Gans.

Geraldes Lino disse...

Caro (desconhecido) visitante Diogo Macedo.
É evidente que são vastos os seus conhecimentos sobre BD e Cinema, e também por este frequente cruzamento entre as duas artes.

Ocorreu-me a seguinte ideia: convidá-lo/desafiá-lo para fazer você uma lista dos que considera os25 melhores filmes baseados em BD.

A finalidade seria a de eu publicar essa sua lista neste blogue, numa postagem totalmente dedicada ao seu artigo, na rubrica agora iniciada "Cinema e BD".

Claro que precisaria que me enviasse em simultâneo uma imagem de cada filme (se possível) e, isso seria mesmo indispensável, uma imagem de cada banda desenhada por si escolhida para essa selecção de 25 filmes/25 obras de BD.

O texto e as imagens seriam enviadas para o meu email geraldes.lino@iol.pt

Que acha da ideia?
Saudações bedéfilas/cinéfilas.

Geraldes Lino disse...

Caro amigo "Hunter"
Considero-te um profundo conhecedor de BD (então no que se refere a Mangá, deves ser o maior especialista português) e Cinema.

Tal como disse ao outro visitante, Diogo Macedo, gostaria de publicar aqui no blogue um artigo teu dedicado ao tema a que se refere este teu comentário, ou seja, "Os Melhores 25 filmes baseados em Banda Desenhada" (mas só de Super-Heróis, os baseados em Mangá e BD europeia ficariam para uma segunda lista).
Estás de acordo? As condições serão idênticas às que indiquei ao Diogo Macedo.

Abraço.

Geraldes Lino disse...

Caro amigo "Hunter"
Considero-te um profundo conhecedor de BD (então no que se refere a Mangá, deves ser o maior especialista português) e Cinema.

Tal como disse ao outro visitante, Diogo Macedo, gostaria de publicar aqui no blogue um artigo teu dedicado ao tema a que se refere este teu comentário, ou seja, "Os Melhores 25 filmes baseados em Banda Desenhada" (mas só de Super-Heróis, os baseados em Mangá e BD europeia ficariam para uma segunda lista).
Estás de acordo? As condições serão idênticas às que indiquei ao Diogo Macedo.

Abraço.

Diogo Semedo disse...

Só uma correcção..Semedo e não Macedo.

Vou ver o que posso fazer. Sugiro apenas que em vez de 25 sejam 10.

Geraldes Lino disse...

Diogo Semedo
Peço desculpa por, devido a lapso, lhe ter trocado o apelido (já agora, você escreveu "figdino" em vez de "fidedigno", certamente por distracção).
Gostaria mais que você fizesse o equivalente ao trabalho do jornalista Francisco Toscano Silva (que não conheço, devo dizer), ou seja, falasse de 25filmes.
Mas aceito a sua hipótese, em que focará apenas dez filmes baseados em BD.
Fico à espera dessa sua colaboração, que pode ser feita por esta mesma via.
Cordialmente,
GL

Diogo Semedo disse...

Obrigado pelo reparo.Até me debrucei a verificar a construção da palavra..Fide(lissimo)+digno...algo que é fiél e digno..LoL..

Optei por lhe sugerir 10 filmes porque acaba por dispersar menos a atenção do leitor e apresenta-se os que são verdadeiramente adaptações inovadoras.

Diogo Semedo disse...

Obrigado pelo reparo.Até me debrucei a verificar a construção da palavra..Fide(lissimo)+digno...algo que é fiél e digno..LoL..

Optei por lhe sugerir 10 filmes porque acaba por dispersar menos a atenção do leitor e apresenta-se os que são verdadeiramente adaptações inovadoras.

Geraldes Lino disse...

Então tu, Pedro "Hunter", crítico (negativista) do artigo do jornalista Francisco Toscano Silva (que, insisto no pormenor, não conheço), gostaria que respondesses aqui, publicamente, qual a tua intenção no que concerne ao meu desafio?
Abraço.
GL