domingo, novembro 04, 2012

Festivais, Salões BD e afins - (Amadora) - 23º Amadora BD/2012 - Prémios e Premiados (4º de 5 "posts")


Na postagem anterior ficaram registadas as categorias - obras de BD, nacionais e estrangeiras, álbuns de tiras humorísticas, clássicos portugueses, fanzines - candidatos aos diversos prémios, que foram sujeitos a análise e votação de um júri de especialistas de banda desenhada.

Na cerimónia que hoje se realizou, a partir das 18h30, no edifício dos Recreios da Amadora, foram publicitados todos esses prémios - inclusive os que foram atribuídos aos vencedores do concurso de BD, este ano, excepcionalmente, com tema livre.

Como é habitual, o espectáculo decorreu de forma agradável, desta vez com a parte de espectáculo preenchida pelo duo Carlos Barreto (bem conhecido músico de Jazz, a tocar contrabaixo) e António Eustáquio, no guitolão, alternando com os premiados a subirem ao palco para a respectiva entrega dos prémios, que distinguiram as seguintes obras e autores:

PRÉMIO CIDADE DA AMADORA
José de Matos-Cruz

CLÁSSICOS DA 9ª ARTE
Obra: “Sangue Violeta e outros contos”
Autor: Fernando Relvas
Editora:El Pep
Nota do bloguista: A capa deste álbum serve de ilustração ao topo da postagem

BD PORTUGUESA - MELHOR ÁLBUM
“As Aventuras de Dog Mendonça e Pizzaboy II – Apocalipse”
Autores: Filipe Melo (arg.) e Juan Cavia (des.)
Editora: Tinta da China


BD PORTUGUESA - MELHOR ARGUMENTO
Obra: “O Pequeno Deus Cego”
Argumentista: David Soares
Editora: Kingpin Books

BD PORTUGUESA - MELHOR DESENHO
Obra: “Pontas Soltas – Cidades”
Desenhador: Ricardo Cabral
Editora: ASA

MELHOR ILUSTRAÇÃO PARA LIVRO INFANTIL
Ilustradora: Madalena Matoso
Obra: “Todos Fazemos Tudo”
Editora: Planeta Tangerina

PRÉMIO JUVENTUDE
Obra: “Pontas Soltas – Cidades”
Autor: Ricardo Cabral
Editora: ASA


MELHOR ÁLBUM ESTRANGEIRO
Obra “Blankets”
Autor: Craig Thompson
Editora: Biblioteca de Alice/Devir


MELHOR ÁLBUM DE TIRAS HUMORÍSTICAS
Obra: “Os Nossos Mutts”
Autor: Patrick McDonnell
Editora: Devir

MELHOR FANZINE
Título: “Fábrica, Baldios, Fé e Pedras atiradas à lama”
Tiago Baptista (coordenador)
Editora: Oficina do Cego (editor)

Nota do bloguista: Corrijo o comentário inicial: na realidade, esta edição corresponde à categoria de fanzine, visto que a Oficina do Cego, é uma associação não lucrativa.
  

---------------------------------------------------------------------------

CONCURSO DE BANDA DESENHADA
- T E M A  L I V R E -
Vencedores
E S C A L Ã O  A
1 º P R É M I O
Bernardo Anjos Majer Baptista da Silva, Lisboa.
2 º P R É M I O
Ana Sofia Vieira Fernandes, Azóia.
3 º P R É M I O
Carlos Duarte Neves Pires, Odivelas.
M E N Ç ÃO  H O N R O S A
Nuno Miguel Lourenço Rodrigues, Lisboa.
M E N Ç Ã O H O N R O S A
João Duarte Alcântara Guapo de Almeida, Turcifal.
E S C A L ÃO A +
1 º P R É M I O
Sérgio Rafael Malheiro De Almeida Nunes, Lisboa.
M E N Ç Ã O  H O N R O S A
João André Machado de Almeida Ribeiro/
Joana Leite Cabral Caldeira, Amadora.
M E N Ç Ã O  H O N R O S A
Duarte Nuno Ferreira da Silva Lázaro, Lisboa.

E S C A L Ã O  B
1 º P R É M I O
Filipe Jorge Hichwa Leitão, Oeiras
.
2 º P R É M I O
Bernardo Serra Motta, Setúbal
.
3 º P R É M I O
Tiago Rodrigo Constantino Pereira, Setúbal.

C A R T O O N
1 º P R É M I O
Bernardo João de Almeida Moreira
, Colares.
2 º P R É M I O
Jorge André Bernardo Catarino, Amadora.
3 º P R É M I O
Jorge André Bernardo Catarino
, Amadora.
---------------------------------------------------------------------------
Para ver as três postagens anteriores referentes a este 23º Festival BD da Amadora e também mais antigos de outras edições, bastará clicar no item Etiquetas: Festivais, Salões BD e afins, visível no rodapé      

3 comentários:

Livros & Edições disse...

Caro Geraldes Lino,

por uma questão de justiça devo clarificar que o livro do Tiago Baptista foi uma co-edição entre a Oficina do Cego Associação a9)))). abraço da
ISabel

Geraldes Lino disse...

Cara (desconhecida para mim, suponho), Isabel
Por acaso até tenho a dita revista, mas confiei na informação que me foi transmitida pela entidade organizadora do festival, onde apenas constava como editor a Oficina do Cego.
Portanto, embora involuntáriamente, não indiquei essa co-edição entre duas entidades editoriais, a Oficina do Cego e a Associação a9))).
O meu pedido de desculpa.

Geraldes Lino disse...

Cara Isabel
Se por acaso vir este comentário, diga-me: a Associação a9))) é uma associação profissional,com fins lucrativos?