sábado, dezembro 16, 2006

Livrarias de Banda Desenhada (I) - Dr. Kartoon (ou Prof. Dr. Kartoon?), reabre em Coimbra

 
Sim, a inefável Fanny Denayer foi-se embora de Coimbra - para algures, talvez já esteja de novo na sua Bélgica -, deixando a livraria Dr. Kartoon (que ela abrira em Março de 1998) numa espécie de letargia. 

Isto, mais o fecho da sucursal da lisboeta BdMania que funcionava na "Lusa Atenas", fazia parecer que os bedéfilos coimbrões iriam ficar órfãos de espaços para a sua gostosa perdição. Assim não aconteceu.
Um grupo de gente que gosta, e sabe, de BD, tomou nas mãos a difícil tarefa de reerguer a Livraria Dr. Kartoon, especializada em BD, como bem sabe todo o culto povo bedéfilo portuga.

Um grupo de gente ? Quem, quantos, perguntará o visitante do blogue, cheio de curiosidade.
Pois foi isso que fiquei ontem a saber, em pormenor, ao jantar com três deles, o João Miguel Lameiras, o João Miguel Reis, e o Fernando Ferreira.

Faltou ao repasto o quarto elemento, o João (Dr. João III, visto que os dois outros Joões também são licenciados) Ramalho Santos, que vai estar hoje, dia 16, o mais tardar dentro de vinte minutos - a re-inauguração está prevista para as 16h - na festa Kartoonística.

Quem visitar agora este blogue não poderá ainda ver o folheto (ok, "flyer") de divulgação do evento, porque me esqueci dele na madrugada de ontem lá na livraria, onde toda a gente (os três "patrões" citados com a ajuda de dois amigos deles, a Teresa Ferreira e o João Barreira) trabalhava na arrumação, limpesa e trabalhinhos adjacentes.

Qualquer bedéfilo que venha a Coimbra, fica a saber que a Professor Doutor Kartoon - não, agora a sério, a Livraria Dr. Kartoon -, fica na rua da Manutenção Militar, uma ladeira difícil de subir, mas mais fácil de descer (donde é que copiei isto?), mesmo que carregado de livros de BD.
-----------------------------------------

Fui à abertura, estava animada a loja.

Voltei agora ao Espaço Internet (gratuito) da Câmara Municipal de Coimbra para actualizar o "post". Para falar, por exemplo, dos autores presentes.

Além de Luís Henriques e Rui Lacas (autores/artistas), estiveram João Ramalho Santos e João Miguel Lameiras, argumentistas, coimbrões (e, como já disse, participantes na sociedade que gere a livraria), e o J. Machado-Dias, também argumentista.

5 comentários:

João Miguel Reis disse...

Caro Geraldes, gostei muito do post e espero que este projecto tenha pernas para andar, por muitos e longos anos.
Obrigado pelo apoio!

Geraldes Lino disse...

Caro João Miguel Reis, grato pela visita. Pela minha parte, também espero que o vosso projecto se mantenha firme durante muitos anos.
Numa cidade universitária, a vossa livraria representa um oásis bedéfilo indispensável em absoluto

Luís Graça disse...

Bons ventos para os projectos.
Minorem-nos as saudades da Fanny e sirvam resmas e resmas de boa BD a esses grandes coimbrãos que andam pela cidade.

naritaRUC disse...

Espero que a Livraria Prof. Dr. Kartoon tenha muitos anos de vida. Aproveito o post para dizer que no meu blog dedicado aos fanzines destaquei o Jazz Banda que já estão na minha estante :)
Continua o bom trabalho de divulgação!!!

joao fontes disse...

fiquei mt contente por saber q o dr.katoon ainda vive. podem crer q a minha presença vai ser constante e espero q corra tudo sobre rodas e obrigado por continuarem. um abraço