quarta-feira, novembro 01, 2006

BD portuguesa nos fanzines (II) - Autores: Rui Lacas, Pepedelrey, J.Coelho, Pedro Nogueira, Renato Abreu - Fanzine Jazzbanda

É um facto bem conhecido dos fanzinistas do relativamente limitado âmbito abrangido pelos fanzines. Esse factor decorre naturalmente do carácter alternativo que é uma das mais importantes facetas deste tipo de publicações independentes.
Com o aparecimento dos blogues, dos sítios e portais internéticos, onde existem já e-zines e em que são divulgados os zines clássicos, editados em papel, há muito maior divulgação da BD que neles se publica.
Precisamente para contribuir nessa intenção, foi criada neste blogue a presente rubrica. Assim se complementará a divulgação das bedês (e, consequentemente, dos respectivos autores) em publicação nos fanzines de papel. Para o caso, trata-se de autores que participaram no mais recente número do Jazzbanda.

Prancha inicial da banda desenhada Pérolas para Porcos (6 pranchas), da autoria (argumento e desenho) de Rui Lacas
 Prancha inicial da banda desenhada Copo ao Som de um Piano (6 pranchas) da autoria (argumento e desenho) de Pepedelrey
 
Prancha inicial da banda desenhada (4 pranchas) Contrabaixo Solitário (4 pranchas), da autoria (argumento e desenho) de J.Coelho

Prancha inicial da banda desenhada Apontamentos Improvisados e Sincopados (5 pranchas), da autoria (argumento e desenho) de Pedro Nogueira
  Prancha inicial da banda desenhada O Saxofonista de Hamelin, (4 pranchas) da autoria (argumento e desenho) de Renato Abreu
-----------------------------------------------------

Neste fanzine Jazzbanda (nº2), a capa e respectivo grafismo são da autoria de Pedro Massano, estando visíveis no blogue "Fanzines de Banda Desenhada", no endereço
http://fanzinesdebandadesenhada.blogspot.com

"Post" remissivo - Do mesmo tema há um texto anterior em Outubro, 14, relacionado com os autores Pedro Figue e Daniel Maia divulgados no fanzine Tertúlia BDzine.

5 comentários:

Luís Graça disse...

O fanzine já chegou às mãos da Inês Ramos, que mandou um beijinho e agradeceu penhoradamente.

Geraldes Lino disse...

Graça: Espero começar a aguçar-lhe a curiosidade sobre esta componente editorial alternativa que representam os fanzines.

Geraldes Lino disse...

Graça: Espero começar a aguçar-lhe a curiosidade sobre esta componente editorial alternativa que representam os fanzines.

Geraldes Lino disse...

Graça: Espero começar a aguçar-lhe a curiosidade sobre esta componente editorial alternativa que representam os fanzines.

Luís Graça disse...

A curiosidade está mais do que aguçada. O problema é que ela tem um ritmo de trabalho elevado. Mas não perdes nada em reforçar o aguçar da curiosidade. Sugiro-te que a convides formalmente, para terça-feira, através do www.porosidade-etérea.blogspot.com.
É o blog dela dedicado à poesia.
"Filho" recente e dilecto.
Do meu lado, já a convidei uma vez mais.